RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemTodos os rockstars que já recusaram ser condecorados pela rainha Elizabeth II

imagemO hit de Cazuza feito durante internação e que seria indireta para affair Ney Matogrosso

imagem"Hi Regis, I'm Paul!": o dia em que Paul McCartney ligou para Regis Tadeu

imagemManeskin e o grande temor que Gastão Moreira tem em relação à banda

imagemAxl e o pequeno gesto com Slash comprovando que as tretas do passado ficaram pra trás

imagemMembro do Guns N' Roses vai na Galeria do Rock de SP e compra camiseta oficial

imagemO protagonismo do Sepultura em relação a Anitta, segundo João Gordo

imagemBob Dylan revela como conhecer seu maior ídolo o fez deixar de venerar pessoas

imagemArnaldo explica por que saía do palco quando Titãs tocava hit de "Cabeça Dinossauro"

imagemRenato Russo tentava boicotar Legião marcando show em dia de jogo na copa de 1994

imagemA surpreendente música do Metallica que Trujillo mostraria para quem não conhece a banda

imagemPor que Casagrande precisou de escolta de psicóloga para participar de programa de Gordo?

imagemBlack Sabbath: 4 obscuras influências musicais da formação original

imagemRitchie Blackmore em 2018: "Eu gostaria de fazer um show com o Deep Purple"

imagemGuns N' Roses no Allianz Parque de SP: veja setlist e vídeos da apresentação


Stamp

Kiara Rocks: eles pagaram para tocar no Rock in Rio em 2013? Kadu Pelegrini responde

Por Igor Miranda
Em 17/05/21

O Kiara Rocks surpreendeu parte do público quando, em 2013, foi escalado para tocar no palco principal, chamado Palco Mundo, do Rock in Rio. A banda, formada em 2007 pelo vocalista Kadu Pelegrini, abriu para Iron Maiden, Avenged Sevenfold e Slayer naquela ocasião.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Como uma banda relativamente jovem, que ainda estava lançando seu segundo álbum e não havia chegado a estourar nacionalmente, conseguiu uma oportunidade no Rock in Rio? Será que eles pagaram para tocar no festival?

Em entrevista ao podcast Falacadabra, com transcrição do Whiplash.Net, Kadu Pelegrini negou que tenha feito qualquer investimento financeiro em busca de uma vaga no Rock in Rio. O vocalista afirmou, ainda, que é "impossível comprar vaga" no festival, exaltando o caráter de seu organizador, Roberto Medina.

"Não existe pagar para tocar no Rock in Rio. É algo que preciso deixar bem claro. Para diminuir seu trabalho, muita gente fala. A maioria é de outros músicos que querem achar uma desculpa para você estar no Rock in Rio e nunca ser por seu talento. Nunca é pelo que você batalhou, mas porque você deu um jeito", disse.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Kadu destacou que mesmo se fosse possível pagar para tocar no Rock in Rio, o Kiara Rocks não teria dinheiro para isso. "Primeiro, que a gente nunca teria nem perto de um dinheiro assim. Segundo, o Medina tem um caráter íntegro e nunca venderia um espaço no Rock in Rio", declarou.

De acordo com o vocalista, o festival é notório por abrir espaço para bandas menos conhecidas. "Os Paralamas do Sucesso não eram muita coisa quando tocaram em 1985, mas ele deu a chance. Ele tem essa de ajudar bandas novas. Em 2011, foi o Gloria", comentou.

Processo de seleção

Ainda durante a entrevista, Kadu Pelegrini contou um pouco sobre o processo de seleção de bandas para tocar no Rock in Rio. O cantor disse que o próprio Roberto Medina é quem seleciona as atrações, após ouvir diversos materiais enviados para sua produção.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"O Medina ouve todos os álbuns, tudo que é coisa nova, e o nosso CD chegou lá, junto de uma c***lhada de discos. Havia dois gerentes de palco: um do Palco Sunset e outro do Palco Mundo específico para bandas nacionais. O material passa por eles também. O Medina destacou essa banda (Kiara Rocks), colocou no telão, começou a assistir os clipes e decidiu colocar no festival", revelou.

De acordo com Kadu, o Kiara Rocks iria se apresentar, inicialmente, no Palco Sunset, com shows no período da tarde, antes dos principais. "O show seria no Palco Sunset, que havia se interessado, e já iríamos chamar o Paul Di'Anno, por ser no dia do Iron Maiden. Geralmente, era uma banda nacional com um convidado internacional. Eu tinha uma amizade com o Paul Di'Anno e por ele já estar no Brasil e nossa empresária da época ter contato com ele, decidimos chamá-lo", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Porém, segundo ele, a gerente do Palco Mundo quis saber um pouco mais do Kiara Rocks e acabou se interessando em trazê-los para o espaço principal do evento. "Ela quis ouvir, falou com o Medina, depois ligou para a empresária e disse para colocar a gente para tocar no Mundo. Perguntou se aceitamos, porque fiquei sabendo que tem bandas que, a depender dos artistas que vão tocar depois, não aceitam, preferem um palco menor porque acham que vão jogar coisas neles", disse.

O que despertou a atenção de Roberto Medina com relação ao Kiara Rocks foi, de acordo com Kadu, o som e a atitude da banda, que remetiam ao Guns N' Roses, um dos grupos prediletos do empresário. "Avisamos que não era uma banda de metal, mas ele curtiu a atitude. Ele até falou em uma entrevista que era parecido com o Guns N' Roses. Então, apareceu na internet: 'Medina compara Kadu a Axl Rose'. Só que eu não falei nada, ele é que lembrou, porque ele ama Guns N' Roses", destacou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Por fim, o frontman apontou que recebeu muitos comentários negativos nas redes sociais ainda antes do show, por conta da comparação feita com o Guns N' Roses. Na época, ele respondia às ofensas, o que hoje classifica como um erro.

"Na época, eu era um baita de um idiota, porque eu sempre respondia às ofensas, sempre queria discutir, tudo virava um fórum. Em vez de valorizar quem elogiava, eu chegava xingando. Virava uma bola de neve e eu nunca ganhei nada com isso. Quando parei com isso, minha vida ficou melhor. Mas essa fase foi f*da, muita coisa acontecendo", concluiu.

Assista à entrevista completa no player de vídeo a seguir (as declarações transcritas têm início a partir de 52min).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

NFL Steve Harris


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Kiara Rocks: Cadu Pelegrini mostra seu apartamento em São Paulo

Metal SP: documentário sobre Heavy Metal em São Paulo

Duran Duran: top 5 de covers feitos por bandas de Rock/Metal

Kiara Rocks: eles pagaram para tocar no Rock in Rio em 2013? Kadu Pelegrini responde

Van Halen: o constrangedor encontro de Eddie com o Nirvana

A importância da revista Playboy na vida de alguns rockstars


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda.