Slayer: 30 anos de estrada, Metallica, cerveja e garotas

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 19/10/12. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

A edição indiana da revista Rolling Stone entrevistou o guitarrista do SLAYER, Kerry King: Alguns trechos podem ser lidos abaixo.

2239 acessosTom Araya: "eu poderia ter feito mais para ajudar Jeff Hanneman"5000 acessosOrtografia: como deveriam realmente se chamar as bandas?

Rolling Stone Índia: Os últimos anos foram bem excitantes, especialmente a turnê com o “Big Four”, começando com o festival Sonisphere. Eu me lembro de Dave (Lombardo, baterista) contando em 2010 que a última vez que tocaram com o METALLICA foi nos anos 1980, quando ambos Dave Mustaine e Ron Mcgovney estavam nas bandas. Então, Kerry, como foi a experiência no “Big Four” Tour?

Kerry: "Você sabe, é divertido. Sobre o Metallica, o mais engraçado é que as duas bandas nunca conversam de verdade. Não porque não nos gostamos, mas simplesmente estamos em locais completamente diferentes. Quando estamos em turnê, eles estão em casa, quando eles estão em turnê, nós estamos em casa. Então, além destes shows nos anos 1980, como você falou, nós tocamos talvez 5 shows nesses 25 anos em alguns festivais aleatórios, então foi bem legal fazer essa conexão. Eu pensei sobre isso, toda a ideia do “Big Four” é sobre juntar as bandas. O que restou foi essa grande oportunidade e ótimas lembranças para mim."

Rolling Stone India: Em 2013 será o trigésimo aniversário de “Show No Mercy” (álbum de estreia). Vocês algumas vezes param, olham para trás e pensam: “Wow, nós estamos rodando por três décadas”?

Kerry: "Sim, claro! No começo nós nunca assumíamos que estávamos com 30 anos. Nós demos sorte, nosso primeiro disco saiu quando eu e Jeff (Hanneman, guitarrista e membro fundador) tínhamos 19, Dave tinha 18, eu acho, Tom (Araya, baixista e vocalista) tinha 22. Então nós tivemos sorte de começar bem cedo. E nessa época nós entramos na música para beber cerveja e conhecer garotas, e, com sorte, alguém nos encontraria e faríamos disso uma carreira. Eu acho que para muitas bandas o seu primeiro álbum é a chance de ficar famoso. No segundo eles tem que repetir isso."

Leia mais na RollingStoneindia.com:
http://rollingstoneindia.com/qa-kerry-king/

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 19 de outubro de 2012
Post de 23 de outubro de 2012
Post de 26 de outubro de 2012

Tom ArayaTom Araya
"Eu poderia ter feito mais para ajudar Jeff Hanneman"

1799 acessosSlayer & Yoko Ono: e não é que funciona?880 acessosDuplas de guitarristas: Loudwire elenca suas dez melhores941 acessosBody Count: divulgado videoclipe de covers do Slayer0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Slayer"

SlayerSlayer
Treta entre King e Araya por causa do Trump? Kerry explica

SlayerSlayer
As dez piores músicas da banda

SlayerSlayer
Fãs hardcore dão (literalmente) o sangue pela banda

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Cerveja"0 acessosTodas as matérias sobre "Slayer"

OrtografiaOrtografia
Como deveriam realmente se chamar as bandas?

HumorHumor
Como você chama alguém que sai com músicos? Baterista!

MetallicaMetallica
Lars Ulrich quase saiu no tapa com Lou Reed

5000 acessosKing Diamond: As opiniões do rei sobre Satanismo5000 acessosSeparados no nascimento: Alice Cooper e Emerson Fittipaldi5000 acessosMúsica Brasileira: Quais os discos mais vendidos da história?4540 acessosBlack Sabbath: vocalista de 10 anos faz cover de "War Pigs"5000 acessosKiss: Gene Simmons não usa drogas nem bebe por respeitar a mãe5000 acessosKiss: a trágica história que inspirou "Detroit Rock City"

Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online