Led Zeppelin: fita de rolo de Houses of the Holy à venda no Ebay

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 29/03/13. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

1236 acessosRobert Plant: Aston Martin DB5 que foi do cantor está à venda5000 acessosSeparados no nascimento: James Hetfield e o Leão Valente

Títulos lançados em fita de rolo tem sido o cálice sagrado dos colecionadores faz tempo – especialmente porque mesmo no auge, elas nunca venderam muito bem. O formato foi introduzido em 1949, e tinha bem por dizer morrido no começo dos anos 70. Havia, no entanto, alguns poucos títulos ainda sendo fabricados na época, incluindo o álbum ‘Houses Of The Holy’, do Led Zeppelin- uma cópia dele tendo sido vendida no EBAY essa semana por US$239.50, com 46 lances.

Apesar de o vinil ter tido uma reaceitação nos últimos anos, não se apostaria na mesma coisa acontecendo com as fitas de rolo. O formato nunca ganhou espaço do modo que as fitas portáteis fizeram. Os cassetes – e as outrora populares 8-tracks – tornaram-se os formatos não-vinil da época, com a fita de rolo sendo associada a títulos de música clássica. Ao longo dos anos 60, contudo, muitos títulos de rock e pop foram lançados em fita de rolo.

Uma pesquisa rápida no Ebay oferece mais de 3 mil ofertas em fitas de rolo, com tudo desde ‘Fireball’ do Deep Purple, até ‘De Capo’, do Love. Há até uma fita quadrofônica dos Doobie Brothers entre elas! Na maioria dos casos, é o artefato e o formato que compõem o valor, ao invés da qualidade de áudio – apesar de haver uma pequena tribo de audiófilos por aí que juram que as fitas de rolo originais são o máximo da qualidade de som.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Robert PlantRobert Plant
Parem de viver no passado, existe muita coisa boa nova

1236 acessosRobert Plant: Aston Martin DB5 que foi do cantor está à venda527 acessosRodrigo Y Gabriela: influência do Metal e Led no Danilo Gentili1418 acessosRobert Plant: no "Vozes Extraordinárias" do Marcio Guerra Canto0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Led Zeppelin"

RockRock
Alguns dos discos mais raros (e caros) do mundo

Led ZeppelinLed Zeppelin
Sexo explícito na entrega de discos de ouro em 1973

MadonnaMadonna
Tocando "Whole Lotta Love" do Led Zeppelin na guitarra

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Led Zeppelin"


Separados no nascimentoSeparados no nascimento
James Hetfield e o Leão Valente

Death MetalDeath Metal
As 10 melhores bandas de acordo com a AOL

Ratos de PorãoRatos de Porão
O elogio de João Gordo aos garotos do Restart

5000 acessosDeep Purple: Gillan fala sobre Ritchie, Coverdale e Hughes5000 acessosCD vs Vinil: não diga que o som do vinil é melhor - porque não é5000 acessosGhost: Nergal revelou a identidade de Papa Emeritus II?4194 acessosAlice Cooper: como ele montou a banda com Johnny Depp e Joe Perry5000 acessosGuns N' Roses: tudo parece muito surreal para Slash5000 acessosSoulfly: Max relembra seu momento mais surreal ao vivo

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 29 de março de 2013


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online