Tim "Ripper" Owens: "será um dia triste quando Lemmy morrer"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Samuel Coutinho, Fonte: Metal da Ilha
Enviar Correções  

O vocalista Tim "Ripper" Owens, conhecido por seu trabalho com o JUDAS PRIEST, ICED EARTH e Yngwie Malmsteen, recentemente discutiu os problemas de saúde de Lemmy Kilmister e o tema geral sobre a idade de um dos mestres do metal.

Quando perguntado por J. Thorn sobre o futuro do metal, Ripper compartilhou uma postura otimista, mas também observou que o dia em que o frontman do MOTORHEAD partir, será um dia realmente triste.

publicidade

"Eu não tenho certeza se Lemmy nunca vai morrer", disse ele. "Ele vem sofrendo um 'declínio em sua saúde' já faz 20 anos, certo? Lemmy é uma máquina...Mas será um dia triste quando ele partir. Como Iommi, que foi pego se surpresa com este câncer. Mas acho que vamos ficar bem. Estes caras começaram tudo e todas as bandas que você vê por aí foram influenciadas de alguma forma por Lemmy ou esses outros caras, então vamos ficar bem".

publicidade

Concluindo, Ripper observou que ícones do rock, como Lemmy, são simplesmente insubstituíveis, traçando uma linha paralela entre ele e Rob Halford.

"O Motorhead não pode continuar sem Lemmy", concluiu. "Algumas bandas não podem continuar. Como o Priest, eu consegui entrar, mas não foi a mesma coisa sem Rob Halford".

Confira a matéria completa na fonte original:

http://www.ultimate-guitar.com/news/general_music_news/rippe...

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Como batizar a criança: os nomes de bandas mais estúpidosComo batizar a criança
Os nomes de bandas mais estúpidos

Lemmy Kilmister: Esta coisa de Black Metal me faz rir!Lemmy Kilmister
"Esta coisa de Black Metal me faz rir!"


Sobre Samuel Coutinho

Nascido no interior de SP no dia 15/12/1986, em uma cidade chamada Ilha Solteira, Samuel Coutinho se entregou ao heavy metal logo na adolescência. Seu forte sempre foi o heavy metal melódico, variando desde o prog-metal até ao power-metal.

Mais matérias de Samuel Coutinho no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin