Resenha - Inferno - Motorhead

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 10


Falar o que? Todo grupo, por mais brutal que seja, por mais que transpire agressividade em sua música, sempre prestará tributo a Lemmy & cia. O Motorhead deixou de ser uma banda para ser uma referência de som pesado e agressivo. Uma banda que consegue soar rock, heavy, thrash, não pode ser desprezada por ninguém. A voz de Lemmy, rouca e detonada por anos de cigarros e bebida, já virou símbolo para muitos vocalistas. Desde "Sacrifice" eles vêm lançando discos de boa qualidade, no padrão Motorhead de ser.

Big 4 britânico: Halford queria juntar Priest com Maiden, Sabbath e MotörheadThe Doors: A mais famosa foto do fantasma de Jim Morrison

E não poderia ser diferente neste novo "Inferno". Faixas pesadas e agressivas como "Terminal Show", "Killers" (com uma bateria insana de Mikkey Dee) e a excelente "In the Name of Tragedy" soam como uma paulada nas orelhas. Já "Suicide" (que foi apresentada aos fãs brasileiros na última turnê dos rapazes) é mais cadenciada e não menos empolgante.

É difícil escolher uma favorita, afinal o Motorhead prima por uma linearidade fantástica em suas músicas, mas "Life's a Bitch" (uma das mais rockeiras) e a "speed" "Fight" são fortes candidatas ao posto. Phil Campbell cada vez mais ganha espaço na banda, sendo agora o braço direito de Lemmy, como mostram os excelentes "riffs" de "In the Year of The Wolf" e a pegada mais blues de "Keys to the Kingdom".

Para quem acha que a banda não apresentaria uma surpresa neste cd, ou uma balada, basta aguardar o final. "Whorehouse Blues" é um dos números mais interessantes que a banda já gravou. Um "mezzo" de blues e country, com Lemmy e Phil nas guitarras acústicas e Mikkey na percussão. Acaba soando engraçado, mas é um momento curioso e marcante para uma banda pesada como o Motorhead.

Frase final da resenha: já comprou?

Site Oficial: http://www.imotorhead.com

Lançado em 2004 pela Rock Brigade/LaserCompany


Outras resenhas de Inferno - Motorhead

Resenha - Inferno - Motorhead




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Motorhead"


Big 4 britânico: Halford queria juntar Priest com Maiden, Sabbath e MotörheadBig 4 britânico
Halford queria juntar Priest com Maiden, Sabbath e Motörhead

Motörhead: as músicas feitas em homenagem a Lemmy.KZG: Gastão Moreira mostra o impressionante box set do Motorhead

Kerrang!: os maiores mascotes do Heavy MetalKerrang!
Os maiores mascotes do Heavy Metal

Motörhead: Overkill e Bomber são relançados em box comemorativo; ouçaEm 27/10/1979: Motörhead lançava o álbum Bomber

Motörhead: Rock and Roll Hall of Fame reconsidera e inclui Phil Campbell e Mikkey DeeMotörhead
Rock and Roll Hall of Fame reconsidera e inclui Phil Campbell e Mikkey Dee

Motörhead: Phil Campbell e Mikkey Dee são ignorados pelo Rock and Roll Hall of FameMotörhead
Phil Campbell e Mikkey Dee são ignorados pelo Rock and Roll Hall of Fame

Rock Hall of Fame: Judas Priest, Motörhead, Soundgarden e outros concorrem para 2020Rock Hall of Fame
Judas Priest, Motörhead, Soundgarden e outros concorrem para 2020

Motorhead: conheça a edição especial "jaqueta de couro" de box set

Motorhead: filho relata a luta de Lemmy para subir ao palcoMotorhead
Filho relata a luta de Lemmy para subir ao palco

Lemmy: ele ainda está vivo e fez pacto com Illuminati, diz conspiracionistaLemmy
Ele ainda está vivo e fez pacto com Illuminati, diz conspiracionista


The Doors: A mais famosa foto do fantasma de Jim MorrisonThe Doors
A mais famosa foto do fantasma de Jim Morrison

Full Rock: 10 músicas desgraçadas por bandas de forróFull Rock
10 músicas desgraçadas por bandas de forró


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336