Subterror: banda anuncia fim das atividades

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Mário Pescada, Fonte: Subterror Facebook
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 03/03/17. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O SUBTERROR anunciou o término das suas atividade em uma breve nota no seu perfil no Facebook sem dar muitos esclarecimentos sobre os motivos que efetivamente levaram ao fim do grupo.

Leia na íntegra a nota:
"Hoje (01/03/2017) estamos encerrando oficialmente as atividades da SUBTERROR. A banda acabou. Não haverão mais lançamentos ou shows.

Agradecemos imensamente o apoio de cada um de vocês até aqui.

Durante estes quase 8 anos de banda fizemos o que amávamos. Usamos nosso desconforto e amargura como possibilidade de criação. Entre novos e velhos amigos e amigas (talvez alguns inimigos) compartilhamos momentos inesquecíveis, dentro e fora do Brasil.

Tudo isso certamente fez com que nós vivêssemos um pouco mais como banda. Tentamos carregar cada momento com uma extrema sinceridade.

Não nos arrependemos de nada. É impagável dizer o quanto o retorno de todos e todas nos ajudaram!

Infelizmente o tempo nos proporcionou um esgotamento em diversos aspectos e considerando tudo isso é importante saber a hora de parar, por respeito a nossa própria sanidade, se é que ela existiu durante esse tempo. Esta nossa decisão requer urgência, não é mais possível continuar. Não há mais vitalidade. Precisamos nos cuidar daqui pra frente, sozinhos.

Pedimos desculpas aos acordos feitos até então, shows previstos (Kill Again Fest em Brasília e Silêncio Fúnebre Fest em Campo Grande) e o público interessado em nos ver; além disso, futuros lançamentos, etc. Ainda será possível encontrar material por aí, na Black Hole e internet. Já a gente não tem mais nada.
Obrigado a todos e todas pela companhia, pelo apoio.

Sejam felizes, se puderem!

Subterror (*2009 - 2017)"

O último lançamento do SUBTERROR foi o excelente "Antropomortum" (2015), uma porrada sonora muita recomendada para fãs de crust/death metal. Para mim, esse foi um dos melhores lançamentos de 2015.

Leia aqui a resenha de "Antropomortum"
361 acessosSubterror: crust/death para agradar fãs de som extremo

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Subterror"

SaúdeSaúde
Bater cabeça pode causar danos ao cérebro

Planet RockPlanet Rock
Os 40 melhores álbuns ao vivo de todos os tempos

Sociedade AlternativaSociedade Alternativa
Fama proporcional à escassez teórica

5000 acessosOzzy Osbourne: dando "chega mais" em Mônica Apor na coletiva5000 acessosSlash: uso excessivo de drogas chocou David Bowie5000 acessosSeparados no nascimento: Dave Mustaine e Mika Hakkinen5000 acessosSepultura: Uma entrevista sincera e reveladora para Gastão Moreira5000 acessosNirvana: Bebê de Nevermind recria a capa (de novo) 25 anos depois5000 acessosPhil Anselmo: "só um idiota diria que Sabbath não é Metal"

Sobre Mário Pescada

Mineiro, leitor compulsivo, ouvinte de todas as vertentes do rock - do blues ao grindcore. Valoriza mais a honestidade e entrega em cima do palco do que a técnica. Guarda os flyers dos shows que vai como se fossem relíquias.

Mais matérias de Mário Pescada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online