Derek Riggs: foi muito cansativo desenhar o "Somewhere In Time"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Bruce William, Fonte: EMP, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Lançado em 1986, o "Somewhere In Time" conta com uma das capas mais marcantes, não somente do Iron Maiden, mas também da história do Rock. E seu autor, Derek Riggs, falou um pouco sobre o seu trabalho: "Me desgastou muito. Naquela época eu vivia em Londres e passei dois meses trabalhando direto na capa, e depois mais um mês. Daí tive que parar, já havia feito o suficiente. Coloquei na cabeça que não podia mais ver aquela capa em minha vida. Não conseguia pensar em mais nada e a cada dia inseria mais detalhes. Depois de tudo ainda reclamaram que os desenhos da contra-capa não se pareciam exatamente com eles... COMO ASSIM? O desenho só tem alguns poucos centímetros... como querem que se pareça com vocês, se são do tamanho de selos postais?

175 acessosLionheart: banda de Dennis Straton lança o álbum Second Nature5000 acessosMotorhead: a opinião de Lemmy sobre Viagra, Hendrix e velhice

Sobre sua saída do universo Maiden, Derek chegou a um ponto que não podia mais continuar, apesar do dinheiro que poderia ter ganho. "Com certeza foi a pior decisão de negócios que tomei em minha vida, mas trabalhar com os gerentes era uma loucura. Tudo era motivo de briga e tinha que mudar, e eu estava cansado daquilo. Com o 'Fear of the Dark' tudo acabou, me pagaram um pouco mas sequer compraram a arte, eu não a vendi e até hoje temos este assunto em aberto".

E sobre uma possível colaboração com o Iron Maiden, coisa tão desejada pelos fãs mais tradicionais: "Fiz um par de coisas para eles desde então e me ofereceram um contrato que a princípio era muito bom, mas pensei melhor e deixei passar. O jeito que eles trabalham, como me apresentaram, não é adequado. Não sou destes caras que fazem cinco ou seis propostas para que escolham uma. Entrei neste negócio pra fazer bons trabalhos, não para satisfazer um diretor de arte.

Comente: A capa mais marcante de todos os tempos? Se não é esta, qual é ela, então?

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

AconteceAcontece
Cinco vezes em que a voz de grandes cantores falhou (ou quase)

175 acessosLionheart: banda de Dennis Straton lança o álbum Second Nature0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Iron Maiden"

CarnavalCarnaval
Bloco transforma músicas do Iron Maiden em samba

Iron MaidenIron Maiden
Banda posta álbum de fotos de 1º dia da nova turnê

Vai dar roloVai dar rolo
Os 50 maiores frontmen do Hard + Metal

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Derek Riggs"0 acessosTodas as matérias sobre "Iron Maiden"

MotorheadMotorhead
Lemmy fala sobre Hendrix, velhice, nazismo e viagra

SlayerSlayer
Kerry King explica como se deve balançar a cabeça

Pink FloydPink Floyd
The Wall: uma obra de arte conceitual

5000 acessosMaquiagem, spikes e sorrisos: conheça o Happy Black Metal5000 acessosHeavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 19835000 acessosQueen: ouça a voz isolada de Freddie Mercury em clássicos5000 acessosComo ajudar a financiar o site?5000 acessosBento Araújo: A coleção de classic rock do editor do Poeira Zine5000 acessosCreed: suicídio, alcoolismo e abuso na infância

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 29 de março de 2017

Sobre Bruce William

Bruce William pensava em ser um motoqueiro rebelde mas descobriu que é um Wieder Blutbad nerd apaixonado por uma Fuchsbau. Avy jorrāelan, CatW!

Mais matérias de Bruce William no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online