Van Halen: "fiquei sabendo pela internet"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Marco Néo, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 11/09/07. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O site RollingStone.com recentemente conduziu uma entrevista com Michael Anthony, ex-baixista do VAN HALEN, que comentou sobre sua ausência na atual reunião.

1223 acessosVan Halen: Simplesmente "FUCK"5000 acessosMetal Brasileiro: 10 bandas recomendáveis fora o Sepultura

RollingStone.com: Qual foi a última vez que você viu Eddie Van Halen?

Michael: "A última vez que eu de fato falei com ele ou o vi em pessoa foi depois do último show da turnê de 2004".

RS.com: Como as coisas estavam naquela época?

Michael: "As coisas não terminaram em total paz e harmonia entre os membros da banda, por vários motivos. Não vou ficar apontado o dedo para ninguém, mas depois de oitenta shows não tinha jeito daquela turnê continuar".

RS.com: Como foi que você descobriu que eles iriam fazer essa turnê sem você?

Michael: "Provavelmente como todo mundo, eu descobri pela Internet e através do disse-me-disse. Eu até entendo que ele queira que seu filho toque com ele. Se eu tivesse um filho como aquele, eu gostaria que ele tocasse comigo também. Foi meio estranha a primeira vez que ouvi sobre essa 'reunião' do VAN HALEN".

RS.com: Então eles nunca te chamaram?

Michael: "Não, ninguém nunca me contactou pra falar de nada. Eu descobri junto com todo mundo".

RS.com: É verdade que eles quiseram te deixar de fora da turnê de 2004?

Michael: "É. O Eddie realmente não me queria naquela turnê".

RS.com: Você sabe o porquê?

Michael: "Ele sempre ficava puto por eu sair e tocar com o Sammy (Hagar) quando não estávamos fazendo nada. Eu não tinha intenção de cutucar ninguém, eu só estava cansado de ficar em casa sem fazer nada. O Sammy ligou um dia pra mim e perguntou se eu não gostaria de ir a um de seus shows e talvez tocar com ele, só pela diversão, e eu disse: 'Sim, ótimo'. Acabou virando essa bola de neve e eu acabei tocando algumas músicas com ele aqui e ali".

Leia a entrevista completa (em inglês) neste link.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Van HalenVan Halen
Em "5150", uma banda mais compacta e divertida

1223 acessosVan Halen: Simplesmente "FUCK"474 acessosLoudwire: em vídeo, 10 maiores riffs de metal dos anos setenta0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Van Halen"

GuitarristasGuitarristas
Os 10 mais influentes do Rock (Parte 1)

Dimebag DarrellDimebag Darrell
Whisky e guitarra de Eddie Van Halen num caixão do Kiss

Van HalenVan Halen
"Deviam ter mudado de nome quando Sammy entrou!"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Van Halen"

Metal BrasileiroMetal Brasileiro
10 bandas recomendáveis fora o Sepultura

Angra e DetonatorAngra e Detonator
"Sem nenhuma dúvida, esse cara comprou a mídia!"

Planet RockPlanet Rock
Os 40 melhores álbuns ao vivo de todos os tempos

5000 acessosKing Diamond: Alguém já o viu sem a maquiagem?5000 acessosAxl Rose: Um dos vocalistas com maior alcance5000 acessosDeath Metal: menina de 6 anos detona no America's Got Talent5000 acessosU2: as 10 melhores músicas de todos os tempos da banda5000 acessosSlash: aborrecido com paródia onde vira cão de Axl Rose4700 acessosJason Newsted: Ele acha que Lemmy de certa forma o salvou

Sobre Marco Néo

Nascido na primeira metade dos anos 70, teve seu primeiro contato com sons pesados quando o Kiss veio para o Brasil, em 83, mas não compreendeu bem o que era aquilo. A contaminação efetiva ocorreu um ano depois, quando conheceu Motörhead, Judas Priest, AC/DC, Iron Maiden. Desde então, tornou-se um apaixonado colecionador de tudo o que se refere a Metal e Rock'n'Roll, independentemente de subestilos.

Mais matérias de Marco Néo no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online