Matérias Mais Lidas

Jon Schaffer: nomes do Iced Earth e Demons & Wizards somem do site da gravadoraJon Schaffer
Nomes do Iced Earth e Demons & Wizards somem do site da gravadora

Megadeth: Dave Lombardo quase entrou pra banda, mas percebeu a merda que ia darMegadeth
Dave Lombardo quase entrou pra banda, mas percebeu a merda que ia dar

Joe Lynn Turner: detonando gravadora por continuar projeto Sunstorm sem eleJoe Lynn Turner
Detonando gravadora por continuar projeto Sunstorm sem ele

Nervosa: Banda lança videoclipe de Under RuinsNervosa
Banda lança videoclipe de "Under Ruins"

Pearl Jam: exigindo que banda cover Pearl Jamm mude nome, sob ameaça de processoPearl Jam
Exigindo que banda cover Pearl Jamm mude nome, sob ameaça de processo

Metallica: veja o primeiro (e curioso) cartão de visitas da bandaMetallica
Veja o primeiro (e curioso) cartão de visitas da banda

Greta Van Fleet: Robert Plant odeia aquele vocalistaGreta Van Fleet
Robert Plant "odeia" aquele vocalista

Loudwire: o melhor álbum de thrash metal de cada ano, de 1983 até 2020Loudwire
O melhor álbum de thrash metal de cada ano, de 1983 até 2020

Foo Fighters: Dave Grohl queria que Lemmy estivesse vivo para ouvir músicaFoo Fighters
Dave Grohl queria que Lemmy estivesse vivo para ouvir música

Iron Maiden: As faixas do clássico The Number Of The Beast, da pior para a melhorIron Maiden
As faixas do clássico "The Number Of The Beast", da pior para a melhor

Megadeth: Dave Mustaine, agora, é faixa roxa em jiu-jitsu brasileiroMegadeth
Dave Mustaine, agora, é faixa roxa em jiu-jitsu brasileiro

Nicko McBrain: pedal duplo é pra caras como Aquiles PriesterNicko McBrain
Pedal duplo é pra caras como Aquiles Priester

Pantera: as cinco melhores músicas da banda, segundo leitores da RevolverPantera
As cinco melhores músicas da banda, segundo leitores da Revolver

Greta Van Fleet: confira vídeo ao vivo oficial de Age Of MachineGreta Van Fleet
Confira vídeo ao vivo oficial de "Age Of Machine"

Van Halen: Michael Anthony diz que Eddie era uma pessoa muito humildeVan Halen
Michael Anthony diz que Eddie era uma pessoa muito humilde


Matérias Recomendadas

Musas do Metal: confira as 10 mais lindas atualmenteMusas do Metal
Confira as 10 mais lindas atualmente

Rob Halford: Talvez eu seja o único Gay vocalista de MetalRob Halford
"Talvez eu seja o único Gay vocalista de Metal"

Bon Jovi: o mistério de Tommy e Gina em Livin' On A PrayerBon Jovi
O mistério de Tommy e Gina em "Livin' On A Prayer"

Aerosmith: As 20 frases mais ultrajantes de Steven TylerAerosmith
As 20 frases mais ultrajantes de Steven Tyler

Heavy Metal: 25 bandas que fizeram o gênero ser o que éHeavy Metal
25 bandas que fizeram o gênero ser o que é

Tunecore
Malvada

Regis Tadeu: o impacto do Rising do Rainbow nos roqueiros de 1976

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Bruce William, Fonte: Regis Tadeu, Tradução
Enviar Correções  

No texto intitulado "Há 40 anos, o mundo de todo roqueiro virou do avesso com 'Rising', do Rainbow", Regis Tadeu fala sobre as quatro décadas do clássico álbum da banda de Ritchie Blackmore, confira no link a seguir. Alguns trechos estão mais abaixo.

https://br.noticias.yahoo.com/há-40-anos-o-mundo-de-todo-ro...

A capa. Aquela capa. O impacto daquela imagem foi tão grande que demorou muito para que eu percebesse que o tal "Rainbow" era o mesmo que havia ouvido – e chapado – um ano antes. Demorei alguns minutos – que pareceram horas – para olhar a contracapa e ver que se tratava de mais um disco do sujeito que todos nós adorávamos naqueles tempos de 1976.

A gente já sabia que Ritchie Blackmore era turrão e briguento, que tinha saído do Deep Purple em 1974 puto da vida, principalmente por causa do redirecionamento musical que vinha sendo ditado pelo baixista Glenn Hughes. Então, ver toda uma banda remontada em torno dele e do Ronnie James Dio não foi surpresa para mim e para ninguém. Em um tempo em que encontrar um determinado LP importado era tão fácil quanto pegar um táxi dirigido por um avestruz – o que viria ser a internet era papo de ficção científica naquela época -, eu não fazia a menor ideia de quem eram o baterista Cozy Powell, o baixista Jimmy Bain e o tecladista Tony Carey. Não me importei com eles a princípio.

Aí eu olhava aquela capa e tentava observar os mínimos detalhes, como o guerreiro que está prostrado à beira do penhasco, observando a enorme mão a sair do mar e agarrar o arco-íris. Era coisa de moleque roqueiro em um tempo em que se prestava atenção aos mínimos detalhes em qualquer obra, musical ou não. Exatamente o contrário do retardamento mental que impera nos dias de hoje.