Matérias Mais Lidas

imagemEngenheiros do Hawaii e as tretas com Titãs, Lulu Santos, Lobão e outros

imagemEdu Falaschi descobriu que seu primo famoso tem mais seguidores que ele no Instagram

imagemIggor Cavalera diz que reunião da formação clássica do Sepultura seria incrível, mas...

imagemGregório Duvivier: "Perto de Chico Buarque, Bob Dylan é uma espécie de Renato Russo!"

imagemTravis Barker, do Blink-182, é hospitalizado às pressas e filha pede orações

imagemJoão Gordo diz que não torce pela seleção brasileira de futebol

imagemNovo clipe do Megadeth foi filmado no litoral de São Paulo, veja fotos

imagemQuando Jimi Hendrix chamou Eric Clapton para subir no palco e afinar sua guitarra

imagemCinco nomes do heavy metal que já gravaram músicas do ABBA

imagemAvenged Sevenfold e o álbum do Guns N' Roses que deveria ser mais valorizado

imagemNergal diz que Behemoth é mais que anti-religião e emociona-se com LGBTQ e aborto

imagemVeja diz que David Coverdale só passa vergonha nas redes sociais

imagemMike Portnoy e a música do Rush que virou um grande sucesso do Guns N' Roses

imagemKerry King explica por que não assumiu o posto de guitarrista do Megadeth

imagemMustaine diz que novo álbum tem uma das músicas mais rápidas que o Megadeth escreveu


Stamp

Andre Matos: a voz que orgulhava um país que não a merecia

Por Victor de Andrade Lopes
Fonte: Sinfonia de Ideias
Em 18/06/19

O segundo sábado de junho de 2019 reservou uma desagradável surpresa para a comunidade heavy metal: a morte do cantor e pianista Andre Coelho Matos, mais conhecido pelo primeiro e último nomes. As notícias sempre o resumirão como "ex-vocalista do Angra", mas nós todos sabemos que ele foi muito mais do que isso.

Andre era uma referência no metal internacional, e isso ficou óbvio pela quantidade de músicos e bandas das mais diversas vertentes do heavy metal e dos mais diversos países que manifestaram pesar pela sua morte. Todos unânimes em reconhecer seu talento, seu profissionalismo e sua relevância.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Pioneirismo, Iron Maiden e múltiplas bandas

Ainda adolescente, Andre Matos fundou o Viper, um dos grupos mais importantes do metal nacional. Dois álbuns e alguns anos depois, conforme a banda se aventurava no thrash metal, ele foi se aventurar em música clássica e conquistou uma graduação no ramo. No início dos anos 1990, formou o Angra, que viria a ser a segunda banda mais relevante do heavy metal brasileiro, e pôde dar vazão simultânea aos dois gêneros musicais aparentemente antagônicos que ele tanto apreciava.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Poucas pessoas percebem, mas a mistura de heavy metal com música erudita que o Angra fazia já em sua estreia, Angels Cry (1993), ainda podia ser considerada revolucionária para a época, e certamente ninguém esperava que uma banda fora da Europa empreendesse isso. Mas o Angra o fez - e não recebe o devido crédito por seu pioneirismo, devo adicionar.

Já com o disco seguinte, o Angra lançou um grande clássico: Holy Land (1996), em que o heavy metal colidia não apenas com o erudito, mas também com a própria música brasileira. Novamente, temos aqui Andre Matos em cada nota musical. O único grande defeito do álbum foi ter sido lançado pouco depois de Roots, a revolucionária joia musical com a qual o Sepultura abalou as estruturas do thrash metal e eclipsou totalmente o trabalho do grupo paulista.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Do Brasil para o outro lado do Atlântico agora. Quando Bruce Dickinson deixou o Iron Maiden em 1993, Andre foi um dos mais cotados para substituí-lo. Na verdade, ele só não entrou por ser latino-americano. O então quarteto britânico optou pelo conterrâneo Blaze Bayley, com quem ficariam por meia década. De qualquer forma, fica o exemplo do quanto Andre já era consagrado fora do Brasil em tão pouco tempo de carreira. Isso mais de 20 anos antes de Kiko Loureiro entrar para o Megadeth e deixar toda a comunidade headbanger nacional cheia de orgulho - gostando dele ou não.

As aventuras musicais no Angra renderam apenas mais um lançamento: Fireworks (1998). Conflitos com outros membros e principalmente com o empresário da banda levaram o cantor a largar o grupo e ainda levar junto o baixista Luis Mariutti e o baterista Ricardo Confessori, com quem ele formou o Shaman - outra banda de grande relevância no metal nacional. Sua história no grupo rendeu dois álbuns, sendo o primeiro deles (Ritual, 2002) quase tão fora da caixa quanto Angels Cry foi.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Foi nessa época também que ele iniciou sua participação no Avantasia, metal opera encabeçada pelo amigo Tobias Sammet, do Edguy. Andre deixou sua marca em algumas faixas de The Metal Opera I e II (os dois primeiros álbuns do projeto) e depois apareceu em apenas mais uma música: "Blizzard on a Broken Mirror", do The Wicked Symphony (2010). Por outro lado, ele fez diversas aparições ao vivo com o projeto. Um de seus últimos shows foi justamente na etapa brasileira da turnê do Moonglow (2019), poucos dias antes de sua morte.

Com seu falecimento, apaga-se também o sonho de um dia vê-lo no Ayreon, outra grande metal opera, cujo líder (Arjen Anthony Lucassen) já havia declarado que tanto ele quanto Edu Falaschi (seu sucessor no Angra) estavam na "wish list" de vocalistas para o projeto - juntamente a centenas de outros nomes.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Outras parcerias notórias incluem "Prince with a 1000 Enemies", em Rabbits' Hill, Pt. 1 (2012), do Trick or Treat, grata surpresa do power metal italiano na última década; e sua participação no coral de Consign to Oblivion (2005), do Epica.

No início de sua última década de vida, Andre formou com Timo Tolkki (ex-Stratovarius) o Symfonia, supergrupo de power metal que contava ainda com Mikko Härkin, Jari Kainulainen e Uli Kusch. O que era para ser um álbum estupendo acabou sendo um lançamento genérico que não agradou a crítica e empolgou apenas um punhado de fãs mais apaixonados. A banda encerrou suas atividades em cerca de um ano após mais um surto do instável Timo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Como artista solo, Andre lançou três discos. Apesar da qualidade da banda de apoio e de faixas memoráveis como "How Long (Unleashed Away)" e "Endeavour", sua carreira solo nunca realmente alcançou o mesmo nível de relevância e sucesso que sua história em outras bandas, mas não deixa de ser parada obrigatória para quem quer conhecer a obra dessa lenda.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Vegetariano, corintiano, discreto... ignorado

Andre era vegano convicto e falava orgulhosamente de sua opção de vida, que o levou a um calendário especial ilustrado com imagens de outras personalidades veganas ao lado de animais.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Uma qualidade ainda maior sua é a de corintiano. Quando o Timão foi em busca do bicampeonato mundial em 2012, Andre foi flagrado cantando uma versão em japonês do hino do clube paulistano. Certos privilégios, só quem faz parte do bando de loucos tem.

Andre era um sujeito discreto e, logicamente, seu velório foi reservado, longe das lentes das câmeras e do assédio dos fãs. Seus parentes demoraram a falar com a imprensa sobre sua morte e só o fizeram em consideração aos fãs. Pouco se sabia de sua família, exceto que ele tinha um filho na Suécia.

Apesar disso, fiquei surpreso negativamente que o Jornal Nacional, telejornal mais assistido do Brasil, não se dignou a sequer mencioná-lo na edição do dia de sua morte. Não que eu esperasse cobertura ao vivo do funeral, uma longa reportagem biográfica ou algum outro privilégio normalmente reservado apenas aos enlatados promovidos pela emissora.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Mas simplesmente ignorar a morte de um músico tão reconhecido lá fora pode não ser mero desdém pela cultura não-hegemônica. É talvez sintoma de algo mais grave, como o repertório cultural deficiente dos novos jornalistas. Quer dizer, muitos naquela redação talvez nem soubessem quem Andre Matos era, ou talvez não tivessem discernimento suficiente para determinar a importância de noticiar sua morte.

