Capital Inicial: o roqueiro pode ser um escroto e o pagodeiro um grande sujeito

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Bruce William, Fonte: Rolling Stone
Enviar correções  |  Comentários  | 

A edição 126 da Rolling Stone Brasil traz uma longa matéria com o Capital Inicial, e em um trecho divulgado online, Dinho Ouro-Preto conta uma história que envolve o mundo sertanejo, acontecida no Prêmio Multishow de 2014, quando uma divulgadora de gravadora entrou no camarim reservado a ele e a outros roqueiros que fariam uma homenagem aos Mamonas Assassinas perguntando se Lucas Lucco e Gusttavo Lima poderiam conhecê-lo.

5000 acessosAnos 80: canções nacionais com nomes de garotas5000 acessosGaleria - Tatuagens em homenagem ao Kiss

"Eles entraram tão emocionados que, num primeiro momento, até estranhei. Mas aí o menos tatuado deles [Lima] disse que o primeiro show que viu na vida, lá na cidade dele, no interior de Minas Gerais, foi do Acústico do Capital. Ali, ele tinha começado a se apaixonar por música. Mostrou uma gratidão que até me surpreendeu. Quando comecei a me interessar por rock, eu ouvia Led Zeppelin, AC/DC, Black Sabbath, e era muito sectário. Fui mudando de estilo, mas segui sectário. Comecei a ouvir punk rock aos 16 anos e também fiquei me relacionando apenas com pessoas que só ouviam aquilo. Julgava as pessoas pelo som que escutavam. Muito mais tarde, talvez no fim dos meus 20 anos, foi que percebi que isso não determinava o caráter da pessoa, que o roqueiro podia ser um escroto e o pagodeiro podia ser um grande sujeito."

Comente: Você é um sectário como Dinho disse que já foi?

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Anos 80Anos 80
Canções nacionais com nomes de garotas

495 acessosCapital: por falta de vacina, fãs são impedidos de entrar em show234 acessosCapital Inicial: vídeo mostra os bastidores do Rock in Rio0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Capital Inicial"

Dinho Ouro PretoDinho Ouro Preto
"O problema do Restart são as letras"

Dinho Ouro PretoDinho Ouro Preto
"É assustador ver todo o rock ficar de direita"

BRockBRock
Os 10 melhores álbuns dos anos 80

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Capital Inicial"


TatuagensTatuagens
Homenagens à banda Kiss na pele dos fãs mais radicais

SlashSlash
"Sweet Child é a coisa mais gay que alguém poderia compor"

SlipknotSlipknot
Corey Taylor abandona os palcos se o Guns se reunir

5000 acessosElvis Presley: as últimas 24 horas do Rei do Rock5000 acessosMetallica: Lars concorda quando Bruce diz que Maiden é superior5000 acessosMetallica: por que 9 entre 10 fãs odeiam "Load" e "Reload"?5000 acessosSlayer: "Não sei improvisar", diz Kerry King5000 acessosVarg Vikernes: crítica a Euronymous e Venom em novo vídeo5000 acessosQue mané Smoke on the Water: "velhinho" de 80 testa guitarras

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 26 de fevereiro de 2017


Sobre Bruce William

Bruce William pensava em ser um motoqueiro rebelde mas descobriu que é um Wieder Blutbad nerd apaixonado por uma Fuchsbau. Avy jorrāelan, CatW!

Mais matérias de Bruce William no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online