Resenha - Closing The Book On Human Clay - Human Clay

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar Correções  

9


Em 1995 o Talisman vivia uma fase de dúvidas. O álbum "Life", recém-lançado, não obteve o apoio necessário por parte da gravadora, e tal situação causou um mal estar interno entre seus integrantes. O carismático vocalista Jeff Scott Soto tomou então uma das mais controversas decisões de sua vida musical: ingressar no grupo "dance / rock" Boogie Knights e passar alguns anos fazendo shows em cassinos por Las Vegas. Era a época do grunge... aonde o heavy metal passou por sua fase mais profunda de hibernação, e o hard por sua fase de estagnação. Marcel Jacob (baixo) então tomou a iniciativa de convidar Jeff para juntos trabalharem em algum material que o mesmo possuía, sem o compromisso de com isso gerar mais um disco do Talisman. Eis que essa dupla multi-tarefa lançou "Human Clay" em 1995 e "U4Ia" em 1997.

publicidade

O que temos neste CD, "Closing The Book On Human Clay", é o canto-do-cisne da banda, com os dois discos reunidos em um CD duplo, mais algumas faixas bônus.

"Human Clay", o primeiro CD, traz antes de tudo uma banda de hard fortemente influenciada pela cena de Los Angeles, começando com "2 Your Heart", a capela, e que mostra o talento de Jeff em manipular vozes (essa mesma música abriu alguns shows de sua turnê solo em 2002), para continuar com "Golden Heart", movida a riffs contagiantes e um vocal magistral. Já "Heaven On Earth" era mais suave, com leve acento pop, dessas de cantar junto (coisa que faria Jon Bon Jovi se roer de inveja). O bom uso dos teclados em "Jealousy", a rifferama heavy metal de "Now It´s Time" e a pesadinha "Holdin' On" são os destaques deste CD, que ainda contém como bônus a pesada "In The Line Of Fire" e a "heavy" oitentista "Eternal Flame" (co-escrita com John Norum). Detalhe que não pode passar batido: o que Jeff tem de vocalista, Marcel tem de baixista... vai tocar assim na...!!!!

publicidade

"U4ia" viria ser lançado dois anos depois, com uma produção bem superior a seu antecessor, e com uma pegada bem mais aproximada ao heavy metal. Com a bateria segura de Jaime Berger (que depois seria efetivado no Talisman), músicas como "Lessons Of Love", "King Of The Nation" (com um "groove" trazido por Jeff de suas apresentações com o Boggie Knights) e a pesada "The Thin Line" evidenciavam o amadurecimento do conjunto. Destaque para a cadenciada "Speed Demon", a fantástica "Pretender" (com riffs mirabolantes) e a AOR "Survive". Como bônus o CD apresenta a boa "Boy On A Golden Hill", com forte destaque para as guitarras, mais presentes neste CD do que em seu predecessor. A mesma observação feita anteriormente sobre Marcel vale para este CD, como toca esse cara.

publicidade

Curiosamente o Talisman viria a lançar anos depois seu CD mais experimental, o interessante "Truth". O Human Clay nunca chegou a se apresentar ao vivo, embora algumas de suas músicas tenham sido executadas tanto por Jeff em sua carreira solo como pelo Talisman. Um projeto de feras... dois CDs obrigatórios agora em um só, ótimo para quem quer conhecer mais sobre hard rock.

publicidade

Site Oficial: www.talismanworld.com

Material Cedido Por:
Encore Records
http://www.encorerecords.com.br
São Paulo (SP)

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Rock In Rio: Freddie Mercury desdenhou dos artistas brasileiros em 1985Rock In Rio
Freddie Mercury desdenhou dos artistas brasileiros em 1985

Regis Tadeu: a tsunami de lixo musical da atual música brasileiraRegis Tadeu
A tsunami de lixo musical da atual música brasileira


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin