Andy La Rocque: material em colaboração com Tony Martin

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nathália Plá, Fonte: blabbermouth.net, Tradução
Enviar Correções  

O guitarrista/produtor Andy La Rocque (KING DIAMOND) está atualmente compondo músicas para o BLACK, seu novo projeto em colaboração com o vocalista Tony Martin (BLACK SABBATH) e com o baixista Magnus Rosén (HAMMERFALL). Andy diz, "Nesse ponto acho que temos música composta para em torno de 7-8 faixas, então precisamos de mais 3-4 faixas e então precisamos arranjá-las apropriadamente e estaremos prontos para começar a gravar, esperamos que no final do verão/outono."

publicidade

De acordo com Martin, a primeira música que foi composta durante as sessões iniciais de composição do projeto foi chamada de "Deathless Soul" e ela "soa bem obscura." Contudo, o vocalista foi rápido ao apontar, "Não espero que seja completamente nessa veia."

La Rocque é um dos convidados no show do multi-instrumentista sueco Snowy Shaw em 27 de maio no Brew House em Gothenburg, Suécia. O evento único que será filmado e gravado profissionalmente para um futuro lançamento em DVD terá Shaw apresentado "todas suas músicas favoritas" de "todas suas antigas bandas" – inclusive KING DIAMOND, NOTRE DAME, DREAM EVIL, MERCYFUL FATE, THERION, MEMENTO MORI, ILLWILL, XXX e DIMMU BORGIR). Andy irá tocar algumas músicas do KING DIAMOND no show com o baixista Hal Patino e com o guitarrista Mike Wead.

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Raul Seixas: Perguntas e respostas e curiosidades diversasRaul Seixas
Perguntas e respostas e curiosidades diversas

Slipknot: Ozzy quis entrar pra banda segundo Corey TaylorSlipknot
Ozzy quis entrar pra banda segundo Corey Taylor


Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin