Ratt: Stephen Pearcy pede desculpas e explica performance lamentável

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda, Fonte: Facebook
Enviar Correções  

O vocalista Stephen Pearcy pediu desculpas aos fãs após ter se apresentado em estado lamentável durante um show do Ratt em Huntington, Nova York (EUA), na última quarta-feira (26). Na ocasião, Pearcy passou parte da performance sentado e com sérios problemas para cantar no tempo ou afinação corretos.

Slipknot: Corey explica as nojentas desvantagens das máscaras

Nirvana: Krist Novoselic comenta o suicídio de Cobain

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Quero me desculpar com os fãs do Ratt pela performance de ontem, principalmente com aqueles que estavam no show. Estou lidando com sérias dores no joelho, que está para ser operado em janeiro. E, na noite anterior, cometi o péssimo erro de misturar álcool aos meus remédios e isso destruiu minha performance. Não há desculpa para o meu comportamento", disse Pearcy.

Um vídeo de "Round And Round", do show em questão, tem circulado nas redes sociais desde a última quinta-feira (27). Nele, é possível ver Stephen Pearcy sentado na plataforma da bateria e visivelmente alterado. Em certo momento, ele chega a se apoiar nas peças do instrumento para não cair.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Veja outros vídeos da apresentação:

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O baixista Juan Croucier explicou, ainda durante o show, que Stephen Pearcy estava "com muitas dores" no joelho. Apesar do problema, Pearcy e seus colegas de Ratt optaram por não cancelar a apresentação pelo "amor aos fãs".

Atualmente, o Ratt conta com apenas dois integrantes de sua formação clássica: Stephen Pearcy e Juan Croucier. O guitarrista Warren DeMartini deixou a banda recentemente, junto do baterista Jimmy DeGrasso e do também guitarrista Carlos Cavazo.

Além de Pearcy e Croucier, a formação atual do Ratt conta com Jordan Ziff e Chris Sanders nas guitarras e Pete Holmes na bateria.



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Exodus: Dokken e Ratt OK, mas Enuff Z'Nuff é uma merdaExodus
"Dokken e Ratt OK, mas Enuff Z'Nuff é uma merda"

Top 10: músicas boas escondidas em discos não tão bonsTop 10
Músicas boas "escondidas" em discos não tão bons


Slipknot: Corey explica as nojentas desvantagens das máscarasSlipknot
Corey explica as nojentas desvantagens das máscaras

Nirvana: Krist Novoselic comenta o suicídio de CobainNirvana
Krist Novoselic comenta o suicídio de Cobain


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280 Cli336x280 GooInArt