Tradução - Tales From The Twilight World - Blind Guardian

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Tradução - Tales From The Twilight World - Blind Guardian

Traduzido por Fernando P. Silva

  | Comentários:
Imagem

O amadurecimento e marca característica do Blind Guardian que se seguiu nos álbuns posteriores veio com o lançamento de Tales From The Twilight World. O trabalho foi visto como um divisor de águas para a carreira do conjunto que deixou de ser aquele Speed Metal cru para incorporar uma sonoridade mais melódica, mas sem abandonar a velocidade e a agressividade, conforme se depreende da faixa "Welcome to Dying" ou "Goodbye my Friend". E a nova fórmula do grupo deu certo, pois o disco fez com que a banda se tornasse conhecida em diversos países, principalmente no Japão.

O curioso é que Kai Hansen deixa sua marca novamente na excelente faixa Lost in the Twilight Hall, que pode ser ouvido tanto nas guitarras como no incrível duelo vocal com Hansi Kürsch. Na época, o frontmam do Blind Guardian afirmou que, nesse álbum, eles tiveram mais tempo para se dedicarem às letras, o que pode ser notado, também, nas músicas "Traveler in Time" e "Lord of the Rings". Não é a toa que o disco é considerado histórico e um marco para a música pesada, pois foi a primeira vez que uma banda de metal misturou elementos únicos e perfeitos de speed, epic e melódico ao mesmo tempo. A capa do disco foi feita por Andreas Marshall, responsável por capas famosas de grandes nomes, como o Grave Digger e Running Wild.

Fonte: Metal Brasil

TRAVELER IN TIME

The morning sun of dune
The morning sun of dune

The holy war's
Waiting for
The morning sun
The morning sun of dune
There’s no tomorrow
The apparition of this land
And it's dream makes me feel
I’ve seen it before
I can taste there's life
Everywhere you can find
In the desert of my life
I see it again and again

And again, again, again, again
Dark tales has brought the dijahd
Like whispering echoes in the wind
And I’m a million miles from home

CHORUS
Traveler in time
Knowing that there's no rhyme

The morning sun is near
First light of dawn is here
The morning sun is near again
The freemen sing that
Their kingdom will come
And I’m the leading one
Battlefields on our crusade
Filled with sardokaurs
Killing machines crying
In raising fear they're hiding
Where do we go now?
So where is the way?
When I’m a million miles from home

CHORUS

The morning sun I feel
All pain and sorrow
The apparition of my words in these days
Makes me feel I’ve told them before
All my plans will come true
I’ll control destiny
In the desert of my life
I’ve seen it again and again

By my dreams I must find a way
To stop the raging war
I’ve to choose now
I will leave
My body and seek
And time will stand still
When I’ve to leave
My body and find
A way back to the world I love
When I’m a million miles from home

VIAJANTE NO TEMPO

O sol matutino de Duna
O sol matutino de Duna

A guerra santa está
À espera do
Sol matutino
Do sol matutino de Duna
Não existe o amanhã
A aparição desta terra
E é o sonho que me faz sentir
Eu já a vi antes
Eu posso provar que existe vida
Em todos os lugares você pode encontrar
No deserto da minha vida
Eu a vejo freqüentemente

E várias vezes
As Lendas Negras trouxeram o dijahd
Como ecos que sussurram no vento
E eu estou a um milhão de milhas longe de casa

REFRÃO:
Viajante no tempo
Sabendo que não há nenhuma rima

O sol matutino está próximo
A primeira luz da alvorada está aqui
O sol matutino está próximo novamente
Os Freemen** cantam que
O reino deles virá
E eu sou aquele que os guiará
Campos de batalha em nossa cruzada
Cheios de sardokaurs
Máquinas mortais chorando
No medo crescente eles se escondem
Para onde vamos agora?
Então onde está o caminho?
Quando estou a um milhão de milhas longe de casa