A maneira fria ou meramente nula com que a morte de Andre Matos foi recebida pela imprensa em geral, bem como o fato de sua música ser negligenciada em favor das bobajadas costumazes, são motivos mais que suficientes para dizermos que ele era um talento que o Brasil não merecia - como tantos outros, de tantas áreas diferentes. Mesmo cantando quase sempre em inglês, Andre contribuiu mais para a cultura brasileira (dentro e fora daqui) do que mil desses nomes efêmeros que poluem as rádios.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

E só para justificar o "quase" usado no parágrafo anterior, encerremos este post com um registro dele cantando em português:


Morte de Andre Matos

imagemAndre Matos: Morreu a lenda do Metal nacional

imagemAndre Matos: "Uma das perdas mais impactantes para o mundo do Heavy Metal", diz Falaschi

Andre Matos: Provável causa da morte foi um ataque cardíaco

Andre Matos: Felipe Andreoli comenta morte do vocalista

imagemAndre Matos: "você não pode ir embora assim", lamenta Ratos de Porão

imagemAndre Matos: "destino nos uniu, separou, reuniu e pregou essa", diz Shaman

imagemAndre Matos: A vida é um sopro. É o que dá pra dizer.

imagemAndre Matos: "estou arrasado com essa notícia trágica", diz Tobias Sammet

imagemAngra: comunicado oficial da banda sobre a morte de Andre Matos

Andre Matos: "a vida é frágil demais", lamenta Kiko Loureiro

Angra: Comunicado sobre o show de hoje

Andre Matos: Kazagastão recupera entrevista do Angra de 1995

imagemAndre Matos: inigualável, inesquecível e imortal

Andre Matos: músicos e amigos se manifestam nas redes sociais

Rafael Bittencourt: "O Brasil perde um talento insubstituível"

Andre Matos: a morte do vocalista e o fim de ciclos no metal brasileiro (vídeo)

Canal Barbônico: Serguei e Andre Matos, duas perdas tristes pro rock e metal

imagemAndre Matos: em vídeo, Kiko Loureiro fala sobre a morte do parceiro

Andre Matos: O ícone, o carisma e o músico

imagemAngra: Andre Matos quase saiu antes de Fireworks; banda ensaiou com Falaschi

imagemAngra: Andre Matos havia dado sinal verde para reunião, diz Kiko Loureiro

Andre Matos: Um talento raríssimo em meio aos artistas brasileiros

Andre Matos: Nota oficial do empresário da banda Shaman

Andre Matos: Angra publica vídeo de "Carry On" em homenagem ao vocalista

imagemAndre Matos: nota oficial confirma causa da morte e informa que não haverá velório

Marcio Guerra Canto: Andre Matos, a voz do Metal BR

imagemBruno Sutter: "Obrigado, mestre Andre Matos!"

imagemAndre Matos: "Se eu tivesse que ir embora desse mundo em breve, iria feliz"

imagemAndre Matos: Sander Gommans presta homenagem ao vocalista

There's a meaning to life: relembrando Andre Matos

imagemAndre Matos: fãs reclamam por Jornal Nacional não noticiar morte

Herman Li: "sem Angra, não existiria Dragonforce", diz guitarrista

Fabio Lima: em vídeo, uma homenagem a Andre Matos

imagemPaulo Baron: "Adeus, Andre Matos!"

Rafael Bittencourt: "Somos frágeis e precisamos um do outro"

imagemShaman: banda libera último show completo em homenagem a Andre Matos

Shaman: Fabio Ribeiro fala sobre o Andre Matos no Ramona 89

imagemHeavy Talk: "Ao maestro, com carinho!"

