Def Leppard: "não temos nenhum problema com o Poison"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Marco Néo e Diego Prado, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar Correções  

O DEF LEPPARD voltará à estrada no próximo verão (do hemisfério Norte), desta vez acompanhado de POISON e CHEAP TRICK.

O Clube dos 27: 17 roqueiros que sucumbiram à idade fatídica

Journey: o famoso erro geográfico em "Don't Stop Believin'"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Algumas pessoas poderão se surpreender de ver POISON e DEF LEPPARD num mesmo show, depois das supostas declarações negativas feitas por Joe Elliott sobre a banda glam norte-americana no ano passado. Mas ele disse à Associated Press que a controvérsia ganhou um vulto maior do que a realidade.

"A suposta briga que tivemos com o POISON não foi de fato uma briga. Foi mais uma afirmação utilizada fora de contexto por um jornalista estrangeiro", disse Elliott. "Eu falei com Bret Michaels (vocalista do POISON), e ele entendeu perfeitamente que a afirmação foi utilizada totalmente fora de seu contexto original, e nós não temos qualquer tipo de problema com qualquer um dos caras da banda, nunca tivemos".

No ano passado, o POISON se envolveu em uma guerra verbal com Joe Elliott, com base em comentários feitos pelo vocalista em uma coletiva de imprensa realizada em junho de 2008 durante o Sweden Rock Festival, na qual Joe disse que bandas como o POISON e o MÖTLEY CRÜE "não tinham conteúdo em sua música" e que, por conta disso, importavam-se mais com sua imagem nos anos 80. Michaels organizou sua própria coletiva no dia seguinte e respondeu as afirmações de Elliott, dizendo: "faz 20 anos que a gente vem tocando em arenas lotadas, isso não é resultado da nossa preocupação com nossa imagem. A música é o mais importante". Bret ainda disse que "eles (o DEF LEPPARD) não deviam criticar ninguém pela sua música, já que eles acabaram de participar de um programa de TV nos Estados Unidos chamado 'Dancing With The Stars' e eles foram crucificados porque dublaram o show inteiro, então antes que eles se achem no direito de criticar quem quer que seja, eu nunca dublei um show na minha vida inteira - nunca! É o sujo falando do mal lavado."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em uma mensagem postada no site oficial do DEF LEPPARD em 18 de julho de 2008, Elliott explicou sua afirmação original, dizendo que "eu estava simplesmente embasando um argumento quando eu disse que várias dessas bandas de Hollywood não eram 'reais' (ou o que quer que eu tenha dito)... Eu nasci Joseph Elliott, Sav nasceu Richard Savage, Rick nasceu Richard Allen, Phil nasceu Philip Collen, Viv nasceu Vivian Campbell e, oh, Steve nasceu Stephen Clark. Eu não acho que ninguém no POISON usa seu nome verdadeiro, não? E eu poderia mencionar centenas de outros que também não usam, mas eu pensei no POISON porque me perguntaram sobre eles! Não é nada pessoal, foi só uma resposta a uma pergunta feita."




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


O Clube dos 27: 17 roqueiros que sucumbiram à idade fatídicaO Clube dos 27
17 roqueiros que sucumbiram à idade fatídica

Journey: o famoso erro geográfico em Don't Stop Believin'Journey
O famoso erro geográfico em "Don't Stop Believin'"


Sobre Marco Néo

Nascido na primeira metade dos anos 70, teve seu primeiro contato com sons pesados quando o Kiss veio para o Brasil, em 83, mas não compreendeu bem o que era aquilo. A contaminação efetiva ocorreu um ano depois, quando conheceu Motörhead, Judas Priest, AC/DC, Iron Maiden. Desde então, tornou-se um apaixonado colecionador de tudo o que se refere a Metal e Rock'n'Roll, independentemente de subestilos.

Mais matérias de Marco Néo no Whiplash.Net.

Sobre Diego Prado

Apaixonado pela música desde cedo e fã de bandas como: Guns N' Roses, Iron Maiden, Metallica, Sepultura, Pantera, Slipknot, Avenged Sevenfold, Trivium, entre outras, decidiu colaborar com o seu site favorito juntando assim sua paixão pela música com o prazer em traduzir e escrever textos. Diego é vocalista e compositor da banda paulistana Ace 4 Trays, e é também estudante de letras.

Mais matérias de Diego Prado no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280