Ronnie James Dio: Wendy Dio revela qual a música do cantor que ela mais gosta

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda, Fonte: Loudwire
Enviar Correções  

Wendy Dio, viúva e empresária do saudoso vocalista Ronnie James Dio, revelou em entrevista ao Loudwire qual a música do cantor que ela mais gosta. Embora uma canção tenha sido citada como destaque, outras foram mencionadas por Wendy durante o bate-papo.

Overkill: mandando recado ao Avenged Sevenfold

Led Zeppelin: Perguntas e Respostas sobre a banda

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Tenho várias favoritas, mas, é claro, minha predileta é 'Rainbow Eyes' (Rainbow), pois ele compôs essa sobre mim. Embora eu adore 'Stargazer' (Rainbow) e 'Holy Diver' (Dio). Amo 'Heaven and Hell' (Black Sabbath), 'Don't Talk to Strangers' (Dio)... há tantas ótimas músicas que eu amo... 'This Is Your Life' (Dio) também é muito bonita", afirmou.

"Rainbow Eyes" foi lançada pelo Rainbow em 1978, no álbum "Long Live Rock 'n' Roll" - o último a contar com Ronnie James Dio nos vocais. A composição da faixa é assinada por Dio em parceria com o guitarrista Ritchie Blackmore. Além de Dio e Blackmore (assumindo guitarra e baixo), a canção traz Cozy Powell na bateria, Ferenc Kiss e Nico Nicolic nos violinos, Ottmar Machan na viola de arco, Karl Heinz Feit no violoncelo e Rudi Risavy na flauta.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ainda durante o bate-papo com o Loudwire, Wendy revelou por que a voz de Ronnie James Dio era tão forte. O aprendizado musical do cantor desde cedo, que começou tocando trompete por apoio do pai, foi determinante para colocá-lo em contato com técnicas de respiração que deixaram, no futuro, sua performance vocal mais poderosa.

"Acho que ele via tudo apenas como um talento natural, embora não fosse exatamente natural. Havia talento, pois ele nasceu com isso e não percebeu o que tinha logo de cara. Porém, todo o tempo em que ele tocou trompete, com os exercícios respiratórios que ele fazia já aos 5 anos de idade... acho que é por isso que a voz soava tão forte", afirmou a viúva do cantor.

Em entrevista concedida em 2007 ao fotógrafo Mark Weiss, Ronnie se recordou de seu início na música. "Comecei aos 5 anos, como trompetista, uma ideia do meu pai. Mas eu só queria ser um jogador de beisebol. Nunca quis ser trompetista ou músico de forma geral. Só queria ser um jogador de beisebol. No início, meu pai dizia que eu deveria ter algum tipo de educação musical, pois sentia que era importante para mim, enquanto ser humano, e enquanto um jovem que estava crescendo. Ele não queria que eu fosse apenas aficionado em esportes e aprendesse o 'ABC' na escola", revelou ele, na ocasião.

Ronnie James Dio: ele não queria ser músico, mas, sim, jogador de beisebolRonnie James Dio
Ele não queria ser músico, mas, sim, jogador de beisebol




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Overkill: mandando recado ao Avenged SevenfoldOverkill
Mandando recado ao Avenged Sevenfold

Led Zeppelin: Perguntas e Respostas sobre a bandaLed Zeppelin
Perguntas e Respostas sobre a banda


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280 CliInline WhipDin