Resenha - Dreaming Neon Black - Nevermore

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Bruno R. T. Rebello
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 10


Após dois álbuns (Nevermore, Politics of Ecstasy) e um Ep(In Memory) o Nevermore era uma banda respeitada porem não chamava ainda a atenção e era por muitas vezes subestimada. Foi então que lançaram a obra-prima, o petardo ou seja lá como você queira chamar, Dreaming Neon Black.

Warrel Dane: Shadow Work é uma vitória para banda brasileira corajosa, diz guitarristaFree: a paixão de Dave Murray por Paul Kossoff

Não que os outros álbuns não sejam bons, muito pelo contrario, são maravilhosos, mas esse marca e chama atenção.
Álbum conceitual que fala de um homem cujo amor morreu, mas ele ainda tem contatos com ela em seus sonhos. As músicas são melancólicas e o grande vocal do Warrel Dane passa uma grande angústia e raiva.

As letras também criticam e questionam deus e as organizações religiosas como em Poison Godmachine e the Lotus Eaters.

Destacar alguma faixa seria algo impossível para mim. Só poderia aconselhar que se você está pensando em correr para o Kazaa pegar uma faixa qualquer e achar que isso já representa todo o disco, não se engane. Cada faixa tem seu brilhantismo.

Ouça-o inteiro, e se não gostar não foi quem escreveu o review que exagerou, e sim você que não soube ouvi-lo. Se gostar, "welcome to the fall".


Outras resenhas de Dreaming Neon Black - Nevermore

Resenha - Dreaming Neon Black - Nevermore




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Nevermore"


Warrel Dane: Shadow Work é uma vitória para banda brasileira corajosa, diz guitarristaWarrel Dane
Shadow Work é uma vitória para banda brasileira corajosa, diz guitarrista

Nevermore: "Impossível voltar sem Warrel Dane", diz Jeff LoomisNevermore: Jeff Loomis diz que não é possível o Nevermore voltar sem Warrel DaneEm 17/10/2000: Nevermore lançava o clássico Dead Heart In a Dead World

Warrel Dane: Jeff Loomis lamenta morte e revela conversa sobre reuniãoWarrel Dane
Jeff Loomis lamenta morte e revela conversa sobre reunião

Doro Pesch: Warrel Dane era muito, muito talentoso, diz cantoraDoro Pesch
Warrel Dane era "muito, muito talentoso", diz cantora


Free: a paixão de Dave Murray por Paul KossoffFree
A paixão de Dave Murray por Paul Kossoff

Treta: Zakk Wylde cuspiu cerveja em James Hetfield?Treta
Zakk Wylde cuspiu cerveja em James Hetfield?


Sobre Bruno R. T. Rebello

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adClio336|adClio336