Matérias Mais Lidas

Kiss: SBT libera vídeo oficial e completo da banda no Programa Livre em 1994Kiss
SBT libera vídeo oficial e completo da banda no Programa Livre em 1994

Motörhead: Mikkey Dee relembra o último (e triste) encontro com LemmyMotörhead
Mikkey Dee relembra o último (e triste) encontro com Lemmy

Noruega: 15 grandes bandas formadas no país do black metalNoruega
15 grandes bandas formadas no país do black metal

Loudwire: A melhor música de metal por ano desde 1970Loudwire
A melhor música de metal por ano desde 1970

Capas de Discos: A beleza da arte blasfemaCapas de Discos
A beleza da arte blasfema

Noisecreep: os 10 clipes mais assustadores do heavy metalNoisecreep
Os 10 clipes mais assustadores do heavy metal

Suécia: 15 grandes bandas de rock surgidas no país escandinavoSuécia
15 grandes bandas de rock surgidas no país escandinavo

Simone Simons: a nudez na capa de Divine ConspiracySimone Simons
A nudez na capa de Divine Conspiracy

Metal Raiz: 26 músicas com pelo menos três segundos de introdução no baixoMetal Raiz
26 músicas com pelo menos três segundos de introdução no baixo

Resenha - Battle at Garden's Gate - Greta Van Fleet
Resenha - Battle at Garden's Gate - Greta Van Fleet

Guns N' Roses: cantora de apoio revela como era fazer turnê com a banda nos anos 90Guns N' Roses
Cantora de apoio revela como era fazer turnê com a banda nos anos 90

Dire Straits: Luiz Caldas faz ótima versão acústica para Sultans of Swing e viralizaDire Straits
Luiz Caldas faz ótima versão acústica para "Sultans of Swing" e viraliza

João Gordo: divulgando panfleto do que seria, segundo ele, o 1° show punk do BrasilJoão Gordo
Divulgando panfleto do que seria, segundo ele, o 1° show punk do Brasil

Suécia: 25 grandes bandas de metal que surgiram no país escandinavoSuécia
25 grandes bandas de metal que surgiram no país escandinavo

Bob Dylan: Quem são os seus 20 maiores heróis na música?Bob Dylan
Quem são os seus 20 maiores heróis na música?


Pentral
Arte Musical

O rock brazuca atual e seus afluentes...

Em 06/10/03

Vocês já reparam que o fantasma do New Metal vem tomando conta das influências de músicos e produtores? Um exemplo bem claro é o Tihuana, a banda que tinha como influências rock pesado e música latina, principalmente Manu Chao, hoje em dia já traz no seu som uma bagagem de música eletrônica e também de bastante peso como o Linkin Park ou Limp Bizkit. Tudo bem que muitas das levadas deles já eram bem puxadas pro rap e hip hop, aí ficou fácil agregar mais essas influências.

Alguém aí já escutou o som da Pitty? Esse é um outro ótimo exemplo da invasão do New Metal. O som dela que está rolando nas rádios, a música "Máscara", tem toda uma pegada característica desse estilo, apesar de não ter um DJ trabalhando com a banda e ela não demonstrar influências do hip hop. Aliás, parabéns à equipe que produziu o clipe dessa música, ele é cheio de idéias muito interessantes e tem uma fotografia fantástica! Já a produção do álbum poderia ser algo até mais elaborado, é fácil sentir falta de alguns teclados de fundo ou até alguns efeitos mais pirados de guitarra que, com certeza, vestiriam como uma luva no som. Mesmo assim o trabalho merece ser escutado.

Uma banda que já não é tão novinha, mas que tem muita coisa pra ser analisada é o CPM22. Eles possuem um ponto muito interessante que é a evolução do trabalho. O último álbum é um pouco (Notem bem! Eu disse um pouco!) diferente do anterior, as composições são mais maduras musicalmente, eu diria até um pouco mais inteligentes do que as levadas rápidas do primeiro trabalho. Quanto às letras, esse amadurecimento não foi tão grande, o espírito colegial Blink 182 continua lá intacto, esse com certeza é um dos pontos que cativou muita gente a comprar o novo CD. Isso é o que pode se chamar de amadurecimento. Uma banda cresce, muda um pouco, nada muito forçado e mesmo assim você ainda percebe a pegada dos caras, o estilo, a marca registrada, aquilo que se trocar um dos componentes da banda a diferença já é sensível. Se o CPM continuar desse jeito com certeza eles vão ter seu lugar ao sol eternamente como um Paralamas do Sucesso, Titãs, Capital Inicial, etc.

Aliás, gostaria de dividir com vocês leitores do Whiplash uma dúvida que não sai da minha cabeça com relação às bandas pequenas. Por que é que toda banda de pop rock que faz som próprio muitas vezes tenta imitar bandas que já existem?! Certamente você já foi em algum bar, um show, uma balada e viu aquela banda tocando músicas cover, até aí tudo legal. Mas aí os caras anunciam que vão tocar uma música deles e ronto! Começa o pesadelo! Os caras tocam uma música muito chupinhada de algum sucesso de alguém, como por exemplo, do CPM22. Aí você repara que o vocalista tem os mesmos trejeitos, canta igual, se mexe igual no palco e tudo mais.

Tempos atrás a banda do momento era o Jota Quest, e todo lugar que eu ia tinha uma banda de cover que o som próprio dos caras era idêntico ao dele! Lembro também que já vi isso acontecer com O Rappa e Planet Hemp.

Influência é uma coisa, cópia é outra. O pessoal tem capacidade de criar música, tocar direito um instrumento, mas fica tão alucinado com o som da banda que está curtindo que acaba fazendo músicas que não acrescentam em nada, não inovam nada. Galera! O grande lance é inovar, criar, construir, destruir, renovar, tentar de novo até que se tenha algo muito autêntico. Se for para eu comprar um CD de uma banda igual ao Jota Quest é claro que vou comprar o do Jota Quest. Engraçado que já vi isso acontecer várias vezes no mundo do metal também (Sim! Eu também já fui metaleiro, mesmo falando de tanta banda de pop rock atual.).

Povo do rock´n roll, não quero aqui falar o que é bom ou o que deixa de ser, claro que algumas coisas são realmente ruins no gosto geral, mas o importante é cada um na sua mas com alguma coisa em comum. (Engraçado, já vi isso em algum lugar...)

É isso aí galerinha! Por agora é só. Mandem e-mails para mim ([email protected]), vou ter o maior prazer de lê-los e respondê-los. Mandem idéias para serem comentadas, mandem mensagens com notícias interessantes, só não vale xingar a mãe!

Um abraço e até a próxima!

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Firewing
Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Importando Metal: músicos gringos que atuam ou já atuaram em bandas brasileirasImportando Metal
Músicos gringos que atuam ou já atuaram em bandas brasileiras


Slipknot: Corey Taylor explica porque o mundo pop não suporta o Heavy MetalSlipknot
Corey Taylor explica porque o mundo pop não suporta o Heavy Metal

Anthrax: Scott Ian apresenta a solução para o Phil AnselmoAnthrax
Scott Ian apresenta a solução para o Phil Anselmo