Angra: Fábio Lione comenta os estilo vocais de Andre Matos e Edu Falaschi

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Michael Voorhees, Fonte: Youtube
Enviar Correções  

Em vídeo que apresenta uma pequena compilação de trechos de entrevistas para os sites HeavyMetal.it, metalcombolacha.com.br e Lokaos Rock Show, respectivamente, o atual vocalista do Angra, Fábio Lione, comenta sobre os estilos distintos de seus antecessores na banda: Andre Matos e Eduardo Falaschi.

Emos: 23 músicas que já estiveram na sua playlist

Elvis Presley: De que ele morreu?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Andre Matos:

"Andre canta num estilo muito particular, a impressão é de que ele usa a voz como um instrumento. Então às vezes você se depara com músicas que realmente não são fáceis de se acostumar, principalmente as do primeiro álbum, sobretudo quando falamos de uma turnê. Porque uma coisa é você cantar uma música apenas uma vez, em um único show, outra coisa é você cantá-la em uma turnê completa..."

"Ele é um cantor muito profissional e competente, e tem essa peculiaridade de ter uma voz um pouco feminina..."

"Meu estilo vocal, especialmente com o Rapshody, eu costumo usar a voz plena, coisa que o Andre não faz, então, uma canção como Carry On, é impossível de ser cantada com voz natural, plena, como no canto lírico. Não é possível, porque fica num registro de voz feminino, como soprano, e você tem de cantar com a voz de cabeça e de falsete, essa é a diferença. Minha diferença para o Matos é de duas notas, mas o Matos as faz em falsete, e eu faço em voz plena, não imagino por exemplo, o Bruce Dickinson cantando no estilo desta música."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Ele é único, apesar de existirem pessoas que não gostam da voz dele por ser muito feminina, mas isto é único, é o estilo dele, além do que é um grande compositor e uma ótima pessoa."

Sobre Edu Falaschi:

"Edu tem um timbre de voz muito agradável, e uma expressividade muito boa, e ele tem um feeeling incrível e diferenciado em relação aos cantores comuns de Power Metal. Porque geralmente no Power Metal, a única coisa que eu realmente não gosto, é que os vocalistas geralmente cantam muito bem, se estivermos falando somente de técnica, mas falta aquele feeling..."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Ele tem uma impostação vocal diferente em relação ao Andre. Se você quer cantar uma música do Edu, você vai para um planeta, se quer cantar uma música do Andre, você vai para outro planeta, são muito diferentes."

"Edu é um grande cantor e muito bom compositor, fez coisas muito boas no Angra, mas é claro que o Angra nunca seria o Angra, sem o Andre, pois ele foi o fundador, o começo (da banda), mas devo admitir que o Edu fez um trabalho muito bom, pois depois do Andre, depois de tantos anos, não deve ter sido fácil para o Edu, mas ele conseguiu, escrevendo boas músicas e ao vivo ele era muito bom..."

"Ele é um ótimo cantor, mas com certeza, menos peculiar do que o André. Mas isso não quer dizer que ele seja ruim, pois escreveu músicas incríveis."

Veja o vídeo na íntegra:




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Emos: 23 músicas que já estiveram na sua playlistEmos
23 músicas que já estiveram na sua playlist

Elvis Presley: De que ele morreu?Elvis Presley
De que ele morreu?


Sobre Michael Voorhees

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280 Cli336x280