Matérias Mais Lidas

imagemO clássico da Legião inspirado em novela da TV Globo e acusado de plagiar The Doors

imagemO clássico dos Paralamas que Gilberto Gil escreveu a letra e ditou pelo telefone

imagem"Não existe esta coisa de New Wave of British Heavy Metal", diz Paul Di'Anno

imagemComo o clássico "Angel Dust" fez o guitarrista Jim Martin sair do Faith No More

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1988 é um ano inesquecível

imagemRock in Rio 1991, Maracanã lotado, e o Guns N' Roses ameaçou não subir ao palco...

imagemO álbum do Kiss que infelizmente é ignorado pela banda, segundo Andreas Kisser

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1991 é um ano tão celebrado

imagemPor motivo de saúde, Tracii Guns faz show inteiro do L.A.Guns dentro do banheiro

imagemSupla explica por que fala sempre misturando português com inglês

imagemMarky Ramone sobre o CBGB: "Era como um lixão, mas era o nosso lixão"

imagemTico relembra trauma que o fez entrar na Fazenda e briga bizarra com Sérgio Mallandro

imagemA opinião sincera de Lemmy Kilmister sobre os Beatles e os Rolling Stones

imagemEdu Falaschi e as versões de "Bleeding Heart" que "dá uma tristezinha" de ouvir

imagemVídeo mostra o Guns N' Roses novamente tocando "Back in Black" do AC/DC


Stamp

Pantera: esqueçam reunião, a treta só engrossa

Por Nacho Belgrande
Fonte: Playa Del Nacho
Em 24/04/13

Em entrevista ao jornalista estadunidense LONN FRIEND na noite de ontem [22 de Abril], o ex-baixista do PANTERA, REX BROWN falou ao fone direto de sua casa no Texas sobre seu livro de memórias, "Official Truth, 101 Proof: The Inside Story Of Pantera" e sua atual banda, o KILL DEVIL HILL. O músico também comentou sobre como veio a ideia pro livro, sua atual relação com os membros sobreviventes do Pantera, sua vida de pai, e como é trabalhar com o lendário baterista Vinny Appice.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Perguntado sobre sua atual relação com o vocalista do Pantera PHILLIP ANSELMO e o baterista VINNIE PAUL ABBOTT, Rex disse: "Eu mandei meu livro para os dois. E, aparentemente, Vinnie não ficou muito lisonjeado com ele. Vinnie então que escreva a sua própria porra de livro. Com o Phillip, eu não ouvi nenhuma contestação, mas eu não disse nada no livro que já não fosse público, entende?"

Ele acrescentou: "Eu acho que a razão pela qual eles não falaram comigo é porque É a porra da verdade. E de vez EM quando... você não quer contar a verdade. E eu não me esforcei para magoar ninguém deliberadamente. Mas ao mesmo tempo, se você vai contar a verdade, por deus, é melhor que você se dispa. E eu acho que Mark Eglinton [coautor do livro] fez isso comigo, ele realmente meio que… ele me que baixou minha bola… você sabe quando você tem seus sonhos que você tinha quando estava no ensino médio quando você está só de cuecas. É desse modo que me sinto com esse livro. Se você não está sendo totalmente verdadeiro em sua autobiografia, eu acho que é uma mentira. E por que você iria querer fazer isso?"

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Na página 172 de "Official Truth, 101 Proof: The Inside Story Of Pantera", Rex tinha o seguinte a dizer sobre Vinnie Paul: "Você precisa entender que Vinnie é simplesmente uma pessoa estranha – simples assim – e ou é do jeito dele, ou não tem acordo. Eu acho que ele herdou a maior parte dessa cuzice do pai dele, porque, sob vários aspectos, eles eram muito parecidos. Com Vinnie era sempre ‘farra, farra, farra’ e ‘chupa aquela buceta! ’, essas coisas – ao ponto que ele achou que era a porra do DAVID LEE ROTH. E ele, como baterista, você consegue imaginar isso? Mas a verdade é que ele só comia alguém talvez em uma dentre dez vezes e isso se ele desse sorte. Estar em uma banda multiplatinada é pra ser um adianto quando você está xavecando uma mulher, mas ele anulava isso ao não ter noção nenhuma de como tratar ou abordar uma mulher. Ele só ia até elas e começava imediatamente a boliná-las, então não era de se surpreender que o índice de conquistas dele ser tão digno de pena. Ele agia como se conhecê-lo fosse uma avaliação sexual e isso as assustava de cara".

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Ele continua: "E como se isso já não fosse ruim o suficiente, quando ele não descolava ninguém [noventa por cento das vezes, pelos meus cálculos] ele era o cara mais infeliz do planeta. Eu não suportava viver com ele. Ele entrava na sala de manhã e eu já sabia. Ele estava todo tenso e puto com todo mundo e não havia nada que ninguém pudesse fazer para mudar o humor dele. Isso ficou muito chato."

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Enquanto isso, em entrevista ao site francês RADIO METAL, o vocalista PHIL ANSELMO respondeu se já está de saco cheio de responder às perguntas sobre a possibilidade de uma reunião do Pantera com ZAKK WYLDE na guitarra no lugar do finado "Dimebag" Darrell Abbott:

"Eu não estou de saco cheio. Eu entendo a… eu entendo. Eu sou um fã de música também. Eu amo música. Eu amo bandas, eu amo colecionar música. E pro fã comum por aí, se você for um fã do Pantera, claro, você quer ver isso. E, na real, se você for pensar, nossa carreira foi bem curta. E aqui estamos em 2013, e ainda estamos falando sobre o Pantera. Obviamente, há muita força aí, obviamente há uma grande memória aí. Mas quanto a nos reunirmos ou qualquer coisa do tipo, a única coisa… Olha, eu já disse isso no passado… não é algo pra se ter esperança, porque eu acho que Vinnie Paul e eu teríamos que sentar e conversar, e agora, eu não acho que ele queira conversar sobre isso de modo algum. E ele, com toda a certeza do mundo, não quer falar comigo. Coloquemos desse modo: minha porta está sempre aberta; a porta dele está fechada e trancada. E até que possamos resolver essa situação – SE pudermos por ventura resolver essa situação – eu por assim dizer esqueceria uma reunião do Pantera".

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

In-Edit
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp



Axl Rose: "ele é um fracassado", diz mulher de Slash


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande.