Resenha - Guerrilla Jukebox Vol. 1 - Vários

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Marcos A. M. Cruz
Enviar Correções  

9


O que você faz com $30 hoje em dia? Torra em aluguel de DVD/VHS no final de semana? Vai passear no parque de mãos dadas com a(o) namorada(o) e gasta com cachorro-quente e pipocas? Ou compra um CD nacional novo, que está custando praticamente este preço?

publicidade

Caso sua opção tenha sido a última, por um pouco menos que esta módica quantia, calculada com base na cotação do dólar atual, é possível adquirir esta compilação diretamente com a Tee Pee Records, pois custa meros US$6, mais uns troquinhos de correio.

Logo da Tee Pee
Logo da Tee Pee
Para quem não sabe, a Tee Pee, independente sediada em Nova Iorque, têm em seu cast trabalhos do NEBULA, ATOMIC BITCHWAX, RAGING SLAB, BAD WIZARD, CORE e outras bandas que dispensam apresentações.

publicidade

Um resumo da filosofia da gravadora foi resumida pelo "chefão", Mr. Tony Presedo, numa entrevista ao electricbasement.com: "Geralmente assinamos com bandas originais, mas que possuam uma boa pegada Rock'N'Roll. É impossível reinventar a roda, assim como é difícil achar bandas que se encaixem neste conceito"..

publicidade

Seja como for, parece que eles sempre acertam, pois além de contar com faixas das citadas acima (incluindo "Let It Burn", do NEBULA, considerada por alguns um dos maiores clássicos do Stoner Rock), o CD ainda traz outros grupos desconhecidos para nós aqui no Brasil, mas cujos previews constantes no CD denotam a tal "pegada R'n'Roll", a grande maioria com uma boa veia setentista, tal como o TRICKY WOO, HERMANO, BOLDER e o LOST GOAT.

publicidade

Há também outras coisas ligeiramente diferentes, tal como MARK D (ex-THE MELVINS), cuja faixa mistura de forma inusitada Punk Rock, Psicodelismo e ZZ Top(!); THE HIGH STRUNG, que recua ainda mais no passado, pois possui uma pitada de pop sessentista; THE MYSTIC KREWE OF CLEARLIGHT, banda que se dedicada unicamente ao som instrumental calcado no velho e bom teclado Hammond, com alguns lampejos de Soul Music dos anos setenta, além de uma faixa inédita até agora, "Cut From Dopesmoker", do SLEEP, cujo trabalho de estréia deve rolar no final de maio.

publicidade

Todos eles possuem amostras sonoras na sua página própria no site da Tee Pee, basta navegar pelo menu lateral esquerdo e se divertir. E, caso isto lhe dê vontade de saber um pouco mais sobre estas e outras bandas, que embora tragam sonoridades diferentes, são geralmente denominadas de "Stoner Rock", pelo fato de seguirem a cartilha do velho e bom Rock'n'Roll, siga os dois links abaixo, um em inglês e outro em português:

- Stonerrock - www.stonerrock.com
- Planeta Stoner - www.planetastoner.hpg.ig.com.br.

publicidade

Faixas:
Hey Alright - THE ATOMIC BITCHWAX
Lonesome Road - TRICKY WOO
Let It Burn - NEBULA
Loosen Up - BAD WIZARD
Ain’t That Something - THE HIGH STRUNG
Miss Delicious - RAGING SLAB
Little Better - ALL NIGHT
El Morocco - MARK D
5 To 5 - HERMANO
El Segundo - BLACK NASA
Fleetwood - CORE
Keep High/Stay Low - BAD WIZARD
Cut From Dopesmoker - SLEEP
Back For the Show - BOULDER
Electrod - MYSTIK KREWE OF CLEARLIGHT
Hanging Tree - LOST GOAT
Blood From Zion - HIGH ON FIRE
Real Good Time - RAGING SLAB
Total time: 74:04

publicidade

Material cedido por Tee Pee Records - www.teepeerecords.com.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Cinco contra um?: Roqueiros comentam como a revista Playboy os marcouCinco contra um?
Roqueiros comentam como a revista Playboy os marcou

Discórdia: alguns dos maiores insultos entre artistasDiscórdia
Alguns dos maiores insultos entre artistas


Sobre Marcos A. M. Cruz

Fanático por rock setentista.

Mais matérias de Marcos A. M. Cruz no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin