Mike Portnoy: explicações sobre problemas do show de Manila

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando Portelada, Fonte: Mikeportnoy.com, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 10/11/12. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Mike Portnoy postou em seu site oficial a seguinte mensagem sobre os problemas no show nas Filipinas...
5000 acessosMike Portnoy: chilique e peças da bateria arremessadas

“Não quero desculpar minhas ações, mas ao menos explicar a situação: Esta turnê do PSMS está sendo MUITO difícil para todos nós em termos de material e produção. A única forma que conseguimos chegar a locais tão distantes, como Manila, Rússia, Israel, Indonésia, etc (onde é normalmente BEM caro de ir a não ser que você seja uma banda com um grande nome, que já está por aí há muito tempo), foi fazer algumas concessões usando material fornecido e técnicos locais em cada show.

Reconheço que nós concordamos com estes termos e estamos dispostos a fazê-los dar certo. No entanto, em quase meia dúzia de ocasiões nesta turnê, ficamos incrivelmente frustrados ao aterrissar no local e descobrir que os requerimentos da banda foram simplesmente ignorados (teclados errados, amplificadores errados, pratos Zildjian, etc) não estando aparelhados e prontos como deveríamos, e como os promotores nos prometeram.

Nós fomos tão pacientes e compreensivos quanto foi possível, mas quando você tem 4 caras que não dormiram mais do que algumas horas toda noite voando para esses shows... Algumas vezes nossa paciência pode ficar escassa.

No caso do show de Manila, nós chegamos horas antes do show e a bateria não estava pronta, pratos estavam faltando, os amplificadores de Bill estavam errados (de novo) e Tony tinha um zunido em seu equipamento que não desaparecia... Mas nós continuamos lá porque estávamos MUITO animados para tocar para esses fãs.

No começo de Stratus (de onde foi tirado o vídeo do Youtube) o microfone da minha caixa caiu e acenei para o técnico colocá-lo de volta no pedestal/bateria, e ao invés disso ele chega à minha bateria e leva o microfone embora, deixando-me SEM microfone da caixa (você pode me ouvir tocando com o tom ao invés da caixa)... Percebendo que ele não fazia ideia do que estava fazendo, ou de como consertar a situação, eu parei de tocar e fiz meu pequeno “rap” enquanto eles arrumavam tudo [...].

No vídeo você pode ver que eu estava ao menos tentando achar graça da situação, sem maldade e sem magoar alguém com uma explosão de raiva.

Moral da história: NÓS SOMOS HUMANOS! E algumas vezes estas circunstâncias frustrantes criam comportamentos frustrados. Eu não estou dizendo que foi certo parar a música, mas se assistirem o vídeo do resto do show, podem ver explicar para a platéia que passei minha vida inteira querendo tocar em Manila e eu não deixaria NADA arruinar minha noite ou o show.

E nós continuamos e todos tiveram uma ótima noite.

E estamos ansiosos para nosso retorno... ( Mas acho que esta é a última vez que viajo sem minha própria bateria e sem meu próprio técnico hahahahahah!!!)

MP”

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mike PortnoyMike Portnoy
Ele entende porque os caras do Dream Theater recusaram o convite

2991 acessosMax Portnoy: os seus dez bateristas preferidos de todos os tempos3752 acessosThe Winery Dogs: veja 1º vídeo do novo DVD que sai em Agosto0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Mike Portnoy"

Mike PortnoyMike Portnoy
Ele entende porque os caras do Dream Theater recusaram o convite

Mike PortnoyMike Portnoy
O que fez ele ficar de saco cheio no Dream Theater

Mike PortnoyMike Portnoy
Ele toparia tocar com o Dream Theater?

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Mike Portnoy"

King DiamondKing Diamond
"Satanismo é mais uma filosofia que uma religião!"

Separados no nascimentoSeparados no nascimento
Alice Cooper e Emerson Fittipaldi

Música BrasileiraMúsica Brasileira
Quais os discos mais vendidos da história?

5000 acessosSteve Vai: as 10 melhores faixas de guitarra na opinião dele5000 acessosMetallica: NME elege as 10 melhores músicas do grupo5000 acessosSlipknot: veja a evolução das máscaras de cada integrante da estreia aos dias atuais5000 acessosMetallica: como soaria "Hardwired" se tivesse sido gravada nos 80's?5000 acessosDire Straits: a história por trás da música "Money For Nothing"2998 acessosSteve Vai: a curiosa conexão com o hard rock fora da carreira solo

Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online