Nirvana: como Dave exorcizou a sua alma com a morte de Kurt Cobain?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Brunelson T., Fonte: Rock in The Head
Enviar correções  |  Comentários  | 

Em entrevista para o site Hot Press, Dave Grohl falou de quando passou um tempo na Irlanda, logo após a morte de Kurt Cobain em 1994 para tentar colocar a sua cabeça no lugar - embora ele tenha dado carona para um rapaz que estava vestido com uma camisa do NIRVANA.

1995 acessosMorello: Bleach é um dos melhores álbuns de rock de todos os tempos"5000 acessosCuriosidade: artistas que odeiam suas próprias músicas

"A experiência no NIRVANA foi um turbilhão, sabe? Tudo aconteceu tão rapidamente e explodimos no cenário sem nenhum aviso prévio, e então, simplesmente tudo desapareceu. A minha vida mudou tanto que eu tinha que encontrar algo para me manter para não cair em depressão. Uma vez que o NIRVANA havia acabado, eu não conseguia mais me imaginar pisando num palco ou sentar-me num banquinho de bateria para tocar. Isso só me traria de volta ao lugar doloroso que foi perder Kurt".

"Durante muito tempo senti que a música ia acabar com o meu coração novamente. Então eu percebi que na verdade, a música era a única coisa que iria me curar. Eu estava gravando canções por conta própria há anos sem nunca tê-las tocadas para ninguém. Pensei que ir ao estúdio que tinha no final da minha rua seria um processo terapêutico e não pensei que aquelas gravações se tornariam um dia numa banda - e caralho, com certeza não pensava que seria uma banda por mais de 20 anos".

"Você tem que entender que para mim o NIRVANA é muito mais do que para você. Foi uma experiência realmente pessoal, sabe? Eu era uma criança e nossas vidas foram levantadas e depois viradas de cabeça pra baixo, e então, os nossos corações foram quebrados quando Kurt morreu. A coisa toda é muito mais pessoal do que o logotipo, as camisas ou a icônica imagem da banda".

"Eu senti que tinha que continuar na música para exorcizar algo de dentro da minha alma. Desde os primeiros dias, a intenção de montar o FOO FIGHTERS foi sempre de manter a bola rolando como músicos, como seres humanos e como amigos. Para sentir que a vida continua em frente e ainda nos sentimos assim, sabe? Cada vez que gravamos um álbum e toda vez que subimos ao palco, nós sentimos que a vida está avançando e que não estamos olhando para trás".

Comente: Você lembra onde estava quando soube da morte de Kurt Cobain?

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

NirvanaNirvana
Dave explica como foi o treinamento vocal de Kurt Cobain

1995 acessosMorello: Bleach é um dos melhores álbuns de rock de todos os tempos"1594 acessosSemelhanças: de Maiden a Nelson, confira riffs muito parecidos2732 acessosNão rolou: dez vezes em que músicos deixaram entrevistas no meio953 acessosGrunge: 10 álbuns marcantes que completam 25 anos em 20170 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Nirvana"

Nirvana, Pearl Jam e KidNirvana, Pearl Jam e Kid
Os 100 anos de perdão do Rock

Street FighterStreet Fighter
E se os músicos do grunge entrassem pro game?

CuriosidadesCuriosidades
As histórias por trás de 11 capas clássicas

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "Nirvana"0 acessosTodas as matérias sobre "Foo Fighters"


CuriosidadeCuriosidade
Artistas que odeiam suas próprias músicas

QueenQueen
Perguntas e respostas e curiosidades diversas

Fotos de InfânciaFotos de Infância
Amy Lee, do Evanescence, muito antes da fama

5000 acessosGaleria - Tatuagens em homenagem ao Kiss5000 acessosSlash: "Sweet Child" é a coisa mais gay que alguém poderia compor5000 acessosSlipknot: Corey Taylor abandona os palcos se o Guns se reunir3995 acessosRockers respondem: Qual música você gostaria que tocasse em seu funeral? Parte 15000 acessosPolêmica eterna: O rock pesado tem um "pai"?4714 acessosNoel Gallagher: "Foo Fighters, Green Day e QOTSA fazem músicas chatas"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 11 de outubro de 2017


Sobre Brunelson T.

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online