Elric: influência para a NWOBHM, Blind Guardian e muitos outros

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Willba Dissidente, Fonte: Music and Elric of Melniboné
Enviar correções  |  Ver Acessos


Elric de Melniboné, a antítese de Conan, o conquistador intelectual, albino e fraco. A saga do introspectivo e atormentado herói, divido entre sua ascendência ao Caos e sua predileção à Lei, que mata seu verdadeiro amor e é escravo do demónio Arioch, é um marco indelével no mundo da fantasia épica e fantástica (não obstante seu virtual desconhecimento por parte do público brasileiros). Desde sua primeira publicação em 1964, que herdeiro ao trono da superpotência em queda Melniboné, exerceu peculiar fascínio no rock pesado, sendo massivamente referenciado principalmente no Heavy Metal.

Blind Guardian: ouça "This Storm", nova música do projeto orquestradoReb Beach: "Não me importo de dizer que Kirk Hammet é um bosta"

A página do facebook dedicada à criação mais completa do autor e anarquista inglês Michael Moorcock, elencou muitas das homenagens musicais feitas ao guerreiro que empunha a espada negra Stormbringer (que suga a alma das vitimas e transmite vitalidade a Elric). A estas citações incluímos um vídeo de referência.

Lembramos que toda a lista não é exaustiva, pela impossibilidade de se conhecer todos os discos e músicas lançadas. Como critério organizacional, começamos pelas bandas com mais referências à Espada Diabólica, resolvendo os empates por ano lançamento do disco e ordem alfabética.

01 . HAWKWIND - "The chronicle of the Black Sword" (1985)

Famosa banda de Hard Rock psicodélico dos anos 70, que até Lemmy Kilmister do MOTÖRHEAD fez parte, dedicou um disco inteiro a Elric e sua Stormbringer. Não satisfeitos, os ingleses lançaram no ano seguinte um single e um duplo ao vivo sobre a saga do povo de Melniboné, "Live Chronicle". Esse álbum duplo inclui poemas e trechos da obra lidos pelo próprio Michael Moorcoock.

02 . DOMINE - "The Chronicles of the Black Sword" (1997)

O grupo italiano dedicado ao metal melódico, talvez seja a banda com maior fanatismo à saga de Elric: não só uma porção de suas músicas são baseadas no herói, mas ele aparece na capa de todos os cinco discos da banda e autor Michael Moorcook recebe agradecimentos em todos eles.

03 . MOURNBLADE - "Titanium Hero" (1985)

Com nome baseado na espada irmã de Stormbringer, essa banda "psicodélica" da NWOBHM, que lancou dois discos completos na década de 1980, possuí muitas referências ao Multiverso de Moorcock, ainda que nenhuma delas exclusiva do tema.

04 . CIRITH UNGOL - "Nadsokor" (1986)

Possivelmente os estadunidenses do Heavy Metal tradicional tenham influenciado o DOMINE, pois Elric aparece na capa dos quatro discos lançados pela banda entre 1980 e 1991, quando em atividade. Apenas uma compilação póstuma de 2001 quebrou a sequência. Não obstante tantas referências visuais, somente uma música, lançada no disco "One Foot In Hell" descreve as aventuras do contraponto entre a Lei e o Caos.

05 . BLIND GUARDIAN - "Fast Do Madness" (1989)

Notórios por fazer músicas baseados em autor clássicos da fantasia como Philip K. Dick (Blade Runner), Stpehen King (Tommyknockers), Frank Herbet (Duna) e Tolkien (Senhor dos Anéis), os alemães do power metal, à partir de seu segundo disco, "Follow The Blind", dedicaram muitas canções à obra de Moorcook. No referido disco de 1989, Elric aparece em "Fast to Madness" e "Damned for All Time". No álbum "Somewhere Far Beyond" (1992) a trama volta em "The Quest for Tanelorn". O mesma cidade é assunto no disco "At the Edge of Time" (2010) com o som "Tanelorn (Into the Void)".

06 . BLUE ÖYSTER CULT - "Black Blade" (1980)

A canção sobre "a espada que me chama de mestre, porém me sinto como escravo" foi escrita em conjunto por Eric Bloom, vocalista guitarrista do seminal grupo de hard rock estadunidense, com o próprio Michael Moorcock. A primeira parceria entre autor e músicos se deu um ano antes, na canção "The Great Sun Jester" (do álbum "Mirrors"), e se repetiu no disco de sucesso "Fire Of Unknown Origin" (1981) com a música "Veteran of the Psychic Wars".

07 . DIOMAND HEAD - "Borrow Time" (1982)

Lembrada por ser uma banda underground que, assim como o BLITZKRIEG, o gigante METALLICA fez cover, os ingleses têm a faixa título deu segundo full-length baseada no guerreiro dúbio que empunha uma espada negra. Além da música, a capa do disco, autoria de Rodney Matthews (que já trabalhou com THIN LIZZY, MAGNUM, ASIA etc.), representa Elric e a cidade de Tanelorn.

08 . TYGERS OF PAN TANG - (1978)

Formada em 1978, o seminal grupo da NWOBHM tem o seu nome tirado dos animais de estimação dos "Magos of Pan Tang", um grupo de elite do Caos. Não obstante essa referência marcante no nome, a banda do guitarrista Robb Weir nunca escreveu sobre o Multiverso de Moorcock.

09 . APOLLO RA - "Bane of the Black Sword" (1989)

O power metal da banda estadunidense de curta existência APOLLO RA também prestou uma impressionante homenagem ao legado de Moorcock. A música "Bane of the Black Sword" está na segundo demo da banda, chamada "Ra Pariah", que posteriormente foi relançada em cd, com escassa prensagem.

