Motley Crue: Nikki Sixx agora é um viciado em fotografias

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nathália Plá, Fonte: noisecreep.com, Tradução
Enviar Correções  

O que o autor de Best-seller, fotógrafo, músico e apresentador de rádio, Nikki Sixx, faz para passar o tempo?

Simples: lança um novo livro de fotos pungentes e fortes e anotações de diário que nos levam mais fundo ao reino profundo e sombrio de sua visão artística. O baixista do Motley Crue está dando sequencia ao seu bestseller 'The Heroin Diaries' com o 'This is Gonna Hurt - Music, Photography and Life Through the Distorted Lens of Nikki Sixx.'

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Como disse Sixx ao Noisecreep, após deixar as drogas no fim dos anos 80, a fotografia se tornou sua válvula de escape; seu "vício substituto": "Sem dúvida, eu não consigo ir muito longe sem fotografar", disse ele. "É como a música – está sempre na minha cabeça e no meu sangue o conceito de onde pode vir a próxima foto. Talvez seja a aparência de uma nuvem. A aleatoriedade da natureza, o desejo de capturar o que está se passando em tempo real ao meu redor. Isso domina. E então eu nunca estou sem uma câmera. Você simplesmente nunca sabe quando algo precisará ser captado."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

As fotos no livro incluem espontâneas de Sixx bem como muitas cenas que foram montadas e concebidas de antemão. Há imagens de estrada, fotos macabras que revelam a busca de Sixx pela beleza em outros lados, e tudo que há entre isso.

As palavras de Sixx também tem um papel importante no livro. "Além de sempre ter uma câmera, eu sempre tenho um bloco de notas, também. E muitas canetas e lápis. Anotar as coisas é algo muito vital para meu processo criativo, é simplesmente uma parte do meu DNA – parte de quem eu sou. Colocar meus sentimentos no papel me permite trabalhar minha vida diante de mim. Me dá clareza e me ajuda a perceber que a vida é uma luta. Esse é o ponto. A vida não é perfeita, e eu uso o livro para tentar e inspirar a todos a fazerem o que estou fazendo – capturar momentos em palavras e fotos para ajudar a fazer nossa vida ter sentido."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre como suas habilidades fotográficas o afetaram como pessoa, Sixx disse que ele busca equilíbrio quando trabalha com um fotógrafo que está tirando fotos dele. "Quando estou sendo fotografado, agora sei de tudo que o fotógrafo está fazendo. Eu sei os efeitos, os ângulos e truques. Então eu reconheço o trabalho dele. Eu me torno parte do processo. Mas então, eu tenho que confiar na forma como ele está fazendo e deixar acontecer. Todos tem um olhar diferente e você tem de deixar isso acontecer e entender o que eles estão buscando. É difícil às vezes, mas é excitante também."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O livro de Sixx também incluem imagens e dizeres sobre sua ex-namorada, Kat Von D. "Seria fácil deixar isso de fora" ele disse ao Noisecreep. "Mas só porque não estamos juntos agora, quando eu estava fazendo o livro ela era grande parte da minha vida e eu queria representar isso com honestidade. Toda a intensidade que tivemos".

Sixx explicou também como os extremos do rock and roll de sua vida afetam sua abordagem hoje. "Olha, eu fui de desajustado a sex symbol em um período de tempo muito curto. Mas eu nunca esqueci a realidade. Eu sei quem sou e de onde vim. O que eu passei na vida foi muito confuso por um tempo, por causa do quão vulnerável eu estava, mas escrever e fotografar agora me ajuda a tirar sentido disso tudo. Minha vida é extrema, e sabendo disso, eu sempre senti a necessidade de documentá-la".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em maio, a banda de Sixx, SIXX:A.M., lançará um álbum de onze faixas para acompanhar o livro. O Motley Crue estará em turnê nesse verão como Poison e o New York Dolls.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Kiss sobre Secos e Molhados: há quem acredite em OVNIsKiss sobre Secos e Molhados
"há quem acredite em OVNIs"

Strip-Tease: algumas canções que combinam com o temaStrip-Tease
Algumas canções que combinam com o tema


Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

Cli336 Cli336 Cli336 Cli336 Cli336