Confronto: banda lança camiseta em protesto à Copa do Mundo

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Costábile Salzano Jr, Fonte: The Ultimate Music - PR, Press-Release
Enviar correções  |  Ver Acessos

Press-release - Clique para divulgar gratuitamente sua banda ou projeto.

A camisa da seleção brasileira dispensa apresentações em qualquer parte do mundo. O uniforme representa a bandeira nacional, simboliza o país e seu povo sofrido. O verde e amarelo mais temido do futebol, este ano, vai desfilar em seu próprio gramado, e ser o principal foco principal do famoso Planeta Bola.

Lindo Demais: conheça o London, o primeiro smartphone da MarshallFotos: confira 10 das mais curiosas no mundo do Rock - Parte 1

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Se levarmos por este panorama, até parece que o Brasil está às mil maravilhas. Porém, assim como na Copa das Confederações, a cada dia que a Copa do Mundo se aproxima, manifestações e revoltas explodem por todo país.

E após professores levarem a temática do Confronto para debate nas escolas e universidades cariocas, o grupo reconhecido como um dos nomes mais respeitados da cena metal/hardcore sul-americana, volta a se manifestar de forma contundente.

Com letras que representam explicitamente a realidade das periferias, discutindo temas como o crime, pobreza, o preconceito social e racial, e a alienação política, a banda corajosamente lança camiseta em protesto à Copa do Mundo.

Como todo bom brasileiro, Felipe Chehuan (vocal), Max Moraes (guitarra), Eduardo Moratori (baixo) e Felipe Ribeiro (bateria) são amantes do futebol. Flamenguistas fanáticos, não perdem um jogo do Mengão e, mesmo quando estão excursionando no exterior, fazem questão de acompanhar o time de coração.

A camiseta é simples e clássica, mas a mensagem é direta. "Receber novamente a Copa do Mundo era um sonho do povo brasileiro. Muitas melhorias foram prometidas, mas nada saiu do papel. O que era para ser, de alguma forma, a evolução, se tornou em escândalos, superfaturamentos, corrupção e o investimento não retornou para beneficio da população. Mais uma vez, acreditamos na promessa dos nossos políticos e fomos iludidos. A Copa do Mundo não é a prioridade", declarou o baterista Felipe Ribeiro.

Predominantemente preta com detalhes em vermelho, a camiseta não foge a tradição do rock. "A ideia era vestir o patriotismo, o verde amarelo símbolo do futebol brasileiro, mas estamos de luto. Não há o que comemorar", esbraveja o vocalista Chehuan. Outro detalhe chama a atenção: nas costas, o número 14 representa os anos de carreira do grupo e a frase explicita "Foda-se a Copa".

Ao longo de diversas turnês pela América do Sul e Europa, o Confronto se destacou mundialmente por sua personalidade e atitude explícita. Somando mais de 200 apresentações, o grupo rompeu barreiras, cresceu, ganhou respeito e conquistou uma legião de seguidores.

Neste momento, a banda segue na estrada promovendo o bem-sucedido álbum "Imortal". Nesta nova turnê, os músicos têm executado clássicos inigualáveis como "Abolição", "Vale da Morte", "Infanticídio", "Meu Inferno", "Santuário das Almas", "Negação", entre outros.

Confira o videoclipe da faixa-titulo "Imortal".




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Confronto"


Lindo Demais: conheça o London, o primeiro smartphone da MarshallLindo Demais
Conheça o London, o primeiro smartphone da Marshall

Fotos: confira 10 das mais curiosas no mundo do Rock - Parte 1Fotos
Confira 10 das mais curiosas no mundo do Rock - Parte 1


Sobre Costábile Salzano Jr

Jornalista diplomado, assessor de imprensa, crítico musical, entende tudo de futebol. Torcedor fanático da Juventus de Turim!

Mais matérias de Costábile Salzano Jr no Whiplash.Net.

adGoo336