Resenha - Heliopolis - Drearylands

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Kadu Bedatra
Enviar correções  |  Ver Acessos


Depois de algum tempo parada a banda baiana DrearyLands volta com um line-up bem diferente de seu primeiro registro em 2000, ficando de sua formação original apenas o vocalista Leo Lyon Leão e o baterista Louis. Juntando-se ao grupo vieram Rafael Syade (g), Paris Menescal (g) e Marcos Case (b).

Presença de Palco: dicas para iniciantesGuns N' Roses: funkeiro assassina clássico máximo da banda

Heliopolis é um disco de bastante peso e agressividade e ao mesmo tempo temos nele melodias e climas nostálgicos, sendo um disco difícil de se denominar. O que ouvimos aqui é um metal forte e tradicional calcado com influencias de um power metal visceral, como na faixa que abre o disco, "New Old Dalliance". Já em outros momentos temos duetos de guitarras com leves influencias de doom metal como na ótima "Addiction War". Mas realmente o destaque deste disco ficam mesmo é na parte lírica, onde a banda mescla letras em ingles e portugues como a faixa "The greatest Show on Earth" e outras somente em portugues como na faixa "Em frente ao Espelho".

O fato é que neste álbum o Drearylands representa com muita dignidade o metal nacional fazendo um som com muita competência.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Drearylands"


Presença de Palco: dicas para iniciantesPresença de Palco
Dicas para iniciantes

Guns N' Roses: funkeiro assassina clássico máximo da bandaGuns N' Roses
Funkeiro assassina clássico máximo da banda


Sobre Kadu Bedatra

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adClio336|adClio336