Resenha - Procurado - O Bando do Velho Jack

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por André Toral
Enviar Correções  

8


Banda formada por Rodrigo (guitarra e vocal), Fábio Terra (guitarra e vocal), Gilson (teclados), Marcos (baixo) e Bosco (bateria), o Bando do Velho Jack se inspira em bandas como Cream, Free, Allman Brothers, Doobie Brothers, Grand Funk, Lynyrd Skynyrd, etc. Seja sincero: há quanto tempo você não escuta um bom e velho rock and roll? Em um mercado infestado por modas, no mínimo há um bom tempo. Mas eis que temos O Bando do Velho Jack, com seu primeiro álbum intitulado "Procurado", repleto de rock. Musicalmente perfeita, a banda possui membros de primeira qualidade. Ao comentar o lado sonoro, temos as faixas mais rock’n’roll, como o hit Cão de Guarda, Trem do Pantanal, A Minha Vida é o Rock and Roll (clássico absoluto) e Corda Bamba. Como é de se notar, a banda canta em português, mas sem deixar o inglês de lado, pois temos I Feel Free, Dreams (cover do Allman Brothers) e Born To Be Wild. Aliás, esta última teve uma modificação em sua estrutura, tornando-se mais lenta do que a original; nenhum pecado, mas bem que seria melhor se estivesse no formato concebido pelo Steppenwolf. Na área do blues, temos De Ninguém e Palavras Erradas. Para animar a festa, o cd ainda possui duas músicas ao vivo, gravadas no Programa Som do Mato, da TVE/MS, em 1996: Great Balls Of Fire (excelente desempenho para a cover de Jerry Lee Lewis) e Dead Flowers. Mas um resultado absurdamente merecido não seria possível sem uma produção no mínimo maravilhosa, e isso foi conseguido. No campo instrumental, nada a comentar, além de que O Bando do Velho Jack é, de fato, composto por músicos maduros e inteligentes. É isso... rock and roll all nite com esta bandaça!

publicidade

Para acessar o site da banda: http://www.velhojack.cjb.net

Para contactar a banda: [email protected]




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Slipknot: Corey Taylor explica porque o mundo pop não suporta o Heavy MetalSlipknot
Corey Taylor explica porque o mundo pop não suporta o Heavy Metal

Freedom of Expression: o tema do Globo RepórterFreedom of Expression
O tema do Globo Repórter


Sobre André Toral

Formado em Administração de Empresas. Curte Hard clássico dos anos 70 e início dos 80; Heavy Metal é sua religião.

Mais matérias de André Toral no Whiplash.Net.

WhiFin