Trivium: "Se alguém acha que entendeu Lulu, está drogado"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Eduardo Escobar, Fonte: A Ilha do Metal
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 25/11/11. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O baixista Paolo Gregoletto disse para o webzine sueco MetalShire o que a maioria das pessoas estão achando e concluindo acerca do controverso álbum 'Lulu', fruto da parceria entre Metallica e Lou Reed, tentando ser o mais diplomático possível:

435 acessosMetallica: Cartazes edição limitada serão vendidos nessa quinta5000 acessosMegadeth: as 10 maiores tretas de Dave Mustaine

"Eehhh, é realmente estranho," diz Paolo sobre o álbum. "Eu entendi isso? Se alguém acha que entendeu isso, está drogado. É um álbum estranho, cara! Ouvimos isso ... e quando nós ouvimos? Oh, na última turnê. Fizemos um show em Tampa e alguns de nós dirigimos de volta para Orlando a noite porque iríamos tocar lá no dia seguinte e ouvimos mais do mesmo. Nós ficávamos apenas como, "Que porra é essa?" É tão estranho. Eu vi alguns vídeos dele ao vivo e eu não sei, cara. Se esses caras são felizes fazendo aquilo, então mais poder a eles, porque eles ainda são a minha banda favorita, mas isto é realmente estranho e eu acho que todo mundo acha isso também."

Aproveitando a deixa, se quiser tirar suas próprias conclusões, o vídeo abaixo contém um registro ao vivo com a performance dessa tão falada parceria, feito no último dia 11/11 em Cologne, Alemanhã:

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Adaptação: Metal Hammer

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

MetallicaMetallica
James explica como ele cria os títulos das músicas

435 acessosMetallica: Cartazes edição limitada serão vendidos nessa quinta1259 acessosMetallica: Lars queria ver Phil Rudd tocando Enter Sandman0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Metallica"

Rock e MetalRock e Metal
5 músicas que melhor criaram suas "atmosferas"

MetallicaMetallica
Quando o grupo achou seu Derek Riggs

WikimetalWikimetal
Top 11 Músicas que fazem arrepiar

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Trivium"0 acessosTodas as matérias sobre "Metallica"0 acessosTodas as matérias sobre "Lou Reed"

MegadethMegadeth
As 10 maiores tretas da história de Dave Mustaine

IntrigasIntrigas
Bandas em família que terminaram mal

SlayerSlayer
Kerry King comenta Grammy, Venom, Dimebag, e mais...

5000 acessosHeavy Metal: nove ótimas músicas suaves do gênero5000 acessosMetallica: Casal toca "Master" no casamento e ganha encontro com a banda5000 acessosPlayback.FM: saiba qual a música mais tocada nas rádios no dia que você nasceu5000 acessosIron Maiden: 8 covers comentados e comparados com os originais5000 acessosBruno Sutter: compositores, pensem nas letras que vocês escrevem!5000 acessosIsto sim é ser fã: homem muda nome para "Led Zeppelin II"

Sobre Eduardo Escobar

Paulistano, 23 anos e estudante de Ciências da Computação, conheceu o Heavy Metal ainda criança e hoje curte estilos como Heavy, Doom Folk e Melodic Death. Suas bandas favoritas são Candlemass e Cathedral, Iced Earth, entre outras (Black Sabbath não vale!). É um dos responsáveis pelo site A Ilha do Metal onde também comanda um programa de web radio com foco nas bandas nacionais.

Mais matérias de Eduardo Escobar no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online