Matérias Mais Lidas

imagemMarcello Pompeu, em busca de emprego, pede ajuda a seguidores

imagemDavid Gilmour surpreende ao responder se o Pink Floyd pode voltar a fazer shows

imagemGene Simmons faz passagem de som antes de show do Kiss com roupa inusitada

imagemRegis Tadeu explica porque o vinil e o Spotify vão despencar e o CD vai bombar

imagemMax Cavalera e o conselho dado por Ozzy Osbourne: "ambos nos sentimos traídos"

imagemBill Hudson comenta sobre falta de público de Angra e outras bandas nos EUA

imagemPaul McCartney lista os cinco músicos que formariam sua banda dos sonhos

imagemJames Hetfield se emociona profundamente no show de BH e é amparado pelos amigos e fãs

imagemConheça a "melhor banda com as melhores músicas" para Robert Smith, do The Cure

imagemDez grandes músicas do Iron Maiden escritas pelo vocalista Bruce Dickinson

imagemMax Cavalera é criticado por ucranianos pelo apoio a Rússia em 2014

imagemDave Mustaine mostra a forma curiosa como se aquece antes de um show do Megadeth

imagemAbba e a imensa importância do Deep Purple na sonoridade de suas músicas clássicas

Marcello Pompeu: ele conta por que não se posiciona politicamente, apesar de cobranças

imagemBlind Guardian divulga capa, nomes e duração das faixas de seu novo álbum


Stamp

Resenha - Geoff Tate - Geoff Tate

Por Rafael Carnovale
Em 18/07/02

Nota: 6

Depois do "meia-boca" Q2K, e de um cd ao vivo muito promissor, o Queensryche parecia que iria entrar nos eixos e nos brindar com um cd de heavy metal digno da banda que já trouxe ao mundo pérolas como "Operation:Mindcrime" e "Rage for Order". E eis que Geoff Tate, o vocalista, resolve se aventurar por um cd solo, antes da banda (que perdeu o guitarrista Kelly Gray recentemente). O que poderíamos esperar de um cd solo de um vocalista renomado, numa banda com intenção de voltar aos seus áureos tempos? Algo muito promissor, com certeza.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Mas não é o que acontece. Cd’s solo não necessariamente precisam seguir a linha das bandas principais de quem os lança, mas este solo de Geoff lembra demais a fase do Queensryche que todos queriam esquecer: os cd’s "Hear in the New Frontier" e "Q2K"... o que aconteceu? A voz continua lá, como mostram faixas como "Flood" e "Forever", mas o cd é cheio de efeitos eletrônicos, guitarras sintetizadas e climas soturnos, sendo em alguns casos até entediante, como nas faixas "Touch" e "Every Move You Make", que apesar de terem boas harmonias e a voz sempre bem colocada (e em forma) de Geoff, não conseguem emplacar.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Geoff acerta quando imprime um pique mais pop ao cd, como na balada "In Other Words", e na quase (pasmem) rockeira "A Passenger", que com sua levada mais comercial, consegue empolgar, mas não muito. As melhores faixas fiquem para o final: as rockeiras "Off The Tv", "Grain of Faith" e a quase metaleira "Over Me", aonde Geoff mostra que continua com um gogó afinadíssimo. Se era sua intenção fazer um cd diferente ele atingiu seu objetivo, mas o cd de fato não empolga e não é recomendável para nenhum fã do Queensryche.

Acho que é hora de ressucitar Doctor X e fazer uma "Revolution" na mente dos integrantes da banda. Urgente!!!! (Risos)

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Lançado pela Sancturary Records.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Geoff Tate diz que Queensryche recusou quantias obscenas de dinheiro por reuniãoGeoff Tate diz que Queensryche recusou quantias "obscenas" de dinheiro por reunião

Geoff Tate fará shows no Brasil em 2022; confira datas e locais das apresentaçõesGeoff Tate fará shows no Brasil em 2022; confira datas e locais das apresentações

Queensryche: ao contrário do vocalista atual, Geoff Tate parou de fumar quando era jovemQueensryche: ao contrário do vocalista atual, Geoff Tate parou de fumar quando era jovem


Mike Portnoy: baterista não quer guardar mágoas de Geoff Tate

Geoff Tate diz que Queensryche recusou quantias "obscenas" de dinheiro por reunião



Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale.