Anthrax: gravadora não deixou que Corey Taylor fosse vocalista

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Comentários  | 

O líder do SLIPKNOT e do STONE SOUR, COREY TAYLOR, é um homem de vários projetos, mas em certo momento de sua carreira, ele quase se tornou o frontman do ANTHRAX. Durante uma recente participação no podcast ‘Talk Is Jericho’ com CHRIS JERICHO, Taylor entrou em detalhes sobre como quase rolou de ele ser o vocalista da veterana banda de NYC e como ele ficar aborrecido por isso não ter se concretizado.

5000 acessosGigantes do Rock e Metal: alguns músicos muito, muito altos5000 acessosMini Iron Maiden: tocando "Ghost Of The Navigator" na escola

Taylor diz que a ideia começou depois de ele ser convidado para juntar-se a FRANK BELLO em uma performance acústica em NYC. Ele contou a Jericho, ‘Começamos a fazer um som e nos divertimos muito e fomos jantar em algum canto e alguém, não sei quem, disse brincando, ‘por que você não canta pra gente?’ E todos rimos e daí ficamos em silêncio e concluímos, ‘Bem, por que não canto mesmo?’”

Isso aconteceu em um momento entre o álbum ‘Come What [Ever] May’ do Stone Sour e ‘All Hope Is Gone’, do Slipknot. Também se passou não muito tempo depois que o Anthrax tinha demitido DAN NELSON. “Eles ficaram tipo, ‘Não sabemos o que fazer’”, diz Taylor. “Eu espero que ele tome um tiro na rótula ou algo assim pelo jeito que ele tratou aquela banda”, emenda o vocalista, logo antes de retirar o que diz.

Taylor já tinha uma longa relação com a banda àquela altura do campeonato e considerara compor algo com eles por várias ocasiões ao longo dos anos. Ele conta, “Com o Anthrax, é tudo muito deprimente porque eu estava literalmente pronto para ir de avião até Chicago para começar a compor com eles. CHARLIE BENANTE e SCOTT IAN tinham me mandado um monte de material e eu estava escrevendo a letra em cima e muito dele acabou em ‘Worship Music’. Não com as minhas letras, mas as músicas, então quando eu o ouvi, pensei, ‘Eu reconheço isso, eu reconheço aquilo.’”.

Infelizmente para Taylor, a gravadora Roadrunner interveio e não permitiu que ele o fizesse, já que eles estavam apressando o Slipknot para que lançassem ‘All Hope Is Gone’.

O vocalista agora conclui: “Analisando agora, eu fico feliz por ter sido do jeito que foi, mas ainda é uma merda porque eu queria muito. Eu amo aqueles caras. Mas eles voltaram com Joey Belladonnna e aquele disco é fabuloso. ‘Worship Music’ é uma das razões pelas quais pegamos Jay Ruston para mixar o disco ‘House Of Gold And Bones’.”

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 23 de outubro de 2014

Gigantes do Rock e MetalGigantes do Rock e Metal
Alguns músicos muito, muito altos

9 acessosEm 24/09/1968: Nasce Shawn Crahan (Slipknot)772 acessosSlipknot: "Day Of The Gusano" será lançado em DVD/Blu-ray em outubro0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Slipknot"

SlipknotSlipknot
Baixista mostra detalhes de instrumento ao Total Guitar

SlipknotSlipknot
Em vídeo, Jim Root ensina a tocar "The Devil in I"

SlipknotSlipknot
Corey Taylor abandona os palcos se o Guns se reunir

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Slipknot"0 acessosTodas as matérias sobre "Anthrax"

Mini Iron MaidenMini Iron Maiden
Tocando "Ghost Of The Navigator" na escola

Ratos de PorãoRatos de Porão
O elogio de João Gordo aos garotos do Restart

Musos do Rock e Heavy MetalMusos do Rock e Heavy Metal
Agora é a vez das garotas!

5000 acessosBandas extremas: 10 álbuns que causaram surpresa5000 acessosBaladas do Metal: blog elege as mais bonitas de todos os tempos5000 acessosBlaze Bayley: "é melhor ser ex do Iron que do A-HA"3008 acessosCobras, Galinhas e Espíritos: os pesadelos de Alice Cooper5000 acessosOzzy Osbourne: Sharon conta como o Madman tentou assassiná-la5000 acessosRafael Bittencourt: "Tenho vontade de reunir os ex-vocalistas do Angra em um disco"

Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online