Resenha - Burning the False Faith - Purgatory

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8


Os cariocas do Purgatory não estão para brincadeiras. Formado nos anos 90, a banda, que já tem em seu "curriculum" uma demo lançada, parte agora para o lançamento de seu primeiro cd, investindo pesado no trash metal anos 80, com fortes influências de Slayer e do chamado "black metal de raiz", como o Venom.

Chester Bennington: a tocante carta que ele escreveu para Chris CornellChris Cornell: relatório policial descreve últimas horas e morte

"Fuck You and Your God" e "Memories" (quase um black-metal) são pura agressividade. Vocais guturais, guitarras pesadas, e uma bateria velocíssima dão a tônica, enquanto que as letras fazem críticas inteligentes e bem elaboradas, sem os exageros de algumas bandas. Destaque também para "It's Always the Same" (quase uma "Seasons in the Abssys" de tão cadenciada) e para as cruéis (no bom sentido) "No Mercy to Hitler" e a pesada-climática "Walking Through Religious Eyes" (mais rápida, um dos destaques do cd).

A banda conseguiu uma proeza ao soar cativante e ao mesmo tempo mesclar partes pesadas com riffs mais melódicos, como em "Bloodline", uma das melhores do cd. Já a parte mais agressiva fica para a bônus "Satanic Religion" (presente na primeira demo).

Um belo cd de uma banda que promete muito. Uma maior busca por identidade, somada a experiência que só a estrada pode dar vai refletir em bons resultados. Pela primeira vez achei legal ir ao purgatório.

Line Up:
Adriano Souza - Vocal
Ricardo Monteiro - Guitarra
André Pinheiro - Baixo
Americo Mortagua - Bateria
Julio Cesar - Guitarra.

Site oficial: http://www.purgatory.com.br

Contatos: purgatory@starmedia.com




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Purgatory"


Chester Bennington: a tocante carta que ele escreveu para Chris CornellChester Bennington
A tocante carta que ele escreveu para Chris Cornell

Chris Cornell: relatório policial descreve últimas horas e morteChris Cornell
Relatório policial descreve últimas horas e morte


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336