Andre Matos: petição busca transformar data de sua morte em Dia do Metal

Tá na Capa: descanse em paz, Andre Matos

Andre Matos: uma homenagem em animação por Val Andrade

imagemAndre Matos: Andreas Kisser faz homenagem ao saudoso vocalista

Andre Matos: cantor será homenageado com missa de sétimo dia em SP

imagemAndre Matos: Não deixe para depois (vídeo)

Andre Matos: Bruno Sutter comenta sobre a partida do amigo

Rodz Online: Andre Matos 1971-2019 (vídeo)

Andre Matos: Rappin Hood homenageia o goleiro campeão do RockGol

imagemAndre Matos: família fala pela primeira vez sobre a morte do artista

imagemRegis Tadeu: Andre Matos foi diferenciado (vídeo)

Marcos de Ros: sobre o falecimento do Andre Matos (vídeo)

Andre Matos: Andreas Kisser homenageia vocalista no Rio Montreux (vídeo)

Andre Matos: Músicos prestam homenagem em Los Angeles

imagemAndre Matos: o gênio inquieto

imagemAndre Matos: a mensagem de Felipe Machado

imagemKiko Loureiro: porque não falei com Andre Matos por vinte anos

Andre Matos: multidão lota missa, enquanto Rafael Bittencourt toca e canta

imagemRegis Tadeu: O Angra foi formado em torno do Andre Matos

imagemRegis Tadeu: Andre Matos, Angra e o Poder do Perdão

Shaman: cover de "Fairy Tale" feito por Pedro Campos

Kiko Loureiro: Em vídeo, guitarrista volta a falar sobre Andre Matos

Angra: drum cover de "Carry On" feito por Pedro Tinello

Richard Navarro: "A partida do Andre foi um baque muito grande para todos nós"

Andre Matos: Ouça a homenagem do programa Pegadas de Andreas Kisser

Andre Matos: homenageado por artistas nacionais e internacionais em rádio catarinense

Andre Matos: O que ele me ensinou e não pude agradecer

Terça livre: Andre Matos - Técnica, composição e obra

Andre Matos: A homenagem de Serginho Groisman

imagemAndre Matos: Assista a missa e homenagem de Rafael Bittecourt e fãs

Esfera do Rock: A perda de Andre Matos

Andre Matos: Conselheiros do Corinthians homenageiam vocalista

Andre Matos: Rock Add traz especial com depoimentos de pessoas ligadas ao vocalista

Eduardo de Souza Bonadia: Homenagem ao Andre Matos (e outras histórias de outrora)

Dia Estadual do Heavy Metal: Projeto de deputado paranaense institui data

imagemShaman: a última entrevista de Andre Matos

Andre Matos: Cada fã tem sua história - e eu, minha rapsódia

Andre Matos: Dune Hill lança lyric vídeo com uma das últimas participações do cantor

imagemAndre Matos: ele planejava focar na música clássica e morar perto do filho

Angra: "A morte do Andre foi um enorme meteoro no planeta metal brasileiro"

Andre Matos: homenagem no Sana 2019 em Fortaleza

imagemAndreas Kisser: Andre Matos tocava Iron Maiden numa época que poucos conseguiam

imagemAndre Matos: Prefeitura de SP declara dia de sua morte como Dia do Metal

O crescimento do Dia do Rock e o nascimento do Dia do Metal no Brasil

imagemKrisiun: homenagem a Andre Matos no Dia Internacional do Rock

Esfera do Rock: Andre Matos se foi. E agora?

Retrospectiva 2019: a morte de Andre Matos

imagemAndre Matos: live trouxe gravações do cantor com banda solo tocando ao vivo; assista

Todas as matérias sobre "Morte de Andre Matos"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Almah: Edu diz que já foi ameaçado por fãs de Andre Matos



Sobre Victor de Andrade Lopes

Victor de Andrade Lopes é jornalista (Mtb 77507/SP) formado pela PUC-SP com extensões em Introdução à História da Música e Arte Como Interpretação do Brasil, ambas pela FESPSP, e estudante de Sistemas para Internet na FATEC de Carapicuíba, onde mora. É também membro do Grupo de Usuários Wikimedia no Brasil e responsável pelo blog Sinfonia de Ideias. Apaixonado por livros, ciências, cultura pop, games, viagens, ufologia, e, é claro, música: rock, metal, pop, dance, folk, erudito e todos os derivados e misturas. Toca piano e teclado nas horas livres.

Mais matérias de Victor de Andrade Lopes.