Matérias Mais Lidas

imagemO hit da Legião Urbana cuja letra fala sobre esperança de Renato em se curar da AIDS

imagemO clássico dos Paralamas do Sucesso que Lobão acusou de plágio

imagemFãs de Stranger Things do Tik Tok querem cancelar o Metallica

imagemPrika: "Já esperava saída da Fernanda, mas só em longo prazo e não naquele momento"

imagemPodcast diz que prática comum no black metal hoje seria "coisa de esquerdomacho"

imagemA canção do Rush que tira sarro de balada clássica do Kiss

imagem"Babá de Artista" do Rock in Rio diz que Iron Maiden não dá trabalho e são "gentleman"

imagemIngressos para o Wacken 2023 se esgotam em tempo recorde

imagemA lenda do Rock que se arrepende de nunca ter dormido com Jimi Hendrix

imagemBlack Sabbath: Ozzy e Iommi sobem ao palco para tocar clássicos na final do Commonwealth

imagemNando Reis e a enigmática música que ele queria usar para seduzir Marisa Monte

imagemO hit dos Engenheiros do Hawaii com citação de canção soviética sobre defender a pátria

imagem"Farsa" da Mobile Fidelity abre crise no conceito de "áudio puramente analógico"

imagemDinho lembra quando entrevistou Robert Plant sem poder falar sobre Led Zeppelin

imagemTom Morello explica por que o RATM se reúne, mas não lança novas músicas


Stamp

Resenha - Massacre, Corruption, Destruction... - Andralls

Por André Toral
Em 24/10/00

Nota: 8

Banda formada por Alex (vocalista-guitarrista), Denis (Guitarrista), Eddie (baixo) e Gustavo (bateria), o Andralls se destaca por trazer um thrash violento e cheio de pegada. Ao escutar "Massacre, Corruption, Destruction...", podemos desconfiar porque, cada vez mais, bandas assim estão vindo à tona, novamente. Acontece que o thrash metal brasileiro é o estilo mais desenvolvido e menos propenso a exageros vocais, instrumentais etc. Assim sendo, temos o Andralls com um CD cheio de musicalidade e porradaria.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A voz de Alex lembra a de Max Cavalera (Soulfly), a produção está acima da média, as guitarras estão pesadas e a bateria é o que mais impressiona, pelas excelentes viradas e vigor inacreditável. Em termos de influências, pode-se notar momentos parecidos a Slayer e Sepultura. No campo musical, temos "Hate", trazendo fúria em estado puramente thrash, além de "Chaotic Wolrd", onde a sua introdução traz uma semelhança incrível com o começo de War Essemble(Slayer). Em "The Future of Life", temos mais umas pitadas de Slayer da época do Seasons in the Abyss. "Andralls on Fire" vem para ser um clássico, devido ao seu peso e levada. O mesmo ocorre com "Fury in your Eyes" e "Lady Death".

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Enfim, uma banda que tem muito a oferecer para os fãs do mais puro thrash. Confiram!

Para acessar o site da banda: http://come.to/andralls
Para contatar a banda: [email protected]

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Dream Theater 2022


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Fotos de Infância: Gene Simmons, do Kiss

Marilyn Manson: ele removeu costelas para praticar autofelação?


Sobre André Toral

Formado em Administração de Empresas. Curte Hard clássico dos anos 70 e início dos 80; Heavy Metal é sua religião.

Mais matérias de André Toral.