Em 11/11/2005 | Não basta velocidade e peso, diz Ian Hill

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Não basta velocidade e peso, diz Ian Hill


  | Comentários:

Matéria publicada em 11/11/05. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Dr. Abner Mality, responsável pelo webzine Wormwood Chronicles, conversou com Ian Hill, baixista do JUDAS PRIEST, que falou a respeito da sonoridade do novo álbum do Priest, “Angel of Retribution”, entre outros assuntos que você confere logo abaixo:

Wormwood Chronicles — Recentemente, tentei listar todas as bandas que tiraram seus nomes de alguma faixa do Judas Priest... Exciter, Steeler, Sinner, Before The Dawn, Grinder, Hellion, etc., etc. Quando ouve isso, você acha divertido, péssimo ou não se tão importante?

Ian Hill — Bem, não nos achamos tão importantes, mas ficamos muito orgulhosos de saber que alguém tem um opinião tão boa a seu respeito a ponto de nomear sua banda e ainda tocar o mesmo tipo de música que nós.

Wormwood Chronicles — Os álbuns que o Priest lançou nos anos 70 tinham uma veia estranha e eclética. E acho que no novo álbum de vocês, “Angel of Retribution”, vocês tentaram recuperar essa veia. Você concordaria com isso?

Ian Hill — Bem, nós tentamos isso e também tentamos cobrir diferentes aspectos do heavy metal que são bem conhecidos ao longo dos anos, não apenas aquele heavy metal rápido e furioso. Nós também temos um catálogo de coisas mais comerciais e um outro catálogo orientado para as coisas mais produzidas. Em todos os álbuns, com exceção do ‘Painkiller’, nós colocamos uma balada. Ao longo dos 15 anos, bandas que se foram e que chegaram esqueceram deste lado do metal. Elas se concentraram apenas no lado mais pesado do heavy metal. Nós queríamos apenas lembrar as pessoas que o heavy metal não é apenas rápido e furioso, é muito mais também. É um estilo musical muito versátil.

Wormwood Chronicles — Você presta atenção na cena heavy metal hoje em dia? Sem sombra de dúvidas, o estilo mudou de forma inimaginável desde que o Priest surgiu.

Ian Hill — Acho que acertei no dia em que disse que o estilo se fragmentou. Ou você é uma banda death, speed, gótico e isso é tudo o que você faz. A versatilidade foi atirada pela janela. E você acaba diminuindo a distância entre a sua base de fãs com aqueles que só gostam de um tipo de música. Não há nada de errado com esses estilos musicais específicos, mas muitos deles acabam caindo no lugar comum. O outro lado do metal foi esquecido por um tempo. O lado mais melódico e feliz como um todo.

Wormwood Chronicles — A faixa que mais tem gerado controvérsia no novo álbum é “Lochness”, que a maior parte das pessoas ou ama ou odeia. Eu, particularmente, adorei. O que você acha desta faixa

Ian Hill — Foi uma música que surgiu a partir de uma idéia de Rob. Todos nós gostamos da idéia e começamos a trabalhar nela. Ela tem quase doze minutos porque precisava ser longa assim, e não funcionaria se fosse mais curta ou mais longa ainda. É um pouco diferente das coisas que fizemos no passado.

Wormwood Chronicles — Você realmente acredita que o Nessie exista? [N. do R.: esta faixa trata da lenda do monstro do lago Nessie, que surgiu na Escócia]

Ian Hill — Não, acho que ele está morto [risos]. Gostaria de acreditar que ele existe, mas há um lado científico do meu cérebro que diz, ‘não, isso é impossível’.

Para ler a entrevista na íntegra, em inglês, clique aqui.

Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.


  | Comentários:

Todas as matérias sobre "Judas Priest"

Judas Priest: post no Facebook indica novo álbum a caminho
Cobain: músicos do Korn, Judas, Pantera e AIC falam sobre legado
Judas Priest: Painkiller e seus diversos covers
Judas Priest: a visão detalhada sobre "Painkiller"
Rock e metal: o outro lado das capas de discos
Judas Priest: banda se dedicou de coração e alma ao novo álbum
Judas Priest: Seria "Point of Entry" seu disco mais esquecido?
Judas Priest: Rob Halford diz que novo álbum está pronto
Guitar World: 10 Álbuns clássicos essenciais do Metal
Separados no nascimento: Halford, Mercury e Village People
K. K. Downing: Seria muito difícil voltar ao Judas Priest
Em foto: Andre Matos agradece a influência de Rob Halford
Em 1985: Fã do Judas Priest comete suicídio e pais culpam a banda
Ultimate Classic Rock: as dez melhores duplas de guitarristas
Assombrai-vos: prodígio da bateria de 7 anos descasca Painkiller

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Thiago Coutinho

Formado em Jornalismo, 23 anos, fanático por Bruce Dickinson e seus comparsas no Maiden. O heavy metal surgiu na minha vida quando ouvi o vocalista da Donzela de Ferro em "Tears of the Dragon", em meados de 1994. Mas também aprecio a voz de pato bêbado do controverso Dave Mustaine, a simplicidade do Ramones, as melodias intrincadas do Helloween, a belíssima voz de Dio ou os gritos escabrosos de Rob Halford. A Whiplash apareceu em minha vida sem querer, acho que seus criadores são uns loucos amantes de rock e acredito que este seja o melhor site de rock do país, sem qualquer demagogia!

Mais matérias de Thiago Coutinho no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas