Kiss: as 10 músicas mais "demoníacas" da banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Samuel Coutinho, Fonte: ultimateclassicrock.com, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Algumas das músicas do KISS, melhor caracterizadas pelo fundador e baixista Gene Simmons, mostram todo o seu lado demoníaco. Não temos nada contra canções sobre sexo e rock 'n' roll. Mas, de alguma forma, um homem como Chaim Witz remoeu todo o mal que há dentro da alma do ser humano, e transformou tudo isso em música. Vamos dar uma olhada nas 10 Canções Mais Demoníacas de Gene Simmons.

288 acessosGene Simmons: Na capa da revista britânica Heavy Music Artwork5000 acessosOzzy Osbourne: comendo oferenda de macumba no Rock in Rio

10. "Not for the Innocent" - álbum: Lick it Up (1983)
“Bad habits drip like honey / No tongue can lick me clean”
(Maus hábitos pingam como mel, nenhuma língua pode me lamber)

9. "Mr. Blackwell" - álbum: Music from the Elder (1981)
“I am a sinner who just loves to sin”
(Sou um pecador que apenas ama pecar)

8. "Rock and Roll Hell" - álbum Creatures of the Night (1982)
“There ain't nobody gonna tell him what to do”
(Não haverá ninguém que lhe dirá o que fazer)

7. "Goin' Blind" - álbum: Hotter Than Hell (1974)
“I'm 93, You're 16….”
(Eu estou com 93, você tem dezesseis)

6. "I Love It Loud" - álbum: Creatures of the Night (1982)
“Two-fisted, till the very end!”
(Com dois punhos até o fim)

5. "Almost Human" - álbum: Love Gun (1977)
“The moon is out, I think I'm gonna change…”
(A lua está fora, eu penso que eu vou mudar)

4. "War Machine" - álbum: Creatures of the Night (1982)
“Set the demons free, and watch them fly!”
(Libertar os demônios e os assistir voar)

3. "Unholy" - álbum: Revenge (1992)
“I'm the infection and famine that's knocking at your door.”
(Eu sou a infecção e a doença que está batendo em sua porta)

2. "Watchin' You" - álbum: Hotter Than Hell (1974) e Alive! (1975)
“And I'm trying baby, trying not to stare”
(Estou tentando, baby, não ficar encarando)

1. "God of Thunder" - álbum: Destroyer (1976)
“I gather darkness to please me, and I command you to kneel!”
(Eu me uno à escuridão para me satisfazer e eu ordeno que você se ajoelhe perante ao ...)

Os responsáveis são citados no texto. Não culpe os editores. :-)

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 26 de agosto de 2011
Post de 22 de novembro de 2012
Post de 24 de abril de 2014
Post de 24 de abril de 2014
Post de 19 de outubro de 2015
Post de 19 de junho de 2017

Paul StanleyPaul Stanley
"Guitarristas não aprendem a fazer base"

288 acessosGene Simmons: Na capa da revista britânica Heavy Music Artwork550 acessosMarcos de Ros: Gene Simmons, o Capitalista Malvadão504 acessosAce Frehley: "Anomaly" ganha versão deluxe; ouça música inédita0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Kiss"

KissKiss
Ace Frehley mostra como quebrar um quarto de hotel

Paul StanleyPaul Stanley
"Vergonha alheia" de artistas que comentam política

KissKiss
A bizarra semelhança entre Paul Stanley e Ronaldo Esper

0 acessosTodas as matérias da seção Maiores e Melhores0 acessosTodas as matérias sobre "Kiss"

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Comendo oferenda de macumba no Rock in Rio I

MetallicaMetallica
Hetfield fala sobre Dave Mustaine, Load e homossexualidade

Andre MatosAndre Matos
"Eu não estava preparado para cantar no Maiden!"

5000 acessosSonho de Consumo: os 10 palcos de shows mais desejados5000 acessosGastão Moreira: A coleção do VJ, apresentador e jornalista musical5000 acessosPagando mico: 10 maneiras de ser expulso ou humilhado em um show5000 acessosFotos: e se o Slash aparecer acenando no fundo?5000 acessosZakk Wylde: "Randy Roads estava a frente de todos"5000 acessosAvenged Sevenfold: "Não somos mais a banda da MTV que usava maquiagem"

Sobre Samuel Coutinho

Nascido no interior de SP no dia 15/12/1986, em uma cidade chamada Ilha Solteira, Samuel Coutinho se entregou ao heavy metal logo na adolescência. Seu forte sempre foi o heavy metal melódico, variando desde o prog-metal até ao power-metal.

Mais matérias de Samuel Coutinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online