REFRÃO

O sol matutino, eu sinto
Toda a dor e aflição
A aparição de minhas palavras nesses dias
Me faz sentir, eu lhes falei antes
Todos os meus planos irão se tornar realidade
Eu vou controlar o destino
No deserto da minha vida
Eu já vi isto muitas vezes

Pelos meus sonhos, tenho que encontrar meu caminho
Para parar a guerra frenética
Eu tenho que escolher agora
Eu irei abandonar
Meu corpo e buscar
E o tempo ficará inerte
Quando eu tiver de deixar
Meu corpo e encontrar
Um caminho de volta para o mundo que eu amo
Quando estou a um milhão de milhas longe de casa

* Dune = referência ao planeta Arrakis (Duna), da série de ficção de Frank Herbert na qual a música foi inspirada.

** Freemen = denominação dada aos nativos de Duna.

WELCOME TO DYING

Close to insanity
Beyond the realms I’ve been
At darkest places
I’m crying"
The dragon flies"

Something savage
Is yearning for me
I’m waiting afraid for the night
What will be
I’ve lost myself
A few days ago
It's touching my soul
And a vision of past dreams comes true

CHORUS
Welcome to dying
I don't let it out
Welcome to dying
Look to the mirror it shows what I am
Welcome to dying
This town must burn now
Welcome to dying
Can't you see the dragon's seed bears in me

The one who's been before
Many times I terrorized this town
Many times and here I start again
Now I’m stronger and so cold
Cold as ice
Returning is my destiny
Now I feel it's growing up in me
Now I feel it's burning deep in me
I’m not what I was before
Could I stop this dream
I’m a stranger to myself
And I cannot control

Welcome to dying
I don't let it out
Welcome to dying
Look to the mirror it shows what I am
Welcome to dying
Can't you see the dragon's seed bears in me
Welcome to dying
The dragon's breath I don't let it out

I’m a savage
It's too late for me
The other side's taking control and I know
There's one way I can walk alone
Or the dragon will fly
And a growing fear's all that I feel

Welcome to dying
Can't you see the dragon's seed bears in me

Spread my wings and fly away
I spread my wings and fly away
I spread my wings and fly away

BEM-VINDO A MORTE

Perto da loucura
Além dos reinos que estive
Em lugares mais obscuros
Eu estou chorando
"O dragão voa"

Algo selvagem
Anseia por mim
Estou esperando, com medo á noite
O que será?
Eu me perdi
Alguns dias atrás
Isto está tocando minha alma
E uma visão de sonhos passados se torna realidade

REFRÃO
Bem-vindo a morte
Eu não a deixo escapar
Bem-vindo a morte
Olhe para o espelho ele mostra o que eu sou
Bem-vindo a morte
Esta cidade deve queimar agora
Bem-vindo a morte
Você não vê que a semente do dragão aflora em mim?

Sou aquele que já esteve aqui
Muitas vezes eu aterrorizei esta cidade
Muitas vezes e aqui eu inicio novamente
Agora estou mais forte e tão frio
Tão frio quanto o gelo
Retornar é o meu destino
Agora eu sinto que isto está crescendo em mim
Sinto que isto está queimando profundamente em mim
Eu não sou o que era antes
Eu poderia parar este sonho?
Eu sou um estranho para mim mesmo
E não consigo controlar

Bem-vindo a morte
Eu não a deixo escapar
Bem-vindo a morte
Olhe para o espelho ele mostra o que eu sou
Bem-vindo a morte
Você não vê que a semente do dragão aflora em mim?
Bem-vindo a morte
A respiração do dragão, eu não posso soltá-la

Eu sou um selvagem
É tarde demais para mim
Meu outro lado está tomando o controle e eu sei
Só existe um caminho para eu andar sozinho
Ou o dragão voará
E um medo crescente é tudo aquilo que eu sinto

Bem-vindo a morte
Você não vê que a semente do dragão aflora em mim?

Abro minhas asas e vôo para longe
Eu abro minhas asas e vôo para longe
Eu abro minhas asas e vôo para longe

LORD OF THE RINGS

There are signs on the ring
Which make me feel so down
There's one to enslave all rings
To find them all in time
And drive them into darkness
Forever they'll be bound
Three for the kings
Of the elves high in light
Nine to the mortal
Which cry

CHORUS
Slow down and I sail on the river
Slow down and I walk to the hill
And there's no way out

Mordor
Dark land under Sauron's spell
Threatened a long time
Threatened a long time
Seven rings to the gnoms

In their halls made of stone
Into the valley
I feel down
One ring for the dark lord's hand
Sitting on his throne
In the land so dark
Where I’ve to go

SENHOR DOS ANÉIS

Existem sinais no anel
Que me fazem se sentir triste
Existe um para escravizar todos os anéis
Para encontra-los todos no tempo certo
E levá-los ás trevas
Para sempre eles estarão aprisionados
Três para os reis
Dos elfos no alto na luz
Nove para o mortal
Que chora

REFRÃO:
Devagar eu navego no rio
Devagar eu caminho para a colina
E não existe uma saída

Mordor*
Terra escura sob o feitiço de Sauron**
Ameaçada há muito tempo
Ameaçada há muito tempo
Sete anéis para os gnomos

Em seus salões feitos de pedra
No vale
Eu me sinto triste
Um anel para a mão do senhor da escuridão
Sentado em seu trono
Na terra tão escura
Para onde eu tenho de ir

* MORDOR: a terra sob domínio direto de Sauron, a leste de Ephel Dúath. O reino de Sauron. "Terra Negra" também chamada de Terra das Sombras.

** SAURON: "O Abominável" (em sindarim chamado Gorthaur); maior dos servos de Melkor, em sua origem um Maia de Aule. Chamado de O Senhor do Escuro. O Poder do Escuro. Melkor também era chamado assim.

GOODBYE MY FRIEND

Who can tell me who I am
Who I am my friend
I’m an alien so they say
A risk to everyone

No - tell me what do they see
No - tell me what do they feel
No - tell me what do they fear
No - tell me what do they see

I’m a dwarf but I know more than you
And I’m the key to a better life
From terror I could escape
But I need your helping hand
So far from home where I’m left alone
Did you hear my crying?
Did you hear my crying?

CHORUS
Goodbye my friend
I found you at the end
I say goodbye to all
Goodbye my friend
Thanks for your helping hand
I say goodbye to all my cries
Just say goodbye

No returning nevermore
No returning nevermore

And I’ll remember
Communication to you is so strange
You I trust to none
No warmth reach your heart
To you I’m the stranger but you're strange to me
You destruct all what is unknown to you
We are together now
And don't you know I’ll come back again
I must go now

CHORUS

I will go home now
I will go home now
Much too long I’m forced to stay
In visions I see
So dark and so deep
Mankind will destruct all life
See you again I hope I will
See you again at the end?
My tortured soul cannot forget the pain
Now I find my way back
I will go home now
I will go home now

ADEUS MEU AMIGO

Quem pode me dizer quem eu sou
Quem sou eu, meu amigo
Eu sou um estranho assim eles dizem
Um risco para todos

Não - me diga, o que eles vêem?
Não - me diga, o que eles sentem?
Não - me diga, o que eles temem?
Não - me diga, o que eles vêem?

Eu sou um anão mas eu sei mais que você
E eu sou a chave para uma vida melhor
Do terror eu pude escapar
Mas eu preciso da sua ajuda
Tão longe de casa onde eu permaneço sozinho
Você ouviu meu choro?
Você ouviu meu choro?

