Metallica: Jason Newsted afirma que salvou a banda duas vezes

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando Portelada, Fonte: blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

O Muzikus.cz, da República Tcheca, conduziu em junho de 2013 uma entrevista com o ex-baixista do METALLICA, VOVOID, FLOTSAM AND JETSAM, e atualmente frontman do NEWSTED, Jason Newsted. Alguns trechos estão disponíveis abaixo.

393 acessosMetallica: Cliff Burton VS Jason Newsted VS Robert Trujillo5000 acessosAs regras do Thrash Metal

Falando sobre sua decisão de deixar o METALLICA em 2001, Jason disse: “Eu não sei se isto é egoísmo e qualquer um poderia aguentar tudo que eles queriam, ou talvez seja atrevimento, mas eu salvei o METALLICA em 1986, sendo a escolha correta [para substituir o falecido baixista Cliff Burton] e conseguindo aturar toda a merda dos outros caras da banda... e aturar as coisas boas também. E eu também os salvei 12 anos depois ao sair da banda e deixá-los continuar com o que eles queriam fazer.”


“Eu não conseguia mais estar em sintonia com eles, todos passavam muito tempo longe da banda. Nós não ligávamos mais nossas caixas por meses e meses na época que tomei aquela decisão e pedi uma reunião para falar com eles. Havia tanta distração para realmente tocarmos nosso metal que eu não podia mais aguentar. Eu estava ocupado com meu outro projeto – eu já havia começado as gravações. Eu estava progredindo com o projeto para fazer um lançamento mundial, porque eles não passavam tempo algum tocando música.”

Ele continua: “É ótimo passar um tempo com sua família e é ótimo fazer todas estas coisas, mas o METALLICA ainda tem que ser a porra da prioridade, e sempre foi a prioridade para mim. Eu acho que com o passar do tempo, isto não se tornou prioridade para eles. Sempre foi para mim, e minha banda ainda é neste momento minha prioridade – ainda que eu tenha outras coisas acontecendo, ainda é o que eu boto na frente. E todos ao meu redor, qualquer um em meu círculo, como minha esposa, qualquer um, sabe o que vem primeiro. Eu sempre pus o METALLICA na frente. Quando aqueles caras pararam de colocar a banda em primeiro lugar, isto mudou as coisas para mim. Eles não conseguiam passar muito tempo tocando e se lembrar do motivo de tudo aquilo.”

“Quando tocávamos alto juntos, aquilo transcendia tudo – o resto do mundo sumia, todos os problemas, toda aquela merda. Quando estávamos no máximo, nada existia, exceto nosso poder.”

“Em agosto de 2000, quando paramos de tocar ao vivo, James [Hetfield], havia se machucado – ele não conseguia ser o mesmo músico, ele tinha que usar sua guitarra de forma diferente, ele não podia ficar no microfone da mesma forma, foi uma abordagem diferente. Ele não passava tanto tempo com a música por motivos de sua própria vida, e eu entendo isso – não tenho nada contra isso, mas se você está comprometido a ter esta coisa, esta coisa gigantesca que você trabalhou tanto para ser sua prioridade, se de repente outras coisas são mais importantes que isto, eu não posso mais fazê-lo. Tem que ser prioridade o tempo inteiro, e era assim para mim, mas não era pra eles. Ultimamente, naquele ponto de nossas carreiras, eu tinha que dar um passo para trás, porque eu tinha coisas para fazer, eu tinha música para tocar e dividir com as pessoas, e eles tinham uma visão diferente de como queriam fazer as coisas naquele momento.”

“James estava em um problema muito sério e emocional [abuso de álcool] e eu sabia disso. Eu tinha que sair de lá, e quando eu sai, eu acredito que foi o estopim para que eles entendessem que tinham problemas, porque eu sempre fui seu companheiro de camarim. Kirk [Hammet] e Lars [Ulrich] dividiam um e James e Jason dividiam outro – por anos. Nós fomos irmãos, nós pensávamos parecido. Nós gostávamos de carros, armas, gostávamos de ficar ao ar livre, de montanhas. Pensávamos parecido. Éramos irmãos. Irmãos com um laço forte, simples assim. Quero dizer, minha família acolheu James como um membro da família. Minha mãe enviava... Minha mãe provavelmente ainda envia cartões em seu aniversário. Nós éramos muito próximos. Então quando estas coisas se desenvolvem e você não tem mais o mesmo comprometimento, seja mal interpretado ou não, mas o comprometimento não era o mesmo do passado e eu não sentia mais que fosse certo. Eu estava também bem fodido em algumas substâncias naquele tempo. Ninguém estava com a cabeça no lugar.”

“Você deve pegar algo que Lars disse um tempo atrás, nós não tivemos tempo de prestar atenção à estabilidade mental dos membros da banda como indivíduos. Após tanto trabalho duro, e ficarmos fora de casa por 10 anos, trabalhando e trabalhando e trabalhando para sermos a maior banda de todos os tempos, nós nos esquecemos de todo o resto. E isto nos tornou instáveis. Se você sentar e prestar atenção nos problemas mentais das pessoas... Eu era viciado em analgésicos e James estava bêbado o tempo inteiro. Era uma bagunça. Se nós prestássemos atenção como pessoas ao invés de trazer alguém de fora, então nós poderíamos ter conseguido, mas pelo que aconteceu, com os agentes trazendo alguém de fora e tentando concertar tudo, e toda esta merda, eu não seria mais parte daquilo.”

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 15 de julho de 2015

MetallicaMetallica
A música preferida dos fãs nos shows ao vivo

393 acessosMetallica: Cliff Burton VS Jason Newsted VS Robert Trujillo287 acessosMetallica: mais vídeos oficiais ao vivo, jovem fã sobe ao palco293 acessosMeshuggah: e se "Bleed" tivesse a bateria de "St. Anger"?380 acessosMetallica: vídeo profissional de "Creeping Death" em Miami0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Metallica"

Collectors RoomCollectors Room
Coleção de Metallica com 16 versões apenas do "Ride"

James HetfieldJames Hetfield
O equilíbrio entre Metallica e vida familiar

MetallicaMetallica
Voltarão a fazer thrash clássico, diz vocal do Exodus

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Metallica"0 acessosTodas as matérias sobre "Jason Newsted"

HumorHumor
Não basta ouvir Master Of Puppets para ser Thrash

Fotos de infânciaFotos de infância
Angela Gossow, do Arch Enemy, muito antes da fama

VH1VH1
As 100 melhores músicas de hard rock

5000 acessosZakk Wylde: cinco momentos insanos do guitarrista5000 acessosIron Maiden: o equipamento de palco da World Slavery Tour5000 acessosMarilyn Manson: "perdi tudo por causa de Columbine"5000 acessosGaleria - Musas do Metal5000 acessosEm vídeo: Seguidores do Demônio, as 10 bandas mais perigosas segundo pastor americano5000 acessosKiss: filho de Gene Simmons desmistifica pai

Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online