Peter Way: envergonhado quando pensa nas drogas que usou

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fernando Portelada, Fonte: Ultimate Classic Rock, Tradução
Enviar Correções  

O baixista-fundador do UFO, Peter Way, foi liberado pelos médicos seguindo o susto com seu câncer de próstata, mas a alegria de batalhar contra a doença foi temperada com a culpa sobre seu antigo e perigoso estilo de vida.

Lembrando-se como ele inicialmente foi ao médico após ver sangue em sua urina, Way contou ao Classic Rock Magazine: "Eu achei que o sangue em minha urina poderia estar ligado às drogas que tomei por todos esses anos. Quando eles disseram que eu tinha câncer, eu pensei que ia morrer", ele riu. "Quando contaram que o câncer tinha ido embora foi um anticlímax estranho – agora eu não posso usar o câncer como uma desculpa para ter dores de cabeça."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Way também compartilhou como seu tratamento o afetou e como ele redefiniu suas crenças sobre o vício: "Eu conheci algumas pessoas incríveis durante meu tratamento. Eu fiz radioterapia e todas as essas cosias e nunca vou poder ouvir novamente um drogado me dizer como é difícil parar de usar", continuou. "Eu diria: ‘Você está louco – venha comigo ao clube do câncer e coloque tudo em perspectiva.’ Fico envergonhado quando penso nas drogas que usei, testei tudo que você possa imaginar."

Infelizmente, Way adicionou, ele perdeu contato com alguns dos pacientes que lhe inspiraram: "Eu não tenho ideia se alguns deles estão vivos ou mortos. Meu coração está com eles e suas famílias. Eu tive sorte de ter sintomas, porque algumas pessoas não têm, e já pode ser tarde demais para o tratamento", concluiu. "Todos os homens perto dos 50 anos devem fazer exames. É um procedimento simples e pode salvar sua vida."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Cli336 GooAdHor Goo336 Cli336