REFRÃO
Adeus meu amigo
Eu te encontrarei no fim
Eu digo adeus a todos
Adeus meu amigo
Obrigado por sua ajuda
Eu digo adeus a todas as minhas lamúrias
Apenas digo adeus

Sem retorno, nunca mais
Sem retorno, nunca mais

E eu vou me lembrar
Comunicação para você é tão estranha
Você, eu não confio de forma alguma
Nenhum calor atinge seu coração
Pra você, eu sou o estranho mas você é estranho pra mim
Você destrói todos que são desconhecidos pra ti
Nós estamos juntos agora
E você não sabe que eu irei voltar
Eu tenho que ir agora

REFRÃO

Eu irei pra casa agora
Eu irei pra casa agora
Há muito tempo eu estou forçado a ficar
Em visões eu vejo
Escuridão e profundezas
A humanidade irá destruir toda a vida
Te vejo novamente, espero que sim
Te vejo novamente no fim?
Minha alma torturada não consegue se esquecer da dor
Agora eu encontrei meu caminho de volta
Eu irei pra casa agora
Eu irei pra casa agora

LOST IN THE TWILIGHT HALL

Awaiting my last breath
The mirror calls my name
It's showing me the way
Into the dark
The bridge appears
I jump into the dark side
And hear the voice it's cold as ice
"Welcome to reality"

Where am I now?
Darkness surrounds
Can't go forward
Can't go back

Kai: I see planets dying
Hansi: I fall into the light
K: a new universe awakes
H: I’m a traveler in time
K: pray for the light
H: where's the key
K: to the gate
H/k: of a new life - no
H: I search for deliverance
K: but I cannot find

CHORUS
Look behind the mirror
I’m lost in the twilight hall
Once I’ll be back for a moment in time
That's when the mirror's falling down

Take me away
From the place I’ve been
To another life
In another world
A sign of life
Surrounds me now
The bridge appears in the dark
I’m free
I fly alone
Leaving the darkness now, forever?
The memories of children
And the wisdom of many lives
Burns deep in me
Where will the light go to?
Where will the light go to?
Is this deliverance?
Is it the end?

CHORUS

I’m back there's a new chance for me
And all my memories are gone
I can feel what's happening to me
And the mirror will burst

CHORUS

PERDIDO NO CORREDOR DO CREPÚSCULO

Esperando minha última respiração
O espelho chama meu nome
Ele está me mostrando o caminho
No meio da escuridão
A ponte aparece
Eu pulo para dentro do lado escuro
E ouço a voz, fria como gelo
"Bem-vindo a realidade"

Onde eu estou agora?
A escuridão me cerca
Não posso ir adiante
Não posso voltar

Kai: eu vejo planetas morrendo
Hansi: eu caí dentro da luz
K: um novo universo se desperta
H: eu sou um viajante no tempo
K: reze para a luz
H: onde está a chave?
K: para o portão
H/k: de uma nova vida - não
H: eu procuro salvação
K: mas não consigo encontrar

REFRÃO
Eu olho atrás do espelho
Estou perdido no corredor do crepúsculo
Algum dia eu irei voltar por um instante no tempo
Será quando o espelho estiver caindo

Me leve embora
Do lugar que eu estive
Para outra vida
Em outro mundo
Um sinal de vida
Me cerca agora
A ponte aparece na escuridão
Eu estou livre
Eu vôo sozinho
Deixando a escuridão agora, para sempre?
As recordações de infância
E a sabedoria de muitas vidas
Queimam dentro de mim
Aonde a luz irá?
Aonde a luz irá?
Esta é a salvação?
Este é o fim?

REFRÃO

Estou de volta, há uma nova chance para mim
E todas as minhas memórias se foram
Eu posso sentir o que está acontecendo comigo
E o espelho vai estourar

REFRÃO

TOMMYKNOCKERS

She's opening her eyes
To find the thing
By a touch she's lost
It's waiting for her a long time
The kingdom's lost
Cause there's one nail missing
Playing with fire
Turn off the light
And she'll fall down
Playing with her life
But she can't leave it
There's one rhyme in her brain

REFRAIN
Oh, last night and the night before
Tommyknockers, tommyknockers
Knocked at your back door
Tommyknockers

The pain in my head
The cycle awakes
I’m on my way to Oz
I want to drink and she wants to dig
She's in trouble oh I know
There's something going wrong
Tommyknockers on their way
What's up in "Leighton Street"?

