Mayan: Mark Jansen fala sobre o projeto em nova entrevista

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Kako Sales, Fonte: Blabbermouth.Net, Tradução
Enviar Correções  


"Quarterpast", o álbum de estréia do Mayan, foi lançado em 20 de maio via Nuclear Blast Records. O CD foi gravado e mixado por Sascha Paeth (Epica, Kamelot).

Ortografia: como deveriam realmente se chamar as bandas?

Bruce: "Olhei para Di'Anno e pensei que deveria estar lá!"

Em uma entrevista para o The Great Southern Brainfart, Mark Jansen falou sobre o Mayan: "Começou apenas como diversão, mas logo evoluiu para algo que tinha que ser perfeito. Eu pensei que seria só diversão compor com velhos amigos, mas agora é tão sério para mim quanto o Epica é. É claro, o Epica permanece como minha prioridade e é a banda que faz a maior quantidade de shows, mas o Mayan vai preencher os espaços."

Quando questionado se o material do Mayan é – conceitual e liricamente – similar ao Epica, Mark respondeu: "Liricamente, você vai encontrar um monte de comparações, porque é o meu estilo de composição. Eu não tento compor sobre nada muito diferente. Poderiam ter sido letras para um CD do Epica, mas a musicalidade é completamente diferente. Contém muito mais guturais e é muito mais pesado. Ainda é sinfônico porque eu amo esse estilo de música. É como uma mistura de Symphony X com Opeth. Mais ou menos esse tipo de direcionamento."

O site FaceCulture recentemente conduziu uma entrevista com Mark Jansen, do Epica e Mayan. Você pode assistir agora à conversa em três partes abaixo.

Segue o tracklist de "Quarterpast":

01. Symphony of Aggression
02. Mainstay of Society
03. Quarterpast
04. Course of Life
05. The Savage Massacre
06. Essenza di Te
07. Bite the Bullet
08. Drown the Demon
09. Celibate Aphrodite
10. War on Terror
11. Tithe
12. Sinner's Last Retreat (faixa bônus)

"Quarterpast" possui contribuições vocais dos seguintes músicos:
* Mark Jansen (Epica, ex-After Forever)
* Ariën van Weesenbeek (Epica)
* Jack Driessen (ex-After Forever)
* Floor Jansen (Revamp, ex-After Forever)
* Simone Simons (Epica)
* Henning Basse (Sons of Seasons)
* Laura Macrì (Cantora italiana de Ópera)

Mayan é:

* Mark Jansen (Epica, ex-After Forever) – Guitarras, Vocais
* Jack Driessen (ex-After Forever) - Teclados
* Frank Schiphorst - Guitarras, Vocais
* Rob van der Loo (ex-Sun Caged, Delain) - Baixo
* Isaac Delahaye (Epica) - Guitarras
* Ariën van Weesenbeek (Epica) - Bateria




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Ortografia: como deveriam realmente se chamar as bandas?Ortografia
Como deveriam realmente se chamar as bandas?

Bruce: Olhei para Di'Anno e pensei que deveria estar lá!Bruce
"Olhei para Di'Anno e pensei que deveria estar lá!"


Sobre Kako Sales

Mineiro de Januária, baterista autodidata, cresceu em ambiente familiar ligado à música popular e erudita. Seu pai chegou a fazer pequenas turnês com bandas da Jovem Guarda como tecladista no fim da década de 70. Aos 10 anos, iniciou os estudos de teoria musical e piano clássico. Teve o primeiro contato com o mundo do metal ao escutar o CD Angels Cry do Angra, aos 15 anos. Desde então tem se dedicado a conhecer, colecionar e difundir o melhor do metal brasileiro e mundial. Graduado em Letras/Inglês, principalmente por influência da língua-mãe do rock, tem como principais ícones do metal as bandas Angra, Symphony X, Dream Theater e Opeth.

Mais informações sobre Kako Sales

Mais matérias de Kako Sales no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin adWhipDin