RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemQuando Roberto Carlos foi alfinetado por Raul Seixas, mas o Rei gostou do que ouviu

imagemA icônica reportagem de Glória Maria em que Raul Seixas disse que foi atropelado por onda

imagemAs queixas que colegas do Paralamas mais fazem sobre Herbert Vianna, segundo o próprio

imagemO grande amor de Renato Russo que durou pouco mas marcou sua vida para sempre

imagemQuando o Lynyrd Skynyrd irritou Mick Jagger ao abrir o show dos Rolling Stones

imagemApós dez anos, Jason Newsted procura guitarristas para montar um projeto de metal

imagemA bizarra lembrança que Kerry King tem do último show do Slayer

imagemMax Cavalera escolhe seus álbuns "não metal" preferidos

imagemA reação de Jairo Guedz quando houve o racha do Sepultura no auge do sucesso

imagemA única música tocada no Festival de Woodstock que atingiu o primeiro lugar nas paradas

imagemManowar confira apresentação única em São Paulo para setembro

imagemO hit da Legião Urbana antiviolência cantado sob perspectiva de jovem da periferia

imagemPink Floyd: Nick Mason comenta as músicas que formam a trilha sonora de sua vida

imagemA vingança de Joana Prado (ex-Feiticeira) contra filhos briguentos que envolve RPM

imagem"A vida é curta", afirma Floor Jansen, vocalista do Nightwish


Def Leppard Motley Crue 2

Nirvana: Bebê da capa de "Nevermind" processa banda por "pornografia infantil"

Por Igor Miranda
Postado em 25 de agosto de 2021

Spencer Elden, o bebê que aparece na capa do álbum "Nevermind" (1991), do Nirvana, está processando os músicos remanescentes da banda, bem como o espólio de Kurt Cobain, falecido em 1994. A acusação é de "pornografia infantil".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A ação foi movida na justiça americana através do escritório de advocacia Marsh Law Firm PLLC e apresentada ao tribunal de Los Angeles. Nela, Spencer Elden afirma que a clássica imagem que estampa o disco desrespeita leis federais de pornografia infantil.

De acordo com o site Blabbermouth, o homem, que hoje tem 30 anos de idade, alega que seu "nome legal e identidade estão para sempre ligados à exploração sexual comercial que sofreu como menor de idade, distribuída e vendida em todo o mundo desde o momento em que ele era um bebê até os dias atuais".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A acusação completa que os réus "conscientemente produziram, tiveram posse e promoveram pornografia infantil comercialmente, retratando Spencer, e eles sabidamente receberam valor em troca de fazê-lo". "Apesar disso, os réus não tomaram medidas razoáveis para proteger Spencer e evitar a disseminação de sua exploração sexual e tráfico de imagens", argumenta.

Ainda conforme apresentado no processo, os pais de Spencer Elden nunca assinaram nenhum contrato que autorizasse a divulgação das fotos. Eles teriam recebido apenas US$ 200 pelas imagens. Afirma-se que os integrantes do Nirvana prometeram cobrir as genitais do bebê, o que não ocorreu.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Dessa forma, Elden pede uma indenização de US$ 150 mil (cerca de R$ 787 mil, na cotação atual) de cada um dos 17 acusados - a ação também inclui o fotógrafo Kirk Weddle e gravadoras que trabalharam no lançamento de "Nevermind". Além disso, ele solicita que seja realizada uma injunção que proíba todos os envolvidos de "seguirem relacionados às práticas ilegais" citadas no processo e que seja promovido um julgamento do caso por júri.

Lançado em setembro de 1991, "Nevermind" é o álbum de maior sucesso da carreira do Nirvana e um dos discos mais vendidos da história da indústria fonográfica. Mais de 30 milhões de cópias do trabalho foram comercializadas mundialmente, no embalo de hits como "Smells Like Teen Spirit", "Come as You Are", "Lithium" e "In Bloom".

Em entrevistas, Spencer Elden já havia revelado certo incômodo por ter aparecido na capa do álbum. À revista Time, em 2016, ele declarou: "É uma viagem. Todos os envolvidos no álbum ganharam muito, muito dinheiro. Sinto como se eu fosse o último a ser lembrado do grunge. Moro com minha mãe e dirijo um Honda Civic. É difícil não se chatear quando você se lembra da quantidade de dinheiro envolvida. Vou a um jogo de beisebol e penso: 'todos aqui provavelmente viram meu pequeno pênis de bebê'. Sinto que uma parte dos meus direitos humanos foi revogada".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Nirvana: O processo movido pelo bebê na capa de "Nevermind"

Nirvana: uma ácida resposta da filha de Kurt Cobain ao bebê de Nevermind após processo

Todas as matérias sobre "Nirvana: O processo movido pelo bebê na capa de "Nevermind""

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.
Mais matérias de Igor Miranda.