CHORUS

I’m the hero, I’m back
With weapons and with magic spells
I’ll saddle every task
An old, ill and drunken guy

The moon is full of blood
I’ve found her not, not far from home
I should better get away from here
She's on her way to be another one
Playing with fire
She can read my thoughts
It's too late
Playing with her life
Tommyknockers brought her trouble

The ship in the earth I touch
A vibration is filling me
And music in my head
Nose is bleeding
And my fall down
Filled me up with pain
You'll be like a Tommyknocker
I’ll be like you
But there's something going wrong
I read it in your face

Oh, last night and the night before
Tommyknockers, tommyknockers
Knocked at your back door
Tommyknockers knocked at your back door
Tommyknockers knocked at your back door

TOMMYKNOCKERS

Ela está abrindo os olhos
Para encontrar uma coisa
Por um toque ela está perdida
Está esperando por ela há um longo tempo
O reino está perdido
Pois há um prego faltando
Brincando com fogo
Apague a luz
E ela cairá
Brincando com a própria vida
Mas ela não pode abandona-la
Há um rima no seu cérebro

REFRÃO
Oh, ontem à noite e na noite anterior
Os Tommyknockers, tommyknockers
Bateram à sua porta dos fundos
Tommyknockers

A dor em minha cabeça
O ciclo se inicia
Eu estou a caminho de Oz
Eu quero beber e ela quer cavar
Ela está com problemas oh eu sei
Há algo saindo errado
Tommyknockers no caminho deles
O que se passa na “Leighton Street”?

REFRÃO

Eu sou o herói, eu estou de volta
Com armas e com feitiços mágicos
Eu vou selar cada tarefa
Um sujeito velho, doente e bêbado

A lua está cheia de sangue
Eu não a encontrei, não muito longe de casa
Eu deveria fugir daqui
Ela está a caminho de ser outra
Brincando com fogo
Ela pode ler meus pensamentos
É tarde demais
Brincando com a própria vida
Os Tommyknockers trouxeram os problemas dela

O navio na terra eu toco
Uma vibração está me tomando
E a música em minha mente
O nariz está sangrando
E a minha queda
Me encheu de dor
Você será como um Tommyknocker
Eu serei como você
Mas algo está dando errado
Eu leio isto em seu rosto

Oh, ontem à noite e na noite anterior
Os Tommyknockers, tommyknockers
Bateram à sua porta dos fundos
Os Tommyknockers bateram à sua porta dos fundos
Os Tommyknockers bateram à sua porta dos fundos


* Tommyknockers – É uma lenda antiga de Cornwall, um lugar na Inglaterra que teve um dialeto também chamado Cornwall que ficou extinto no século 18. Tommyknockers eram pequenos elvos que tinham aproximadamente 60 cm de altura, tinham braços e barba comprida, rostos enrugados e cabeças grandes. Esses homenzinhos eram, para a maioria, seres amigáveis e gentis que cavavam as paredes das minas de ouro, particularmente entre a meia-noite e as duas da manhã, guiando os mineiros diretamente para onde estavam as riquezas minerais, ou dando avisos oportunos de desastres iminentes de acidentes com o trabalho das madeiras ou das pedras que caíam.

ALTAIR 4

At hilly's show
They didn't know
That the ending of "being" is near
I can feel their voices
The old man cries
"Please save the boy
He's caught in a world far behind
From home"
Monster anne is crying out
"Feel my pain I can't escape"
Bad chances for me

CHORUS
Altair 4

Chosen by their whispering words
What is left behind?
When purple colours turn to black
Can you feel it?
Is there time?
Can you see it?
Is there life?
"Fly away and dream"

ALTAIR 4

No hilly’s show
Eles não souberam
Que o fim do "ser" está próximo
Eu posso sentir suas vozes
O velho chora
"Por favor salve o garoto
Ele está preso em um mundo inferior
Longe de casa"
O monstro Anne está gritando
"Sinta minha dor eu não consigo me livrar"
As chances não são boas para mim

REFRÃO
Altair 4

Escolhido por suas palavras sussurrantes
O que foi deixado para trás?
Quando a cor púrpura enegrecer
Você poderá senti-la?
Haverá tempo?
Você pode vê-la?
Há vida?
"Voe longe e sonhe"

