Vivian Campbell: falando de disco ao vivo e Thin Lizzy

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por João Renato Alves, Fonte: Blog Van do Halen
Enviar Correções  

O RockMusicStar.com falou com o guitarrista Vivian Campbell. Confira alguns trechos da entrevista.

A experiência com o Thin Lizzy: Tem sido brilhante. Musicalmente, é excitante e reacendeu minha paixão pela guitarra. Não tocava tanto assim desde 1983. Quando era jovem, aprendi o álbum Live & Dangerous na íntegra. É um privilégio ter a oportunidade de viver a fantasia.

A reação da audiência à nova versão do grupo: Foi muito boa, vendemos muitos ingressos por antecipação. A banda soa muito bem, como o Thin Lizzy deveria soar. Era algo autêntico, então a resposta foi muito forte. Houve também uma grande resposta viral na internet, graças às performances postadas no YouTube. Houve um crescimento na procura por entradas por causa disso. Está melhor que esperávamos, definitivamente.

Se houve hesitação em aceitar o convite do Thin Lizzy: Não, foi algo muito rápido, sem ficar pensando demais. Mas não é uma situação permanente. Sairei em turnê com o Def Leppard, eles vão chamar outro guitarrista, então. Ainda tenho shows para fazer antes disso, de qualquer modo.

As três faixas inéditas que estarão no álbum ao vivo do Def Leppard, Mirrorball: Elas são bem diferentes entre si. Foi uma decisão de última hora colocá-las no CD, seria apenas a parte ao vivo. Mas nos fizeram compreender que isso seria benéfico. Então Joe Elliott, Rick Savage, Phil Collen e eu escrevemos uma música cada. Infelizmente, a minha chegou por último e acabou ficando fora. A canção de Rick é bem épica, a de Phil soa no estilo Def Leppard e a de Joe, "Undefeated", foi a que realmente me chamou a atenção. Provavelmente será a única delas que tocaremos na próxima tour, ela é incrível.

A relação com Phil Collen, o outro guitarrista do grupo: Ele é um cara adorável. Não há competição ou rivalidade entre nós. Acho que estamos muito velhos para isso. Talvez há vinte e cinco anos tivesse acontecido de outra maneira. Somos guitarristas muito diferentes em termos de estilo. Tenho uma pegada que soa como uma mistura de Metal e Blues, enquanto ele é mais meticuloso na parte técnica. Nos completamos e ele é uma pessoa muito fácil de se lidar.

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Metromix: a lista dos vocalistas mais irritantes do rockMetromix
A lista dos vocalistas mais irritantes do rock

Heavy Metal: celebridades que curtem ou já curtiramHeavy Metal
Celebridades que curtem ou já curtiram


Sobre João Renato Alves

Sem descrição cadastrada.

Mais matérias de João Renato Alves no Whiplash.Net.

WhiFin