Resenha - Mark Of The Warrior - Haterush

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Thiago Sarkis
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8


É surpreendente a estréia desta banda sueca. De firmeza e precisão raras. Guiar-se pelo release ou pequenas partes das músicas pode significar seguir o caminho de um terrível engano e limitá-los, o que, perante "Mark Of The Warrior", é realmente uma estupidez.

Nirvana: "Teoria é um desperdício de tempo", dizia KurtIntrigas: Bandas em família que terminaram mal

A qualidade dos músicos é altíssima e podemos falar em especial do vocalista Stefan Embretsson, de alcance vocal fantástico e muita potência em todas as notas.

Precariamente define-se esta banda como power metal. É verdade que não nos afastamos deste estilo, mas certamente ouvimos oferendas mais interessantes e criativas durante cerca de cinqüenta minutos de excelentes composições.

A influência de Yngwie Malmsteen sobre Jan Sandberg é perceptível, porém, diluída em prol do que as músicas pedem. Por vezes, o hard predomina e nem solos de guitarra aparecem.

Para definir a sonoridade destes suecos preciso de três conjuntos: Primal Fear + At Vance + Queensryche. Uma equação incerta de resultado exato: refrões memoráveis, riffs rápidos, bateria e baixo extremamente precisos e inteirados de suas funções.

Começo de carreira impressionante e ficamos esperando por novos lançamentos. Grande banda!

Site Oficial - http://www.haterush.com

Stefan Embretsson (Vocais)
Jan Sandberg (Guitarra)
Magnus Wall (Baixo)
Richard Holmgren (Bateria - Percussão)

Material cedido por:
Century Media Records - http://www.centurymedia.com.br
Caixa Postal 1240 São Paulo SP 01059-970 BRASIL
Telefone: (0xx11) 3097-8117 / +55-11-3097-8117
Fax: (0xx11) 3816-1195 / +55-11-3816-1195
Email: brasil@centurymedia.com.br



GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Haterush"


Nirvana: Teoria é um desperdício de tempo, dizia KurtNirvana
"Teoria é um desperdício de tempo", dizia Kurt

Intrigas: Bandas em família que terminaram malIntrigas
Bandas em família que terminaram mal


Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis no Whiplash.Net.