John Petrucci: a troca de bateristas foi a mais suave possível

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

O guitarrista John Petrucci, do DREAM THEATER, foi entrevistado pelo "The Classic Metal Show". Alguns trechos estão disponíveis abaixo.

Legião Urbana: Eduardo e Mônica, uma análise psico-neuróticaEdu Falaschi: o fax com convite de seleção para o Iron Maiden

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Quando perguntado se teria algo que gostaria de ter feito diferente com o DREAM THEATER, sobre a substituição do baterista Mike Portnoy, membro fundador do grupo, em 2010, Petrucci disse: "Não existem muitas situações na vida onde você pode dizer que não teria feito nada diferente, mas essa é uma delas. Eu acho, olhando para trás, que eu não teria feito nada diferente."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ele continuou: "Mike Mangini [atual baterista] realmente nos ajudou a passar por uma grande mudança de membros na banda, e de certa forma, isso foi tão suave quanto qualquer mudança de membros pode ser. Da forma que tudo aconteceu, sua personalidade, suas habilidades na bateria, seu background, sua história... tudo isso se encaixou em um ponto que, se nós tivéssemos conhecido Mike [Mangini] há 20 anos, nós estaríamos tocando com esse cara. Se nós tivéssemos crescido com ele, teríamos sido amigos. E isso é raro."

Ele adicionou: "Você conhece muitos músicas em bandas que tiveram problemas em achar músicos, então o fato de que isso aconteceu com Mike [Mangini], é realmente incrível para nós. E, desde que ele entrou na banda, nós fizemos dois álbuns, duas turnês mundiais, por sorte, tivemos muito sucesso com isso, e muito apoio de nossos fãs através de tudo isso. E, novamente, eu não teria feito nada diferente. É realmente incrível."




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Dream Theater"Todas as matérias sobre "John Petrucci"


John Petrucci: Pink Floyd é Progressivo, embora os caras não fossem muito técnicosJohn Petrucci
Pink Floyd é Progressivo, embora os caras não fossem muito técnicos

Dream Theater: Mangini mostra fotos da evolução de sua bateriaDream Theater
Mangini mostra fotos da evolução de sua bateria


Legião Urbana: Eduardo e Mônica, uma análise psico-neuróticaLegião Urbana
Eduardo e Mônica, uma análise psico-neurótica

Edu Falaschi: o fax com convite de seleção para o Iron MaidenEdu Falaschi
O fax com convite de seleção para o Iron Maiden


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

adGoo336