Angra: Aquiles detona ex-companheiros de banda em workshop

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Igor Soares, Fonte: O Povo
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 24/11/14. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

No dia 20 de novembro de 2014 o baterista Aquiles Priester esteve em Fortaleza, onde realizou um Workshop antes dos shows do Noturnall em Quixadá e na capital cearense.

475 acessosAngra Fest: Fabio Lione e Pompeu convidam fãs para o festival5000 acessosDi'Anno: "Harris é como Hitler e o Maiden é entediante!"

As informações são de Ronnald Casemiro, do Blog Ceará and Rock, ligado ao Grupo de Comunicação O POVO. A matéria pode ser lida na íntegra no link abaixo.

http://blog.opovo.com.br/cearaerock/2014/11/21/em-workshop-a...

Durante a apresentação, o baterista executou músicas do Hangar e do Noturnall, com as participações especiais de Juninho Carelli e Fernando Quesada. Entre uma música e outra Aquiles respondeu perguntas do público e fez algumas declarações polêmicas sobre sua saída do Angra.

De acordo com o baterista, pouco tempo após começar a ministrar workshops, o empresário do Angra o ligou para dizer que a banda deveria receber uma porcentagem (algo em torno de 20%) pelas apresentações. O baterista ainda teria questionado a cobrança, pois “sequer usava a marca Angra nos eventos”. A taxa teve que ser paga e isso seria apenas o começo.

Aquiles ainda disse que nos shows da banda, os produtos mais vendidos eram os de sua marca e isso logo teria feito com que uma nova regra fosse instituída: Tudo que fosse vendido nos shows, independente da marca, seria dividido entre todos os integrantes. “Depois disseram que apenas produtos do Angra poderiam ser vendidos nos shows”, afirmou o baterista.

Depois de sua saída do Angra, o baterista foi indicado por John Petrucci (Dream Theater) para excursionar com o músico Tony MacAlpine. “Traumatizado” com as lembranças do Angra, Aquiles pensou bastante antes de aceitar o convite. Já na turnê, ele não se sentia a vontade pra vender seus produtos, até ser aconselhado pelo guitarrista.

“O cara me disse pra vender meus produtos, pois eu tinha que fazer grana. O guitarrista! Enquanto aqueles outros dois imbecis, mesmo ganhando em cima da minha marca, me proibiram de fazer meus ‘merchans’ (…) eles têm uma técnica muito grande, mas a ganância é tão grande que acabou com a banda”, afirmou Priester.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

AngraAngra
O peso de substituir Kiko Loureiro

475 acessosAngra Fest: Fabio Lione e Pompeu convidam fãs para o festival3542 acessosNando Moura: a trolagem do Megadeth e o Top 5 do Kiko Loureiro3678 acessosAngra: "É o melhor baixista com quem eu já trabalhei, um MONSTRO!"5000 acessosKiko Loureiro: "minha resposta para o Nando Moura"4440 acessosNando Moura: Kiko Loureiro, Megadeth e bondade0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Angra"

PiratariaPirataria
Enquanto isso, em uma loja de CDs na Rússia...

AngraAngra
Como fica "Carry On" nas vozes do Van Canto

MegadethMegadeth
Mustaine explica mesmo elogio a Kiko e Broderick

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Angra"0 acessosTodas as matérias sobre "Noturnall"


Paul DiAnnoPaul Di'Anno
"Harris é como Hitler e estar no Maiden é entediante!"

Iron MaidenIron Maiden
Quinze canções que definem a banda

Simone SimonsSimone Simons
"Rammstein me faz querer mexer a bunda"

5000 acessosCornos do Rock: a dor e o peso do chifre em três belas canções5000 acessosTwisted Sister: A resposta de Dee Snider à afirmação de Gene Simmons de que rock morreu5000 acessosInspiração: 30 canções (não somente rock) para mantê-lo motivado5000 acessosZakk Wylde: tocando Black Sabbath na mini-guitarra da Hello Kitty4380 acessosVan Halen: a participação em "Beat It", de Michael Jackson5000 acessosPaul Di'Anno: "A banda, as regras de Steve, Steve faz o que quer"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 24 de novembro de 2014
Post de 26 de novembro de 2014


Sobre Igor Soares

Brasiliense de nascimento e piauiense de coração, Igor é Geógrafo e Desenvolvedor Web. Acessa o Whiplash.Net desde os primórdios e o Iron Maiden, sua banda favorita, é uma das razões dele ter se tornado colaborador do site.

Mais matérias de Igor Soares no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online