THE LAST CANDLE

Guardian, guardian, guardian of the blind
Have you forgotten him

Far from the land
Where the sun is born
Down in the wood "caladon"
Do you know the place
Where the light is never seen
And all the hopes are turned
By the final cry
Turned to stone

Whispering tunes in the wind
All hopes are gone with the night
When the old man will never come back
Remember his words and his songs
And we see the raven's flying in the distance
But no wizard's singing his song

CHORUS
Somebody’s out in the night
I fly in time
The last candle will burn
There's hope for everyone
When the last candle burns high
Oh it's time for life

The elves and gnoms have to hide
When the moon is showing its face
And raging Orcs will set their traps
And the forest will burn
They hate green trees
And love the dark
They don't understand
That they're caught and left alone
They feel the magic in the wind
They're just fear the old man's song

CHORUS

Corrupted old gnom
Betrayer of all
You know so much about all
What is your price?

Gnom:
"Too much, too much
You cannot pay with your silver and your gold
There's just a little chance to save the wizard's life
There's just a little chance for all you fools
Now pay"

And so I walk across the land
And hope to hear the wizard's song

CHORUS

Somebody’s out there
I feel there's somebody
Somebody’s out there
I feel there's somebody

A ÚLTIMA VELA

Guardião, guardião, o guardião do cego
Vocês o esqueceram?

Longe da terra
Onde o sol nasceu
No bosque de "caladon"
Você conhece o lugar
Onde a luz nunca é vista
E todas as esperanças são transformadas
Pelo grito final?
Transformado em pedra

Melodias que sussurram no vento
Todas as esperanças se foram com a noite
Quando o velho homem nunca voltará
Lembre-se de suas palavras e das suas canções
E nós vemos o corvo que está voando ao longe
Mas nenhum mago está cantando sua canção

REFRÃO
Alguém está lá fora à noite
Eu vôo no tempo
A última vela queimará
Há esperança para todos
Quando a última vela queimar alto
Oh é o tempo para toda a vida

Os elfos e os gnomos têm de se esconder
Quando a lua mostra sua face
E os Orcs furiosos irão preparar suas armadilhas
E a floresta queimará
Eles odeiam árvores verdes
E amam a escuridão
Eles não entendem
Que eles estão presos e abandonados
Eles sentem a magia no vento
Eles simplesmente temem a canção do velho homem

REFRÃO

Velho gnomo corrupto
Traidor de todos
Você sabe muita coisa
Qual é o seu preço?

Gnomo:
"Muito alto, muito alto
Vocês não podem pagar com sua prata e seu ouro
Há uma pequena chance para salvar a vida do mago
Há uma pequena chance para todos vocês seus tolos
Agora paguem"

E então eu caminho para o outro lado da terra
E espero ouvir a canção do mago

REFRÃO

Alguém está lá fora
Eu sinto que há alguém
Alguém está lá fora
Eu sinto que há alguém

RUN FOR THE NIGHT (LIVE)

There comes the last part and end of our old age
With thunder and lightning
The dark lord is taking
The crown of the whole world
His creatures will kill me poisons my soul
To the end I will fight but I know that the things
That I do are so meaningless - oh, no!

I see the hill but it's so far away
I know I can't reach it
But I try it again and again in my dark dreams
He's wasting my last will
How long can I stay here
When the mightiest of all will now

REFRAIN:
Run for the night burn away
The times of his fall I’ve to pay

Visions of darkness prepared for the last strike
Bloodlust their weapons and madness
You see feel their eyes there's no way out
I’m lost in a dark dream and losing control
To the end I will fight but I know that the things
That I do are so meanless - oh, no

I see the hill but it's so far away
I know I can't reach it
But try it again and again in my dark dreams
He's wasting my last will
How long can I stay here
When the mightiest of all will now

REFRAIN:
Run for the night burn away
The times of his fall I’ve to pay

You see them running in the shadows of the night
It is not what it used to be
They've been scared
And they've been anxiously tonight
You see them running with the wind

