Lobão: a defesa do roqueiro solitário

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Luciano Ayan, Fonte: Blog de Luciano Ayan
Enviar correções  |  Ver Acessos

Publicado originalmente no Blog de Luciano Ayan

Slayer: as preferências do guitarrista Kerry KingSeparados no nascimento: Paul Stanley e Ioná Magalhães

No sábado passado o roqueiro LOBAO fez um show acústico em São Paulo, no qual cantou velhos hits e músicas novas. Entre os velhos sucessos reconstruídos, debulhou Vida Bandida, renomeada para Dilma Bandida.

Foi o suficiente para o blogueiro estatal Paulo Nogueira estrebuchar pedindo sua prisão. Para ele, a reação deve ser "enérgica, exemplar, imediata". Por quê? Por que o roqueiro teria sido "criminoso", tendo cometido "um crime de injúria e difamação". Na visão do blogueiro, "há um limite de civilidade que não pode ser transposto, ou o país vira um caos". Ou seja, o caos, para ele, é ver alguém chamando Dilma de Bandida.

Nogueira ainda diz que "o argumento mais obtuso é que se trata de liberdade de expressão". Por que não estou surpreso? Para ele, LOBAO não exerceu liberdade de expressão, mas um "crime, a não ser que ele tenha provas de que Dilma é bandida". Mas quem primeiro comentou sobre o passado bandido de Dilma não foi o músico, mas o ex-marido da presidente, Carlos Araújo (isso sem falar nas várias e várias delações recentes, nas pedaladas fiscais, na fraude do IPEA e muito, muito mais). Como se nota, a ação proposta por Nogueira não vai dar em nada. Ele próprio se entrega ao dizer que "o mínimo que se pode fazer é incomodar o ofensor em casos como o de LOBAO". Nada de surpresas até o momento, pois para a figurinha o importante é causar problemas para os oponentes através de litigâncias de má fé.

Outra figurinha, que atende pelo nome de Marcelo Moreira, deixou seus nervos bolivarianos aflorarem e resumiu-se a xingar muito no Twitter. Pelas lentes de Moreira, Lobão partiu "para a irrelevância de forma deliberada". O cantor teria ido para o "fundo do poço". Outras palavras usadas incluem "decadência", "de ranço moralista", "ideológico", "alguém que fala sozinho", "tendo perdido qualidades de roqueiro", "sem bom senso", "sem dignidade", "desrespeitoso", "propagador de ódio", "de mau gosto", "despreparado", "intolerante", "desesperado", "irrelevante", "chulo", "autossabotador", "jogado no abismo (por si próprio)" e "com a carreira no esgoto".

Não dá para deixar de perguntar, evidentemente: em toda a "crítica" do show de LOBAO, feita por Moreira, há algum comentário musical? Não. Há alguma análise das novas músicas? De jeito algum. Todo esse show de baixaria foi lançado por um pseudocrítico musical apenas pelo fato de LOBAO ter falado algumas verdades sobre Dilma e seu governo/partido fascista. Engraçado que essa figurinha conclui sua "crítica" dizendo que "quando o desrespeito vira argumento, é hora de trocar o CD/DVD/LP". Claro, claro... e todo o papelão de Moreira contra Lobão foi muito argumentativo e respeitoso.

Enfim, os fascistas podem estrebuchar, mas LOBAO, melhor que nenhum outro dos nomes dos anos 80, demonstra puro espírito rock'n'roll, agindo de forma verdadeiramente subversiva, se recusando a abaixar a cabeça para uma manada de militantes bovinos que trocam sua dignidade por verbas estatais, estas últimas desprezadas pelo roqueiro tão odiado por Moreira.

A escória governista de fato não se cansa de rastejar em público.

P.S.: Como me lembraram no Facebook, essa história de querer prender músicos que desafiam o sistema tem um baita cheiro de ditadura militar.

Enviado por: Gabriel Warken Charczuk




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção OpiniõesTodas as matérias sobre "Lobão"


Malta e Coldplay: liderando lista de músicas mais chatas de 2014Malta e Coldplay
Liderando lista de músicas mais chatas de 2014

Rock In Rio 1991: 10 curiosidades sobre a 2ª edição do eventoRock In Rio 1991
10 curiosidades sobre a 2ª edição do evento

Lobão: explicando porque suas músicas não tocam nas rádiosLobão
Explicando porque suas músicas não tocam nas rádios


Slayer: as preferências do guitarrista Kerry KingSlayer
As preferências do guitarrista Kerry King

Separados no nascimento: Paul Stanley e Ioná MagalhãesSeparados no nascimento
Paul Stanley e Ioná Magalhães

Woodstock: som ruim, gente demais e cheiro de fezes e urinaWoodstock
Som ruim, gente demais e cheiro de fezes e urina

Slipknot: as mulheres da vida dos integrantes da bandaSlipknot
As mulheres da vida dos integrantes da banda

Tom Grosset: O mais rápido baterista do mundo segundo o GuinnessTom Grosset
O mais rápido baterista do mundo segundo o Guinness

NX Zero: Nossa cena foi o último movimento de rock relevanteNX Zero
"Nossa cena foi o último movimento de rock relevante"

Megadeth: Mustaine explica o conceito do nome do álbum DystopiaMegadeth
Mustaine explica o conceito do nome do álbum "Dystopia"


Sobre Luciano Ayan

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adGoo336|adClio336