Pearl Jam: Americanos preferem George Bush à banda de Veder

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Enviar Correções  

Pela primeira vez na história do PEARL JAM boa parte do público presente decidiu abandonar um show, fato ocorrido após o vocalista Eddie Vedder ter atacado duramente o presidente americano, George W.Bush, durante a canção "Bushleaguer" (do último álbum da banda, o "Riot Act") colocou uma máscara com o rosto do presidente num suporte do microfone, e em seguida jogou-a no chão e pisoteou com bastante fúria, ato considerado por vários fãs como sendo de extremo mau gosto.

publicidade

"Parecia que ele havia decapitado alguém numa espécie de 'ritual primário' e empalado sua cabeça" disse um dos que presentes que abandonou o show realizado em Denver, primeiro da turnê norte-americana do grupo.

Vedder disse mais tarde que de forma alguma vai se desculpar, e que o problema não é com as tropas, tampouco com seus familiares, mas sim com os políticos que são os responsáveis pela guerra.

publicidade


WhiFin WhiFin