They
Run for the night
Run for the night
Run for the night

Solo

REFRAIN:
Run for the night far away
The times of his fall I’ve to pay
Run for the night far away
The times of his fall I’ve to pay

CORRA DURANTE A NOITE (AO VIVO)

Vem chegando a última parte e o fim da nossa velhice
Com trovoadas e relâmpagos
O senhor da escuridão está se apoderando
Da coroa do mundo todo
Suas criaturas irão me matar e envenenar minha alma
Até o fim eu vou lutar, mas eu sei que as coisas
Que eu faço são tão insignificantes - oh, não!

Eu vejo a colina mas ela está tão longe
Eu sei que não posso alcança-la
Mas eu tento várias vezes em meus sonhos sombrios
Ele está destruindo minha última vontade
Até quando eu poderei ficar aqui?
Quando o mais poderoso de todos chegar

REFRÃO:
Corra durante á noite, queime longe
Quando ele cai, eu tenho que pagar

Visões de escuridão preparadas para o último ataque
Sede de sangue, suas armas e a loucura
Você vê e sente os olhos deles, não há saída
Estou perdido num sonho sombrio e perdendo o controle
Até o fim eu vou lutar, mas eu sei que as coisas
Que eu faço são tão insignificantes - oh, não!

Eu vejo a colina mas ela está tão longe
Eu sei que não posso alcança-la
Mas eu tento várias vezes em meus sonhos sombrios
Ele está destruindo minha última vontade
Até quando eu poderei ficar aqui?
Quando o mais poderoso de todos chegar

REFRÃO:
Corra pela noite, queime longe
Quando ele cai, eu tenho que pagar

Você os vê correndo nas sombras da noite
Não é o que costumava ser
Eles estavam assustados
E estavam ansiosos à noite
Você os vê correndo com o vento

Eles
Correm durante a noite
Correm durante a noite
Correm durante a noite

Solo

REFRÃO:
Corra para longe durante a noite
Quando ele cai, eu tenho que pagar
Corra para longe durante a noite
Quando ele cai, eu tenho que pagar










Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.

Esta é uma matéria antiga do Whiplash.Net. Por que destacamos matérias antigas?


  | Comentários:

Todas as matérias da seção Traduções
Todas as matérias sobre "Blind Guardian"

Sinbreed: Um álbum "ame-o ou deixe-o"
Separados no nascimento: Hansi Kürsch e Phil Collins
Sinbreed: novo trabalho da banda com membros do Blind Guardian
Iced Earth: jam com Hansi Kürsch, do Blind Guardian, na Alemanha
Melhores de 2013: as escolhas de Marcus Siepen, do Blind Guardian
Blind Guardian: participação de Hansi no novo CD do Iced Earth
Blind Guardian: Hansi participa do novo álbum do The Unguided
Blind Guardian: Marcus Siepen participa de CD da Metacrose
Blind Guardian: entrevista com Thomen Stauch para o BGBrasil
Compridas: As músicas mais longas de grandes bandas
Stranded Guns: nova banda de ex-baterista do Blind Guardian
Blind Guardian: preparando um álbum agressivo para maio?
Blind Guardian: dissecando o "Nightfall In Middle Earth"
Tolkien: A influência do autor no rock e no heavy metal
Elric: influência para a NWOBHM, Blind Guardian e muitos outros

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Fernando P. Silva

Fernando Silva é membro do Whiplash! e responsável pela seção de traduções. Colaborando com o site há mais de 5 anos, é quem organiza e revisa todas as traduções que são publicadas nesta seção, contando também com o auxílio de amigos e colaboradores do site. Eclético, curte desde o blues e um bom rock n' roll até o melhor do hard e do heavy, sendo o Metallica (até a eternidade) sua banda preferida. Correções de material postado anteriormente, críticas ou sugestões para novas traduções podem ser feitas através do contato direto com o autor. Email: [email protected].

Mais matérias de Fernando P. Silva no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas