Angra: Aquiles detona ex-companheiros de banda em workshop

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Igor Soares, Fonte: O Povo
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 24/11/14. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

No dia 20 de novembro de 2014 o baterista Aquiles Priester esteve em Fortaleza, onde realizou um Workshop antes dos shows do Noturnall em Quixadá e na capital cearense.

3661 acessosAngra: "Uma rapazeada bonita, mas nenhum foi bonzinho"5000 acessosMetallica: Lars é um bom baterista? Mike Portnoy explica

As informações são de Ronnald Casemiro, do Blog Ceará and Rock, ligado ao Grupo de Comunicação O POVO. A matéria pode ser lida na íntegra no link abaixo.

http://blog.opovo.com.br/cearaerock/2014/11/21/em-workshop-a...

Durante a apresentação, o baterista executou músicas do Hangar e do Noturnall, com as participações especiais de Juninho Carelli e Fernando Quesada. Entre uma música e outra Aquiles respondeu perguntas do público e fez algumas declarações polêmicas sobre sua saída do Angra.

De acordo com o baterista, pouco tempo após começar a ministrar workshops, o empresário do Angra o ligou para dizer que a banda deveria receber uma porcentagem (algo em torno de 20%) pelas apresentações. O baterista ainda teria questionado a cobrança, pois “sequer usava a marca Angra nos eventos”. A taxa teve que ser paga e isso seria apenas o começo.

Aquiles ainda disse que nos shows da banda, os produtos mais vendidos eram os de sua marca e isso logo teria feito com que uma nova regra fosse instituída: Tudo que fosse vendido nos shows, independente da marca, seria dividido entre todos os integrantes. “Depois disseram que apenas produtos do Angra poderiam ser vendidos nos shows”, afirmou o baterista.

Depois de sua saída do Angra, o baterista foi indicado por John Petrucci (Dream Theater) para excursionar com o músico Tony MacAlpine. “Traumatizado” com as lembranças do Angra, Aquiles pensou bastante antes de aceitar o convite. Já na turnê, ele não se sentia a vontade pra vender seus produtos, até ser aconselhado pelo guitarrista.

“O cara me disse pra vender meus produtos, pois eu tinha que fazer grana. O guitarrista! Enquanto aqueles outros dois imbecis, mesmo ganhando em cima da minha marca, me proibiram de fazer meus ‘merchans’ (…) eles têm uma técnica muito grande, mas a ganância é tão grande que acabou com a banda”, afirmou Priester.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 24 de novembro de 2014
Post de 26 de novembro de 2014

AngraAngra
"Uma rapazeada bonita, mas nenhum foi bonzinho"

200 acessosAltair: comédia diabólica de Progressive/Power Metal0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Angra"

AngraAngra
Letras e comentários sobre "Temple Of Shadows"

SuplaSupla
"Papai é petista, mamãe é golpista e eu sou anarquista!"

Melhores de 2014Melhores de 2014
As escolhas do redator Samuel Coutinho

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Angra"0 acessosTodas as matérias sobre "Noturnall"

MetallicaMetallica
Lars é um bom baterista? Mike Portnoy explica

MetallicaMetallica
A evolução de James Hetfield ao longo dos anos

VocalistasVocalistas
Os 10 melhores da história do rock

5000 acessosMetallica: a lista de exigências da banda em 19835000 acessosMetal: Gibson.com enumera 50 melhores músicas do gênero5000 acessosMetal: você acredita na "lenda do terceiro álbum"? - Parte 15000 acessosAndy Johns: "Nem imaginávamos que o Rock duraria tanto"5000 acessosMetallica: "Esqueçam a grana, garotos", diz Robert Trujillo5000 acessosBlind Guardian: a carreira de modelo de Andre Olbrich

Sobre Igor Soares

Brasiliense de nascimento e piauiense de coração, Igor é Geógrafo e Desenvolvedor Web. Acessa o Whiplash.Net desde os primórdios e o Iron Maiden, sua banda favorita, é uma das razões dele ter se tornado colaborador do site.

Mais matérias de Igor Soares no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online