Metallica: informações sobre qualidade de som do single

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Rafael Tavares e Douglas Morita, Fonte: Metal Remains
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 28/08/08. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Asbjørn Slettemark, da revista musical norueguesa Faro Journalen, reporta que o selo do METALLICA, Universal Music da Noruega, confirmou ter recebido várias reclamações sobre a qualidade de som do novo single do METALLICA, "The Day That Never Comes", que foi lançado via iTunes na semana passada. "Haverá uma nova versão da música no iTunes em breve", Eivind Slotsvik, produtor da Universal Music da Noruega, disse a Faro Journalen.

4575 acessosMetallica: Lars Ulrich lamenta a morte de Chester Bennington5000 acessosKing Diamond: o "Rei Satânico"

Slotsvik afirma, no entanto, que o arquivo de áudio da "The Day That Never Comes" que foi enviada as rádios norueguesas e impresa não está distorcido como a faixa sendo vendida no iTunes. "O que sabemos é que há algo errado com a versão enviada ao iTunes", disse ele. "A versão que recebemos não contém os mesmos erros".

Faro Journalen baixou uma das versões que a Universal Music lançou a imprensa através do banco de dados digital promocional da empresa. A revista então enviou o arquivo a Lasse Svendsen, editor da revista de áudio Lyd & Bilde (Som & Visão). Svendsen estava chocado com o que ouviu.

"Oh, meu Deus, este é infelizmente um clássico exemplo de como as coisas podem ficar ruins quando técnicos de estúdios e músicos querem brincar com compressores caros e limitadores", disse ele. "O arquivo é um arquivo de áudio AAC de 313kbps, que não é necessariamente ruim, mas alguém escolheu maximizar o volume com um compressor, tanto que o arquivo inteiro de som soa indistinguível. Os cimbals soam como vidros quebrados, as baterias como árvores quebrando, e as guitarras - que foram mixadas igualmente altas - soam como alguém enfiando um parafuso nos meus ouvidos".

Kjartan Overby é responsável pelos arquivos de música da estação norueguesa de rádio na NRK. "The Day That Never Comes" foi uma das faixas mais tocadas nesta semana no canal P3 da NRK, e Overby disse a Faro Journalen que ele reagiu imediamente aos níveis de som dessa música.

"Eu nunca tinha ouvido nada como isso nas músicas que adicionamos ao arquivo. Isto provavelmente não é um erro técnico. O arquivo estava assim quando nós recebemos da Universal Music", disse ele.

O editor da Lyd & Bilde, Svendsen, disse que tem poucas expectativas quanto ao álbum “Death Magnetic”, que está previsto para estar nas lojas no dia 12 de setembro. "Nós só podemos esperar que o CD não soe tão ruim, mas eu não tenho muitas esperança de que isso ocorra", disse ele.

Um representante do site do METALLICA, Mission: Metallica, enviou um e-mail aos usuários registrados no site na semana passada afirmando que os problemas de qualidade de áudio de "The Day That Never Comes" eram relacionados a "criação do arquivo a partir da master," antes de reafirmar aos fãs que "não é assim que irá soar o CD." Ele ainda disse, "Nós identificamos a fonte do problema para previnir que aconteça novamente com qualquer single que seja divulgado até 12 de setembro."

Embora a banda ainda não tenha tratado do assunto diretamente, é creditado que a fonte do problema seja de fato a mixagem e não a masterização. Com apenas três semanas antes do lançamento de "Death Magnetic", é altamente improvável que mudanças sejam feitas na mixagem final do álbum, um cenário que é praticamente certo para o desapontamento dos fãs do METALLICA que estavam expressando seu descontentamento com a produção do novo single da banda no fórum de discussão oficial do grupo.

Fonte original: Faro Journalen.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

MetallicaMetallica
Lars Ulrich lamenta a morte de Chester Bennington

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Metallica"

Dave MustaineDave Mustaine
"Depois que eu saí do Metallica, eu me reavaliei"

RockRock
Curiosidades para enriquecer seu conhecimento

Dave MustaineDave Mustaine
Há anos superei o fato do Metallica usar minhas músicas

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Metallica"

King DiamondKing Diamond
Ele é satanista, e não meramente marqueteiro

Steven TylerSteven Tyler
"Minha primeira vez foi aos 7 anos, com gêmeas!"

RoadrunnerRoadrunner
Assista os dez melhores vídeo-clipes da gravadora

5000 acessosSlayer: Araya fala sobre fé e sua relação com o cristianismo5000 acessosAngra: banda errou na escolha de Fabio Lione?5000 acessosSeparados no nascimento: Ozzy Osbourne e Renato Aragão5000 acessosWest Ham: o time do coração de Steve Harris5000 acessosBaixos: dez erros cometidos por baixistas nos solos.4320 acessosDream Theater: 10 dos melhores covers tocados pela banda

Sobre Rafael Tavares

Nascido em 1987, descobri o rock and roll já cedo, aos 6 anos de idade, quando ouvi "I Don't Care About You" com o Guns N' Roses em algum momento de 1993. De lá pra cá minha paixão pela música pesada e, especialmente pelo Guns N' Roses (que estará para sempre marcado em minha pele, alma e coração) cresceu exponencialmente. Sebastian Bach me fez querer virar cantor e o resto é história. Produtor fonográfico, formado em Letras e professor. Tão diversificado quanto o Rock and Roll, essa é minha vida, esse é meu clube. =D

Mais informações sobre Rafael Tavares

Mais matérias de Rafael Tavares no Whiplash.Net.

Sobre Douglas Morita

Douglas Morita acha que se existem constantes em sua vida, uma delas definitivamente é o Metallica. Fã da banda desde que se conhece por gente, criou o site Metallica Remains em 1998 e considera o grupo como sua principal - porém, obviamente, não única - influência musical. Além do Metallica, tenta ouvir de tudo um pouco, sem se limitar a estilos ou rótulos.

Mais matérias de Douglas Morita no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online