Metallica: Lars Ulrich pegou aulas de bateria para gravar ...And Justice For All

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda, Fonte: Let There Be Talk/ Ult. Guitar
Enviar correções  |  Ver Acessos

O quarto álbum do Metallica, "...And Justice For All" (1988), é visto como um dos mais complexos, em termos musicais, da carreira da banda. Flertando com elementos do rock/metal progressivo, o grupo superou, neste trabalho, alguns padrões que eles próprios haviam estabelecido em discos anteriores.

Metallica: James Hetfield volta aos palcos em tributo a Eddie Money, veja vídeoOzzy Osbourne: Madman dá a cura para a ressaca

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em entrevista ao podcast Let There Be Talk, transcrita pelo Ultimate Guitar, o guitarrista Kirk Hammett relembrou como foi o trabalho do Metallica em "...And Justice For All". O músico comentou que todos estavam em busca de superação - inclusive o baterista Lars Ulrich, que estava pegando aulas com Jeff Campitelli, que tocava na banda de Joe Satriani.

"Queríamos soar o mais estranho possível. Na época, muita música que ficava popular mostrava técnica musical. Foi o auge dos álbuns de guitarra, como os de Joe Satriani. Muitas bandas de hair metal, comerciais, tinham guitarristas incríveis, porém, canções que eram uma m*rda. Era o pensamento: 'vamos mostrar o quanto de nossa musicalidade está aqui'", afirmou Kirk, inicialmente.

Desta forma, o quarto álbum do Metallica se tornou um "veículo" para mostrar a musicalidade da banda, segundo o guitarrista. "Fiquei feliz com isso, pois venho de um lugar onde isso estava centrado. O álbum de Joe Satriani ('Surfing With The Alien', 1987) era a maior coisa do mundo na época", disse.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em busca de evolução, Lars Ulrich passou a estudar a bateria. "Em certo ponto, Lars pegou aulas com o baterista de Joe Satriani (Jeff Campitelli), então, ele conseguiu uma perspectiva e uma abordagem diferentes na bateria. Queríamos implementar isso na sonoridade e foi assim que nasceu '...And Justice For All'", concluiu Kirk.

Em entrevista concedida em 2017, Lars Ulrich relembrou do período que resultou em "...And Justice For All". "Passei por um momento onde eu me sentia compelido a mostrar habilidade. Eu tinha Dave Lombardo (Slayer) e Charlie Benante (Anthrax) logo atrás de mim. Tentei inteisificar e fazer coisas insanas. Chegava com riffs de bateria e ideias que James Hetfield (vocalista e guitarrista) criava riffs em cima, tipo a faixa título", afirmou.

O baterista percebeu, pouco tempo depois, que estava errando em sua abordagem. "Eu tentava levar a bateria muito para o primeiro plano. Após um ou dois anos, eu pensava: 'sério, apenas faça seu lance, fique calmo, dê apoio aos riffs e faça o melhor para a música'", disse.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Metallica"Todas as matérias sobre "Lars Ulrich"


Metallica: James Hetfield volta aos palcos em tributo a Eddie Money, veja vídeoMetallica
James Hetfield volta aos palcos em tributo a Eddie Money, veja vídeo

Discos e Histórias: a ressurreição do Metallica em Death MagneticDiscos e Histórias
A ressurreição do Metallica em Death Magnetic

Zé do Caixão: Kirk Hammett, do Metallica, lamenta morte de José Mojica MarinsZé do Caixão
Kirk Hammett, do Metallica, lamenta morte de José Mojica Marins

Metallica: vídeo oficial de "For Whom the Bell Tolls" em Michigan

Discos e Histórias: a raiva caótica e o quase fim do Metallica em St. AngerDiscos e Histórias
A raiva caótica e o quase fim do Metallica em St. Anger

Discos e Histórias: Metallica e o fim de uma era em ReloadDiscos e Histórias
Metallica e o fim de uma era em Reload

Discos e Histórias: Metallica e o rompimento com o metal em LoadDiscos e Histórias
Metallica e o rompimento com o metal em Load

Discos e Histórias: Black Album, o disco que mudou a vida do MetallicaDiscos e Histórias
Black Album, o disco que mudou a vida do Metallica

Metallica: show acústico nos EUA para fim de março é adiado; Brasil segue em abrilMetallica
Show acústico nos EUA para fim de março é adiado; Brasil segue em abril

Discos e Histórias: Metallica e a estreia de Jason Newsted em ... And Justice for AllDiscos e Histórias
Metallica e a estreia de Jason Newsted em ... And Justice for All

Whiplash.Net no YouTube: Você prefere Metallica ou Megadeth?Whiplash.Net no YouTube
Você prefere Metallica ou Megadeth?

Lou Reed: cinco parcerias do vocalista no Rock' N' RollLou Reed
Cinco parcerias do vocalista no Rock' N' Roll


Ozzy Osbourne: Madman dá a cura para a ressacaOzzy Osbourne
Madman dá a cura para a ressaca

Mr Catra: Uma lista das suas maiores influências no rock (vídeo)Mr Catra
Uma lista das suas maiores influências no rock (vídeo)


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e apaixonado por rock há mais de uma década. Começou a escrever sobre música em 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Atualmente, é redator-chefe da área editorial do site Cifras e mantém um site próprio (www.IgorMiranda.com.br). Também co-fundou o site Van do Halen, para o qual trabalhou até 2013.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

adClio336 adClioIL adClio336 adClioIL