10 . CAULDRON BORN - "Sword's Lament" (1997)

A espada que se alimenta da alma de suas vítimas para energizar seu senhor, Elric, que na verdade é um escravo da lâmina negra, foi abordado pela banda estadunidense de metal melódico em seu primeiro registro oficial.

11 . DARK MOOR - "The Fall of Melniboné" (2000)

Outra banda de metal melódico europeia, desta vez da Espanha, aparece na lista. A canção que fala da queda da nação de Menilboné apareceu como bônus japonês do disco "Hall of the older dreams", só sendo lançado nos demais mercados num EP lançado três anos depois.

12 . BATTLEROAR - "Mourning Sword" (2003)

A banda grega de metal épico dedicou canção de seu primeiro disco à espada irmã de Stormbringer.

13 . ZAKAS - "Illegitimus Non Carborundum" (2003)

Detentor de um estilo chamado de "metal de vanguarda" pela completa impossibilidade de se definir que gênero de música é essa, a banda de um homem só ZAKAS colocou o herói Elric na capa de seu segundo e último disco.

14 . ASSEDIUM - "The Messenger of Chaos" (2006)

Novamente na Europa e no metal épico, vêm da Itália a derradeira referência ao livro "A Espada Demoníaca", no disco "Rise Of The Warlords".

Ainda de acordo com o texto "Music and Elric of Melniboné", dois outros seminais grupos britânicos tem relação à obra de Moorcock. O primeiro deles seria o DEEP PURPLE, cuja trupe de David Coverdale teria se baseado no título do livro "Stormbringer" para nomear o LP sucessor de "Burn", que saiu em 1974. De acordo com o autor, o nome foi escolhido pois Blackmore e cia acreditavam que o mesmo era de origem mitológica; quando na verdade ele foi criado por Moorcock. A banda de AOR, MAGNUM teria gravado uma música chamada "Stormbringer" quando ensaiava para gravar seu primeiro LP, "Kingdom of Madness", que saiu em 1978; porém a mesma nunca foi comercialmente lançada.

O único livro publicado em português do Brasil da obra de Michael Moorcock, até onde pudemos apurar foi "Stormbringer - A Espada Demoníaca", lançado pela Editora Livraria Francisco Alves, Rio de Janeiro, em 1975. A Ed. Globo publicou em 1990 uma adaptação em HQ chamada "Elric - A Cidade dos Sonhos" (Roy Thomas & P. Craig Russel). No ano seguinte uma outra minissérie em quadrinhos, "Navegante nos Mares do Destino" saiu pela editora Abril.

Em Portugal, mais três livros da saga foram lançados: "Elric: Príncipe dos Dragões" (1972/2005), "Elric: A Fortaleza da Pérola" (1989/2006) e "Elric: Os mares do destino" (1976/2009). Ainda continuam inéditos em português os seguintes livros: "The Vanishing Tower" (1970), "The Bane of the Black Sword" (1976), "The Weird of the White Wolf" (1977) e "The Revenge of the Rose" (1991).

Sites relacionados (em inglês):

https://www.facebook.com/Melnibone?fref=ts
http://en.wikipedia.org/wiki/Elric
http://pt.wikipedia.org/wiki/Elric
http://pt.wikipedia.org/wiki/Michael_Moorcock




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção MatériasTodas as matérias sobre "New Wave Of British Heavy Metal"Todas as matérias sobre "Blind Guardian"Todas as matérias sobre "Blue Oyster Cult"Todas as matérias sobre "Tygers Of Pantang"Todas as matérias sobre "Diamond Head"Todas as matérias sobre "Cirith Ungol"Todas as matérias sobre "Hawkwind"


Blind Guardian: ouça "This Storm", nova música do projeto orquestrado

Blind Guardian: liberada Point Of No Return, primeira música do projeto orquestradoBlind Guardian
Liberada "Point Of No Return", primeira música do projeto orquestrado

Kai Hansen: escolhendo as dez maiores bandas de metal da AlemanhaKai Hansen
Escolhendo as dez maiores bandas de metal da Alemanha

Blind Guardian: dissecando o Nightfall In Middle EarthBlind Guardian
Dissecando o "Nightfall In Middle Earth"

Hard & Metal: dez músicas que soam melhor ao vivoHard & Metal
Dez músicas que soam melhor ao vivo


Reb Beach: Não me importo de dizer que Kirk Hammet é um bostaReb Beach
"Não me importo de dizer que Kirk Hammet é um bosta"

Eric Clapton: saiba mais sobre a doença que o acometeuEric Clapton
Saiba mais sobre a doença que o acometeu

Galeria de fotos: 13 motivos para gostar de Rock N RollGaleria de fotos
13 motivos para gostar de Rock N Roll

Gorgoroth: As orientações sexuais e políticas de GaahlGorgoroth
As orientações sexuais e políticas de Gaahl

Led Zeppelin: tudo sobre o hit Stairway To HeavenLed Zeppelin
Tudo sobre o hit "Stairway To Heaven"

Lojas de Discos: a desgraça e o calvário de se trabalhar em umaLojas de Discos
A desgraça e o calvário de se trabalhar em uma

Mike Portnoy: Gostaria que fôssemos uma família feliz e amigosMike Portnoy
"Gostaria que fôssemos uma família feliz e amigos"


Sobre Willba Dissidente

Willba Dissidente é fã das bandas de hard rock dos anos 70 e 80 e de metal oitentista dos mais variados países. Quem quiser saber mais deve acessar seu canal no youtube. Obrigado! Stay Hard (True As Steel)!

Mais matérias de Willba Dissidente no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336