Matérias Mais Lidas

Kerrang!: Todos os mascotes do metal, ranqueados do pior ao melhorKerrang!
Todos os mascotes do metal, ranqueados do pior ao melhor

Kiss: Gene Simmons relembra o primeiro encontro com o desdentado Angus YoungKiss
Gene Simmons relembra o primeiro encontro com o desdentado Angus Young

Eric Clapton: as reações após tomar a vacina da AstraZenecaEric Clapton
As reações após tomar a vacina da AstraZeneca

Helloween: Michael Kiske diz que nunca mais usará playback nas apresentações ao vivoHelloween
Michael Kiske diz que nunca mais usará playback nas apresentações ao vivo

Guns N' Roses: em vídeo legendado, Slash explica por que deixou a bandaGuns N' Roses
Em vídeo legendado, Slash explica por que deixou a banda

Guns N' Roses: cantora de apoio revela como era fazer turnê com a banda nos anos 90Guns N' Roses
Cantora de apoio revela como era fazer turnê com a banda nos anos 90

Rock And Roll Hall Of Fame: presidente diz que fãs de rock precisam abrir a cabeçaRock And Roll Hall Of Fame
Presidente diz que fãs de rock precisam abrir a cabeça

The Pit: 10 álbuns extremos surpreendentemente ótimos para ouvir entorpecidoThe Pit
10 álbuns extremos surpreendentemente ótimos para ouvir entorpecido

Ozzy Osbourne: música famosa do Weezer foi rejeitada pelo madmanOzzy Osbourne
Música famosa do Weezer foi rejeitada pelo madman

Kiss: como foi demitir Eric Carr em seu leito de morteKiss
Como foi demitir Eric Carr em seu leito de morte

Suíça: 10 grandes bandas de rock and roll e metal que surgiram na terra dos relógiosSuíça
10 grandes bandas de rock and roll e metal que surgiram na terra dos relógios

Guns N' Roses: As gravações dos discos Use Your Illusion segundo Matt Sorum (vídeo)Guns N' Roses
As gravações dos discos "Use Your Illusion" segundo Matt Sorum (vídeo)

Pitty: cantora publica foto nua na internet e bate recorde de curtidasPitty
Cantora publica foto nua na internet e bate recorde de curtidas

Foo Fighters: Seus álbuns ranqueados por grandeza, pela Far Out MagazineFoo Fighters
Seus álbuns ranqueados por grandeza, pela Far Out Magazine

Black Sabbath: o dia em que a banda e um dos Bee Gees fizeram boneca inflável voarBlack Sabbath
O dia em que a banda e um dos Bee Gees fizeram boneca inflável voar


Firewing
Stamp

Resenha - Testimony - Neal Morse

Por Daniel Dutra
Em 31/03/04

Nota: 9

Terceiro disco solo de Neal Morse, o primeiro desde que saiu do Spock's Beard, Testimony seria um trabalho perfeito não fosse um único porém: a pregação. Tudo bem, Morse aceitou Jesus no coração e hoje freqüenta o Christian Gospel Temple, mas não dá para engolir a mensagem de que é o único caminho e só assim podemos encontrar o sentido da vida. A concepção religiosa chega mesmo ao extremo de renegar o passado, incluindo o que de ruim foi feito - e olha que as letras são uma autobiografia. Se fosse tão simples assim, bandido deveria receber o perdão divino ao se converter da noite para o dia.

Musicalmente, no entanto, o CD duplo é um bálsamo. Morse manteve a deliciosa veia pop de seus dois primeiros trabalhos - Neal Morse e It's Not Too Late - ao mesmo tempo em que mergulhou fundo no rock progressivo que fez do Spock's Beard um dos melhores nomes do estilo em muitos anos. Dividido em cinco suítes, Testimony traz o dono da festa mostrando a habitual categoria nos teclados e se saindo muito bem também na guitarra e no baixo (quase todas as partes foram gravadas por ele). Esperto, se cercou de convidados especiais, com destaque para um inspiradíssimo Mike Portnoy (batera do Dream Theater).

As nove divisões de Part One mantêm o nível lá em cima, mas é impossível não fazer alguns destaques. A começar por Overture Nº. 1, com uma linha de baixo à la Yes (inclusive no timbre) e ótimas mudanças de andamento, com um deles lembrando o tema de "Flash Gordon" composto pelo Queen. California Nights tem belas melodias vocais (um dos grandes destaques de Testimony, diga-se), Colder in the Sun prova que o pop pode e deve ser bem tocado e trabalhado, Sleeping Jesus tem um quê de Led Zeppelin e The Promise vai do progressivo ao ritmo latino com desenvoltura, incluindo um ótimo solo de violão flamenco.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Part 2 começa com a excelente Overture Nº. 2 e seu grande arranjo de cordas, ficando mais pop em Break of Day e Power in the Rain, esta com nítida influência de Marillion. Somber Days mostra o ótimo trabalho do percussionista Glenn Caruba e outro convidado, o guitarrista Kerry Livgren, rouba a cena em Long Story, com o eficiente acento Beatles. A orquestrada Transformation dá início a Part 3, que tem um eficiente jogo de metais em Ready to Try, cortesia de Jim Hoke (sax) e Neil Rosengarden (trumpete). A country Sing it High traz como curiosidade a participação do "irmão" Steve Farmer, pastor do Christian Gospel Temple, e sua esposa, a "irmã" Becky Farmer.

Com ares de Beatles e Yes, a ótima Moving in My Heart dá início a Part 4, que segue com a bonita balada I Am Willing e a excelente e mais progressiva In the Middle. The Storm Before the Calm, por sua vez, é simplesmente maravilhosa. Levada meio mambo, trabalho impecável de Morse ao piano e um solo de sax de Mark Leniger de tirar o fôlego. Tudo acompanhado por um Portnoy espetacular e um jogo de vozes de muito bom gosto. Aliás, justiça seja feita: os backing vocals de Pamela Ward, Aaron Marshall e Rick Altizer - principalmente as duas primeiras - foram um verdadeiro achado.

Mais uma bela balada, Oh, to Feel Him tem caprichados backings gospel (aqui com a participação de Terry White e Gene Miller). God's Theme ganhou o capricho esperado pelo título e ficou um bonito tema movido pela guitarra, enquanto Oh Lord My God é simplesmente mais rock'n'roll, musicalmente a mais simples de todo o disco. Testimony foi lançado ainda numa edição especial e limitada contendo um CD bônus. São duas faixas, ou quase. The Fang... Sings! é apenas Portnoy "cantando", por isso vá direto para a excelente Tuesday Afternoon/Find My Way Back Home. Mais do que indicado aos fãs de progressivo, o novo álbum de Morse é um presente aos que gostam de música bem trabalhada, com arranjos caprichados e uma agradável acento pop.


Outras resenhas de Testimony - Neal Morse

Resenha - Testimony - Neal Morse

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Pentral
Arte Musical
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Dream Theater: Mike Portnoy explica como ele e John Petrucci se completavamDream Theater
Mike Portnoy explica como ele e John Petrucci se completavam


Mike Portnoy: baterista diz qual o maior disco que ele já gravouMike Portnoy
Baterista diz qual o maior disco que ele já gravou

Dream Theater: Mike Portnoy explica como ele e John Petrucci se completavamDream Theater
Mike Portnoy explica como ele e John Petrucci se completavam


Black Sabbath: um Tony Iommi que você não conheciaBlack Sabbath
Um Tony Iommi que você não conhecia

The Voice Kids: garotinha canta Led Zeppelin e conquista todosThe Voice Kids
Garotinha canta Led Zeppelin e conquista todos