Ozzy Osbourne em POA: resenha do Road To Metal

Resenha - Ozzy Osbourne (Gigantinho, Porto Alegre, 30/03/2011)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Débora Reoly, Fonte: Road To Metal
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Ozzy Osbourne, ex-Black Sabbath, iniciou a turnê brasileira de cinco shows pela capital gaúcha, com seu mais recente trabalho, "Scream" lançado no ano de 2010.

2941 acessosOzzy Osbourne: escolhendo álbum do Alice in Chains no seu Top 105000 acessosVelocidade: Top 10 de músicas de Metal para ser multado

A banda de abertura, Gunport, não foi bem recebida pelo público. Bandas desconhecidas do público gaúcho já não são bem recebidas e na abertura de grandes shows, somado a falta de carisma do vocalista ser muito fraca ao vivo.

Não sei se as vaias os intimidaram no palco, pois o vocalista sequer apresentou os integrantes nos 25 minutos em que tocaram algumas músicas de seu próprio repertório.

Porém, as 21 horas em ponto, quando as luzes se apagaram os gritos ecoaram no Gigantinho: "Ozzy! Ozzy! Ozzy". E o príncipe das trevas entra no palco, observando a todos e sorri ao ver o Gigantinho lotado, clamando seu nome e o público da grade (que acampou dias na fila) com bandeiras, cartazes, morcegos de plásticos.

O show iniciou com "Bark At The Moon", Ozzy usando seu traje tradicional (a capa longa e preta de malha, jeans preto e o crucifixo no peito). Durante a execução da música, um gremista (que já havia comentado no fórum da comunidade do Grêmio no Orkut que iria atirar uma bandeira do time, na casa adversário, ao Ozzy) cumpriu sua promessa e para a surpresa de todos os colorados presentes, Ozzy a pega e coloca nos ombros por alguns segundos. A bandeira permaneceu no praticável da bateria, por todo o show.

O repertório foi o mesmo de toda a turnê de "Scream". Tocaram "Let Me Hear You Scream", única música executada do atual álbum de trabalho 'Scream". Seguiram com "Mr. Crowley", que mesmo não tendo sido usados planos de fundo, no palco, com as luzes vermelhas, nesta música, criou todo um ar de mistério a sua execução. A Oi pendurou alguns morcegos gigantescos no teto do Gigantinho, mas o palco, estava "frio", sem bandeiras de fundo, nem símbolo ou logotipo.

Uma das partes mais marcantes do show foi para o solo de bateria onde Tommy Clufetos deu seu verdadeiro show. Também pudera, o baterista já tocou ao lado de ícones do rock como Alice Cooper e Rob Zombie.

Mais tarde Ozzy pega a bandeira do Rio Grande do sul, que a atiraram no palco, a do Internacional também foi jogada, mas ele não viu.

O guitarrista Gus G também deu seu show particular na hora do seu solo. O guitarrista que já foi eleito nos anos de 2006 e 2008 o melhor guitarrista pela revista grega Metal Hammer, não deixa nada a desejar, eu particularmente nem senti falta de Zakk Wylde, com Gus G, solando em minha frente. Uma característica, no show do Ozzy foi o ventilador que Gus G usa em sua frente, assim não fica suado durante o show e deixa seus cabelos esvoaçantes.

Ozzy ia de um canto ao outro a todo momento, mostrando muita energia em seus 62 anos de idade, batia cabeça, pulava, corria. Além de jogar baldes de água no público, por vezes jogava em sí mesmo.

A mangueira de bombeiro a qual usa no show atirando espuma no público foi usada em algumas músicas, molhando o público, e os seguranças e até o câmera-man. A câmera utilizada para filmar passando as imagens no telão estava coberta por um plástico.

Apesar do show ser curto (75 minutos), tocaram vários clássicos da carreira do Black Sabbath e Ozzy Osbourne, do último álbum de trabalho "Scream" foi tocada apenas uma música. Todos saíram satisfeitos, com esta apresentação em solo gaúcho, abrindo a tour brasileira.

Set-List

01. Bark at the Moon
02. Let Me Hear You Scream
03. Mr. Crowley
04. I Don’t Know
05. Fairies Wear Boots (Black Sabbath)
06. Suicide Solution
07. Road to Nowhere
08. War Pigs (Black Sabbath)
09. Shot in the Dark
10. Rat Salad (Black Sabbath)
11. Iron Man (Black Sabbath)
12. I Don’t Want to Change the World

Bis
13. Crazy Train
14. Mama I’m Coming Home
15. Paranoid (Black Sabbath)

Assista ao episódio oficial sobre a passagem em Porto Alegre

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Veja fotos do show no link a seguir.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Ozzy Osbourne (Gigantinho, Porto Alegre, 30/03/2011)

5000 acessosOzzy Osbourne: Mr. Madman ainda mexe com muita gente5000 acessosOzzy Osbourne: Como foi a primeira apresentação no Brasil

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Setlist e vídeos de primeiro show com Zakk Wylde

2941 acessosOzzy Osbourne: escolhendo álbum do Alice in Chains no seu Top 102419 acessosOzzy Osbourne: em vídeo 3D, as mudanças em sua aparência0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Ozzy Osbourne"

Sharon OsbourneSharon Osbourne
Revelando que hoje ela é mais "apertadinha"

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Assista comercial da Honda com Crazy Train

Separados no nascimentoSeparados no nascimento
Ozzy Osbourne e Regina Duarte

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de Shows0 acessosTodas as matérias sobre "Ozzy Osbourne"

VelocidadeVelocidade
Top 10 de músicas de Metal para ser multado

MetromixMetromix
A lista dos vocalistas mais irritantes do rock

SlashSlash
Um dia Michael Jackson ficou puto com ele?

5000 acessosCinema: 60 filmes pra quem ama Rock e Metal5000 acessosMetallica: Lars Ulrich quase saiu no tapa com Lou Reed5000 acessosGuns N' Roses: melhores músicas segundo a Ultimate Classic Rock4167 acessosAnthrax: "não fomos os primeiros a fazer rap e metal"5000 acessosGuns N' Roses: Axl desafina guitarra de Slash e pede desculpas5000 acessosHeavy Metal: fãs do gênero são os menos propensos a trair seus parceiros

Sobre Débora Reoly

Débora Reoly é gaúcha de Ijuí. É formada em Pedagogia e Turismo. Possui a agência de viagens Rocktour RS que é especializada em excursões a shows na América do Sul. Seu lema é "A vida não é um show de Rock. São vários!. Contato: www.facebook.com/debora.reoly.

Mais matérias de Débora Reoly no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online